Menu
2020-10-02T11:21:59-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
GANHANDO FORÇA

Santander anuncia compra de 60% da Toro Investimentos e vai unir operações com a Pi

O negócio com a Toro é o terceiro envolvendo plataformas de investimento nos últimos meses. O valor não foi relevado, mas envolverá compra de ações, aumento de capital e aporte de ativos da Pi, a plataforma do Santander

29 de setembro de 2020
9:22 - atualizado às 11:21
Santander
Sede do Santander Brasil - Imagem: Shutterstock

A disputa cada vez mais acirrada entre as plataformas de investimento está afunilando. O Santander anunciou nesta terça-feira (29) a compra de 60% da Toro Investimentos.

O banco realizou a aquisição por meio de sua plataforma digital de investimentos, a Pi DTVM. O valor da operação não foi revelado, mas envolverá compra de ações, aumento de capital e aporte de ativos operacionais da Pi. Após a união, a empresa vai adotar a marca da Toro, com as cores da Pi.

Fundada em 2010, em Belo Horizonte, como uma fintech de educação financeira, a Toro recebeu autorização como corretora para o público em geral em 2018. Mais de 1 milhão de pessoas estão cadastradas na plataforma, que desde a fundação já movimentou R$ 100 bilhões.

Em meio à intensa disputa vista no mercado de plataformas digitais de investimentos, a Toro anunciou em agosto que zerou a taxa de corretagem para todos os produtos da bolsa, como ações e fundos imobiliários. Nos últimos cinco meses, a Toro saltou da 20ª para a 12ª posição na B3 em volume de negócios.

Já a Pi foi criada do zero pelo Santander em 2019 como uma tentativa do banco de competir no mercado de plataformas de investimento no varejo. Mas a corretora não engrenou e, no meio do ano, mudou o foco para atender fundos e consultores de investimento.

Gabriel Kallas, co-fundador e CEO da Toro, permanecerá no comando da empresa, e José Clemenceau, executivo que responde pela Pi, assumirá a diretoria de operações após a união.

O negócio entre Santander e Toro é o terceiro envolvendo plataformas de investimento nos últimos meses. Em junho, o Credit Suisse anunciou acordo para comprar até 35% da modalmais, e no começo do mês o Nubank entrou na disputa com a compra da Easynvest.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

uma bolada

Bradesco paga R$ 5 bilhões em juros sobre capital próprio

Valor representa R$ 0,416 por ação ordinária e R$ 0,458 por ação preferencial, após o desconto do Imposto de Renda

seu dinheiro na sua noite

Dólar abaixo de R$ 5, Selic de volta aos 7% e o investimento da Petz em página de gatinhos

Apesar dos avanços na vacinação e do relaxamento nas medidas de distanciamento social, o fato de ainda estarmos convivendo com o coronavírus e uma elevada mortalidade pela covid-19 faz com que 2021 tenha um sabor de 2020 – parte 2. Assim tem sido, pelo menos para mim. Imagino que também seja assim para todas as […]

atenção, acionista

Weg e Lojas Renner anunciam juros sobre capital próprio; confira valores

Empresa de fabricação e comercialização de motores elétricos paga R$ 86,1 milhões; provento da varejista chega a R$ 88 milhões

Alívio no câmbio

Dólar fica abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez em mais de um ano — e o empurrão veio dos BCs

O dólar à vista terminou o dia em R$ 4,96, ficando abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez desde 10 de junho de 2020. O Ibovespa caiu

Constitucionalidade em xeque

Autonomia do Banco Central: STF retoma julgamento no dia 25, mas recesso pode estender votação até agosto

A lei em análise restringe os poderes do governo federal sobre a autoridade máxima da política monetária do País

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies