Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-02-16T14:38:46-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Máxima histórica

Bitcoin bate novo recorde e ultrapassa os US$ 50 mil

Criptomoeda vem sendo impulsionada pela entrada de investidores institucionais, como grandes fundos de investimento, e grandes empresas no mercado de criptoativos

16 de fevereiro de 2021
12:43 - atualizado às 14:38
Bitcoin Foguete criptomoedas
A recuperação do mercado de criptomoedas é encabeçada pelo bitcoin (BTC) hoje; confira cotações e preços - Imagem: Montagem de Andrei Morais / Shutterstock

O bitcoin atingiu nesta terça-feira (16) mais uma marca histórica. Pela manhã, a criptomoeda subiu 4,7% no dia e ultrapassou os US$ 50 mil pela primeira vez - o equivalente a quase R$ 270 mil. Há pouco, a moeda digital negociava na faixa dos US$ 48 mil.

O bitcoin vem renovando máximas neste ano, à medida que vem sendo adotado por grandes empresas, ganhando mais notoriedade e atraindo investidores institucionais, movimento já antecipado por especialistas neste mercado.

Recentemente, o bilionário Elon Musk anunciou que sua fabricante de carros elétricos Tesla havia adquirido US$ 1,5 bilhão em bitcoins para diversificar as reservas da empresa.

Já a MasterCard e o banco BNY Mellon anunciaram que passarão a adotar as criptomoedas nas suas atividades. A operadora de cartões de crédito permitirá que comerciantes nos Estados Unidos aceitem criptomoedas selecionadas em sua rede a partir do final deste ano.

O banco americano, por sua vez, informou que pretende custodiar bitcoin e outras criptomoedas ainda em 2021. Uber e Twitter também estudam como adotar criptoativos nas transações que realizam.

A expectativa dos investidores é que as próximas altas do bitcoin possam ser impulsionadas pela profissionalização e regulamentação desse setor, bem como pela entrada de grandes investidores institucionais no mercado, além da continuidade da adoção das criptomoedas por grandes empresas.

Além disso, a grande liquidez vista hoje nos mercados globais, com juros nas mínimas e estímulos fiscais, tende a desvalorizar as moedas fiduciárias, como o dólar, impulsionando os ativos que têm oferta limitada e que podem oferecer função de reserva de valor, como é o caso do bitcoin, além dos tradicionais metais preciosos.

A oferta de bitcoins é reduzida a cada quatro anos, até o momento em que novos bitcoins não serão mais "emitidos".

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

O melhor do Seu Dinheiro

Plante hoje, colha amanhã: o que a agricultura pode te ensinar sobre o investimento em startups?

Investir em uma startup é como adubar uma semente e aqui você confere tudo para não deixar suas plantinhas na mão

Dia de decisão

Ações da Oi (OIBR3) disparam mais de 45% em dez pregões; Anatel decide hoje sobre venda para Claro, TIM e Vivo; acompanhe

Ações sobem na expectativa para reunião da Anatel que avalia a venda da Oi Móvel para Claro, TIM e Vivo; acompanhe ao vivo o encontro que acontece às 10h

DE OLHO NA BOLSA

Esquenta dos mercados: Bolsas no exterior operam sem direção definida de olho na inflação dos EUA e Ibovespa mira em coletiva de Paulo Guedes hoje

Depois de recuperar força e encerrar aos 112 mil pontos ontem (27), a bolsa brasileira deve acompanhar a divulgação do resultado primário do governo e a coletiva do ministro da Economia

Sextou com o Ruy

Investindo em startups: empresas iniciantes podem trazer ganhos absurdos com uma grande tacada, mas ela precisa ser certeira

Antes destinado para milionários, hoje em dia já existe plataforma aberta para você investir em startups com grande potencial de valorização. E com aportes tão pequenos quanto R$ 1 mil.

Mais de 200 empresas

A temporada de resultados vem aí: confira o calendário de balanços do quarto trimestre de 2021

A temporada de resultados do quarto trimestre começa nesta terça (1º). Confira o calendário de balanços feito pelo Seu Dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies