Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-07-29T07:55:48-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
dinheiro no bolso

Magazine Luiza paga R$ 322,6 milhões aos acionistas

Valor, aprovado em assembleia nesta terça-feira, corresponde aos resultados de 2019; parte é em juros sobre capital próprio e outra em dividendos

29 de julho de 2020
7:55
Fachada do Magazine Luiza, concorrente de Via e Americanas
Imagem: Divulgação

O Magazine Luiza paga no dia 19 de agosto R$ 322,6 milhões em proventos aos acionistas. O valor, aprovado em assembleia nesta terça-feira, corresponde aos resultados de 2019.

No ano passado, a empresa teve um crescimento de 54% no lucro, que chegou a R$ 921 milhões. A varejista é um dos casos de sucesso da bolsa nos últimos anos, inclusive diante da pandemia.

Entre o valor anunciado pelo Magazine Luiza aos acionistas, R$ 112 milhões referem-se ao pagamento de juros sobre capital próprio - cuja cifra bruta por ação é de R$0,0736066061, com base na posição acionária de 7 de outubro 2019.

Outra parte, de R$ 58 milhões, também corresponde a juros sobre capital próprio, mas com base na posição acionária do dia 23 de dezembro. De acordo com o Magazine Luiza, são R$0,0357891574 por ação.

Um terceiro provento, de R$ 152,6 milhões, refere- se ao pagamento de dividendos - R$ 0,0941659675 por ação. A base é do dia 30 julho de 2020, ainda segundo a companhia.

Instruções quanto ao crédito desses pagamentos:

  • Os acionistas terão seus créditos disponíveis de acordo com o domicílio bancário fornecido ao Banco Itaú S/A
  • Instituição Depositária de Ações, a partir da data de início da distribuição deste direito;
  • Para os acionistas cujo cadastro não contenha a inscrição do número do CNPF/CNPJ ou a indicação de "Banco/Agência/Conta Corrente", os dividendos somente serão creditados a partir do 3º dia útil, contado da data da atualização cadastral nos arquivos eletrônicos do Banco Itaú S/A, que poderá ser efetuada através de qualquer agência da rede;
  • Maiores informações poderão ser obtidas junto às agências do Banco Itaú S.A., especializadas no atendimento a acionistas, no horário bancário

Juros e dividendos

Os dividendos e juros sobre capital próprio constituem a porção do lucro das empresas que é distribuída periodicamente aos acionistas.

Enquanto os dividendos têm benefício tributário aos acionistas, os Juros sobre Capital Próprio beneficiam a empresa.

É que o provento é considerado uma despesa financeira: contribui para reduzir a base tributária da companhia, que paga menos imposto.

Em razão disso, os Juros sobre Capital Próprio não são isentos de IR para os acionistas. Eles são tributados na fonte a uma alíquota de 15%.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

PROMESSA DESCUMPRIDA

Reforma administrativa não sai antes das eleições, admite relator da proposta na Câmara

O deputado Arthur Maia afirmou que faltou empenho do executivo para garantir que o texto fosse aprovado no Congresso

FOGUETE SEM FREIO

Boeing tropeça e SpaceX, de Elon Musk, garante mais três viagens tripuladas com a Nasa

O plano original era alternar missões com as duas empresas, mas o Starliner, foguete da Boeing, deve ficar impedido de voar até 2023

ALÍVIO NO BOLSO

Sem dizer quanto, Bolsonaro promete que Petrobras (PETR4) anunciará redução no preço dos combustíveis nesta semana

O presidente, que é um dos críticos mais ferrenhos da política de preços da estatal, afirmou que a queda deve seguir por algumas semanas

INVESTIDORES ATENTOS

4 fatos que mexem com o Ibovespa na próxima semana — incluindo Copom e IPO do Nubank

O principal índice acionário brasileiro terá um calendário cheio de eventos e dados econômicos para digerir ao longo dos próximos dias

Alívio no Orçamento

Com receita acima do esperado, Economia reduz estimativa de rombo nas contas públicas em 2022

Considerando todo o setor público, o que inclui Estados e Municípios, as novas projeções da pasta preveem até mesmo um saldo positivo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies