Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-09-11T10:46:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
te cuida xp?

Nubank compra Easynvest e entra na disputa das plataformas de investimento

Corretora tem mais de R$ 23 bilhões de ativos sob custódia e 1,5 milhão de clientes; valores da negociação não foram divulgados

11 de setembro de 2020
10:35 - atualizado às 10:46
Cartão e aplicativo do Nubank
Cartão e aplicativo do Nubank - Imagem: Shutterstock

O Nubank anunciou nesta sexta-feira (11) a compra da corretora Easynvest. O valor da operação não foi divulgado. A aquisição deve potencializar a capacidade do banco de disputar o mercado de plataformas de investimento, liderado pela XP Investimentos.

A Easynvest tem mais de R$ 23 bilhões de ativos sob custódia e 1,5 milhão de clientes. A corretora foi uma das primeiras a oferecer acesso online à bolsa no Brasil, em 1999, e a primeira a oferecer acesso por aplicativo mobile ao mercado de renda fixa, em 2016.

Já o Nubank começou em 2014 com serviço de cartão de crédito, mas avançou com outras soluções. A compra da Eeasynvest deve promover a conexão da base de clientes entre as empresas e dar tração para a plataforma da corretora.

Para o fundador e CEO do Nubank, David Vélez, o mercado de investimentos no Brasil é repleto de produtos "complexos, caros e cercados de conflitos de interesse". "Na Easynvest, encontramos um parceiro que não apenas compartilha nossa visão, nossos valores e nosso propósito, mas que também tem uma forte posição de liderança", disse.

No entanto, por ora nada muda para os usuários dessas plataformas, segundo o Nubank. Um grupo de trabalho será formado para planejar uma eventual integração. Além disso, ainda é preciso aprovação do Banco Central e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Essa é a terceira aquisição do Nubank neste ano - a empresa recebeu recentemente um aporte de US$ 400 milhões - e acontece em meio ao aumento de investidores na Bolsa.

Olho nos resultados

Ao final do primeiro semestre o Nubank tinha 26 milhões de clientes (hoje são 30 milhões), mais que o dobro dos 11 milhões de 12 meses antes. A empresa, que registrou prejuízo de R$ 95 milhões no período, gosta de ressaltar que operar no vermelho é uma "decisão".

Se o avanço do número de clientes costumava significar maior prejuízo para fintech, a dinâmica começa a mudar, com o aumento da proporção de clientes antigos em relação aos novos.

A fintech comemorou também na primeira metade deste ano o aumento de 60% nos depósitos feitos pelos clientes, com um saldo de R$ 17,3 bilhões ao fim do primeiro semestre.

O resultado levou a empresa a terminar o primeiro semestre com R$ 19,9 bilhões em caixa, crescimento de 48% em relação ao que tinha no fim do ano passado e um recorde na história de sete anos da instituição.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

seu dinheiro na sua noite

Uma tarde de soluços nos mercados

O preço dos combustíveis, um dos grandes vilões da elevada inflação brasileira, não dá sinais de enfraquecimento. Muito pelo contrário: a passagem do furacão Ida pelo Golfo do México deve seguir impactando a oferta de petróleo por mais alguns meses, o que traz reflexos diretos ao preço da commodity. O Brent fechou em alta pela […]

menos méliuz

Méliuz (CASH3): Truxt reduz participação na companhia

Negociações têm por objetivo investimento e não visam alterar a composição do controle ou a estrutura administrativa da empresa

atenção acionista

Dividendos: Multiplan (MULT3) paga R$ 270 milhões em juros sobre capital próprio

Empresa vai considerar os acionistas inscritos nos registros da companhia no dia 28 de dezembro, dado que as ações de emissão da companhia passaram a ser negociadas “ex juros” a partir de 29 de dezembro

FECHAMENTO DO DIA

Petrobras dá susto, mas commodities garantem o avanço do Ibovespa; dólar sobe a R$ 5,37

A convovação de uma coletiva de última hora assustou os investidores, mas o Ibovespa retomou o ritmo de alta após a estatal confirmar que não irá mexr nos preços.

acesso bloqueado

Vale (VALE3) faz operação para resgatar 39 funcionários presos em mina no Canadá

De acordo com a empresa, na tarde de domingo (26), uma pá escavadeira que estava sendo transportada no acesso à mina subterrânea se desprendeu, bloqueando o shaft e, com isso, impedindo o meio de transporte dos empregados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies