Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-11-26T19:47:03-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
PAPO CRIPTO #007

Tecnologia que criou o bitcoin (BTC) pode reduzir custo de captação de recursos em quase 70%, diz chefe de ativos digitais do BTG

“Empresas pequenas e médias têm menor possibilidade de acesso ao mercado de capitais, muito por causa dos custos envolvidos”, comenta

27 de novembro de 2021
6:00 - atualizado às 19:47
André Portilho, responsável pela área de ativos digitais do BTG Pactual.
André Portilho, responsável pela área de ativos digitais do BTG Pactual Imagem: Divulgação

O surgimento das criptomoedas colocou em xeque o papel das instituições financeiras como bancos e fintechs. Há quem diga que os dois mundos são opostos e que não podem se misturar: agora os clientes não precisam mais deles para investir e fazer negócios. 

Mas a solução para essa briga entre passado e presente passa pela união desses mundos. A tokenização de ativos, por exemplo, é uma das saídas para o mercado tradicional para se beneficiar da eficiência dos ativos digitais. 

A avaliação é de André Portilho, responsável pela área de ativos digitais do BTG Pactual. O banco foi o primeiro do mundo a lançar um ativo tokenizado em imóveis, em 2019.

Em entrevista ao Papo Cripto, programa do Seu Dinheiro sobre criptomoedas, ele comentou sobre os benefícios da criptografia para o ganho de eficiência dos negócios. 

“Empresas pequenas e médias têm menor possibilidade de acesso ao mercado de capitais, muito por causa dos custos envolvidos. Com esse avanço tecnológico trazido pelo bitcoin, o custo de captação de recursos chega à metade, às vezes menos de um terço, do que um processo normal de mercado”, comenta. 

Entretanto…

O surgimento dos protocolos de finanças descentralizadas foi outro duro golpe nas instituições financeiras. Agora, além de os investidores poderem negociar moedas sem a necessidade de um banco, empréstimos e outros tipos de contratos são feitos por meio de um protocolo automatizado. 

Mesmo assim, Portilho não se deixa intimidar e ainda afirma que esse tipo de protocolo cresceu, sim, mas ainda precisa solucionar “problemas mundanos”, como no caso de uma falha do sistema.

“As pessoas ainda estão muito acostumadas a ver um rosto nos investimentos. No limite, não tem quem você processar se o protocolo parar.” 

No Papo Cripto #007, o head de ativos digitais do BTG Pactual comenta como as instituições financeiras podem caminhar lado a lado com a inovação e comenta as apostas para o futuro. Aperte o play e assista ao programa logo baixo:

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro avança próximo da estabilidade e dólar cai de olho no exterior positivo e nos balanços dos bancos de hoje

As commodities permanecem em rota de valorização, com o petróleo e o minério de ferro em destaque hoje

O melhor do Seu Dinheiro

Um guia com 51 investimentos para 2022, a queda das ações tech na B3, Binance e outros destaques do dia

Confira os investimentos mais promissores do ano, além de uma análise completa dos riscos e oportunidades nas principais classes de ativos

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas buscam recuperação lá fora, de olho nos balanços do dia e Ibovespa foca no cenário doméstico

O presidente da República, Jair Bolsonaro, tem até sexta-feira (21) para decidir sobre o Orçamento e o reajuste dos servidores públicos

PAPO CRIPTO #010

Maior corretora de criptomoedas do mundo, Binance vê 2022 como o “ano da regulação” do mercado

“Existe um preconceito com o mercado de criptomoedas como um todo”, diz a representante da Binance no Brasil sobre países que proibiram a atuação da corretora

NOVA ONDA

Covid-19 volta a ganhar força e Brasil bate recorde de casos confirmados da doença em 24 horas

Números de novos casos em apenas um dia ultrapassou a marca de 137 mil; Ministério da Saúde também confirmou mais 351 mortes pela doença

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies