2020-10-13T09:22:37-03:00
NOVAS EXPECTATIVAS

Mercado eleva projeção para inflação em 2020 após resultado em setembro

Relatório do Focus mostra ainda leve piora nas projeções para o PIB de 2020, após semanas seguidas de melhora

13 de outubro de 2020
9:22
Dados de inflação do CPI, balanços e ata do Fed devem movimentar o exterior hoje - Imagem: Shutterstock

O mercado elevou consideravelmente a expectativa para a inflação em 2020, após o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) alcançar, em setembro, o maior resultado par ao período desde 2003.

A edição mais recente do Relatório Focus, levantamento de projeções feito pelo Banco Central (BC) com economistas do mercado e divulgado nesta terça-feira (13), mostra que a mediana de expectativas agora é de 2,47%, acima dos 2,12% do boletim divulgado na semana passada. Esta foi a nona semana consecutiva de alta.

O IBGE divulgou na sexta-feira (9) que o IPCA, o índice oficial de inflação do País, subiu 0,64% no mês passado, acima dos 0,24% de agosto. Para 2021, as projeções para o IPCA avançaram de 3,00 para 3,02%.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Para outubro, as estimativas foram de 0,40% para 0,45%, de acordo com o Focus. Um mês antes, a expectativa era de alta de 0,33%.

Apesar da aceleração da inflação, os economistas consultados pelo BC mantiveram a previsão de que a taxa básica de juros, a Selic, fechará 2020 em 2,00% ao ano. Esta é a 15ª semana seguida de manutenção.

E eles continuam a esperar uma Selic em 2,50% ao ano ao final de 2021.

PIB e câmbio

O Relatório do Focus mostra ainda uma leve piora nas projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) de 2020, após semanas seguidas de melhora.

A mediana das projeções aponta para uma contração de 5,03% este ano, enquanto na semana passada ela era de queda de 5,02%. Ainda assim, está melhor do que o projetado há quatro semanas (-5,11%).

O mercado manteve pela 20ª semana consecutiva a projeção de que a economia brasileira crescerá 3,50% em 2021.

No caso da taxa de câmbio ao final do ano, a expectativa para a cotação do dólar ao final do ano subiu, de R$ 5,25 para R$ 5,30. O mesmo ocorreu com a projeção para 2021 – de R$ 5,00 para R$ 5,10.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

O MELHOR DA SEMANA

Ronaldo Fenômeno ficou maluco? Saiba como funciona a SAF, que permitiu ao craque pagar R$ 400 milhões pelo Cruzeiro

Conheça também os principais candidatos a Sociedade Anônima de Futebol e para que tipo de clube ela pode ser mais interessante

Dê o play!

Com a Selic acima de 10%, quais os próximos passos do BC? O podcast Touros e Ursos debate o futuro da taxa de juros

No podcast Touros e Ursos desta semana, a equipe do SD discutiu o cenário para a Selic e o BC em 2022. Até onde o Copom vai subir os juros?

Sinal amarelo

Marfrig (MRFG3) confirma participação em oferta da BRF (BRFS3), mas não poderá assumir o controle da empresa; entenda

Segundo um comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários hoje, as compras da Marfrig estarão limitadas a sua participação acionária atual

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa no azul apesar da volatilidade, bitcoin no vermelho e imbróglios com FII e Oi: o que marcou o mercado nesta sexta

Numa semana marcada pela escalada das tensões entre Rússia e Ucrânia, decisão de juros nos Estados Unidos e um discurso mais hawkish (duro contra a inflação) por parte do presidente do banco central americano, Jerome Powell, o Ibovespa conseguiu, mais uma vez, acumular alta. E as bolsas americanas – pasme – também. A sexta-feira (28) […]

DESINVESTIMENTOS

Em negócio bilionário, Petrobras (PETR4) vende ativos na Bacia Potiguar para subsidiária da 3R Petroleum (RRRP3); saiba quanto entrou nos cofres da estatal

A bola da vez é um conjunto de 22 concessões de campos de produção terrestre e de águas rasas, juntamente à sua infraestrutura de processamento, refino, logística, armazenamento, transporte e escoamento