Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2021-03-10T09:51:09-03:00
O melhor do Seu Dinheiro

Precisamos falar sobre os juros

10 de março de 2021
9:51
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

No começo de março do ano passado, o ex-diretor do Banco Central Tony Volpon foi uma das primeiras vozes do mercado a defender a necessidade de corte imediato da taxa básica de juros (Selic) diante da crise iminente com a pandemia do coronavírus.

Olhando hoje, essa avaliação pode até parecer óbvia. Mas, na época em que ele concedeu a entrevista ao Seu Dinheiro, a economia ainda estava em pleno funcionamento e as primeiras medidas de isolamento social para conter o avanço da covid-19 sequer haviam sido tomadas.

O resto é história. O BC diminuiu a Selic para a mínima histórica de 2% ao ano, o que levou o Brasil a operar com taxas reais negativas — algo inimaginável antes da pandemia.

Volpon voltou a falar com o Seu Dinheiro um ano depois daquela entrevista, mas agora com uma visão oposta. Ele entende que o Banco Central precisa voltar a elevar os juros, e já na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que acontece na próxima semana.

Mais uma vez, não se trata de uma escolha simples. Afinal, o país vive a pior fase da pandemia, o que certamente vai se refletir no desempenho da atividade econômica ao longo do ano.

Mas o ex-diretor do BC e atualmente estrategista-chefe da WHG entende que a Selic nos níveis atuais provoca hoje mais danos do que benefícios ao país. Entenda os argumentos do economista na entrevista concedida ao repórter Ivan Ryngelblum.

O que você precisa saber hoje

MERCADOS

Em uma sessão um pouco mais calma, o Ibovespa fechou ontem em alta de 0,65%, aos 111.330 pontos, acompanhando o avanço nas bolsas dos EUA e com os investidores reagindo positivamente a notícias de que a PEC Emergencial não seria desidratada. O dólar avançou 1,66%, aos R$ 5,7974.

O que mexe com os mercados hoje? A PEC emergencial foi aprovada ontem e o segundo turno deve ocorrer hoje, com o perigo de desidratação afastado pelo presidente da Casa, Arthur Lira. Mas o clima antecipado de polarização política segue preocupando os investidores e pode afetar os negócios ao longo do dia.

EMPRESAS

A Totvs anunciou ontem a maior aquisição de sua história, da empresa de marketing digital RD Station. O negócio de R$ 1,8 bilhão fortalece a divisão de gestão de desempenho empresarial da gigante brasileira de tecnologia.

A BR Distribuidora fechou 2020 com chave de ouro (ou gasolina). A rede de postos que era controlada pela Petrobras teve um crescimento de 76,6% no lucro líquido no ano passado. Com isso, a companhia entregou antecipadamente a rentabilidade que era esperada apenas para 2021.

ECONOMIA

Para alívio do mercado, a Câmara dos Deputados aprovou nesta madrugada, em primeiro turno, o texto da PEC Emergencial, mantendo as medidas de ajustes nas despesas aprovadas pelo Senado, abrindo caminho para uma nova rodada do auxílio emergencial.

O Brasil bateu novo recorde de mortes por covid-19. Em 24 horas, foram registrados 1.972 óbitos em consequência do novo coronavírus, segundo o Ministério da Saúde.

Você sabe como fazer a declaração de dependentes no Imposto de Renda? Veja aqui como realizá-la de forma correta para evitar problemas com a Receita Federal.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua manhã". Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro abre em queda após aumento de juros e IGP-M acima do esperado e dólar avança hoje

A agenda de balanços conta com Petrobras e Vale, enquanto o exterior deve sentir cautela antes da inflação nos EUA amanhã

O melhor do Seu Dinheiro

Nem tudo é terra arrasada pela alta dos juros, o mercado pós-Copom e outros destaques do dia

O aperto monetário ressuscitou a renda fixa, com alguns CDBs voltando a pagar taxas de 1% ao mês ou mais.

COLUNA DO JOJO

Bolsa hoje?: Unidos do Aperto Monetário… Nota… Dez!

Como se não bastasse ter que se preocupar com os resultados de Vale e Petrobras, que juntas representam mais de 20% do Ibovespa, ainda teremos que digerir a alta de 150 pontos-base da Selic

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: bolsa deve refletir taxa de juros mais alta em dia de leitura do PIB dos EUA

A agenda de balanços conta com Petrobras e Vale, enquanto o exterior deve sentir cautela antes da inflação nos EUA amanhã

NA DÚVIDA, ADIA

No restabelecimento da presença obrigatória em Brasília, governo fica sem quorum e retira PEC dos Precatórios

Nova tentativa de votação é esperada para hoje, mas o temor de que não haja deputados em quantidade suficiente para a aprovação persiste

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies