Menu
2020-03-23T19:07:57-03:00
contra a crise

Fed anuncia expansão de programas de empréstimos para sustentar economia

BC americano disse que disse que as compras de Treasuries e títulos lastreados que aprovou há uma semana serão basicamente ilimitadas

23 de março de 2020
10:47 - atualizado às 19:07
Presidente do Fed, Jerome Powell, em entrevista nesta quarta-feira.
Presidente do Fed, Jerome Powell. - Imagem: Federal Reserve

O Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) anunciou nesta segunda-feira uma agressiva expansão de programas de empréstimos para impulsionar os mercados de crédito, ajustando seus dispositivos para incluir certos tipos de dívida corporativa e municipal.

Em comunicado, o Fed disse que as compras de Treasuries e títulos lastreados que aprovou há uma semana serão basicamente ilimitadas. O BC americano informou que comprará US$ 375 bilhões em Treasuries e mais US$ 250 bilhões em títulos lastreados em hipotecas nesta semana.

Segundo o Fed, as compras dos títulos serão feitas nos volumes necessários para garantir "o bom funcionamento dos mercados e eficiente transmissão da política monetária para condições financeiras mais amplas e para a economia".

O Fed também anunciou que começará a comprar títulos comerciais lastreados em hipotecas emitidos por entidades com apoio do governo.

"Como grandes incertezas persistem, ficou claro que nossa economia vai enfrentar severos transtornos", disse o Fed no comunicado. "Agressivos esforços devem ser feitos nos setores público e privado para limitar as perdas de emprego e de renda e promover uma rápida recuperação assim que os transtornos diminuírem."

O Fed também anunciou que vai lançar mais três dispositivos de crédito, dois dos quais se destinarão a grandes empregadores, e um terceiro, conhecido como TALF, para apoiar financiamento para consumidores e empresas.

A ideia é que os três dispositivos apoiem US$ 300 bilhões em novos financiamentos, e o Departamento do Tesouro irá cobrir US$ 30 bilhões em perdas, disse o BC americano.

O Fed também ampliou dois outros dispositivos anunciados na semana passada para incluir novos tipos de dívidas municipais.

O BC dos EUA informou ainda que em breve anunciará um novo programa para incentivar empréstimos a pequenas e médias empresas.

Bancos poderão utilizar colchão de capital

Em nova nota, o Fed informou sobre "mudança técnica para apoiar a economia dos EUA e permitir que os bancos continuem emprestando a famílias e empresas com crédito".

No comunicado, o Fed destacou que a nova regra facilitará o uso do TLAC, um colchão adicional de capital e dívida de longo prazo que poderá ser destinado a recapitalizar um banco se ele estiver em perigo.

De acordo com o Fed, na última década, bancos de todos os tamanhos dos EUA construíram níveis substanciais de capital e liquidez além de seus requisitos mínimos.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

medida anticrise

Governo amplia prazos para suspensão de contratos e redução de jornada

Redução de jornada e salário pode ser estendida por um mês e a suspensão, por dois meses, segundo diário oficial

Novos estímulos

Coreia do Sul: governo anuncia pacote de US$ 133 bilhões para estimular economia

Esse plano econômico segue uma série de estímulos fiscais do governo, incluindo três orçamentos extras para este ano, para sustentar a economia atingida pela pandemia

Inovação tecnológica

Petrobras economiza US$ 30 milhões em nova técnica de perfuração de poço

O conceito TOTUS, desenvolvido e patenteado pela Petrobras, poderá ser utilizado em determinados campos maduros do pós-sal onde as características geológicas e de reservatório favorecem sua aplicação, ainda conforme a empresa

Comércio global

Ministros das Américas mostram temor com protecionismo e fome durante pandemia

Foi o segundo encontro de cúpula de agricultura realizado desde que foi declarada a pandemia do novo coronavírus, sob a organização do IICA e da Agência das Organização das Nações Unidas para Alimentação e a Agricultura (FAO)

recuperação

‘Prévia’ do PIB do BC indica alta de 1,31% da economia em maio

Na comparação com o mesmo período do ano passado, no entanto, o IBC-Br caiu 14,24%; números evidenciam os impactos da pandemia sobre a atividade

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements