⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-02-13T19:38:35-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

OK, Google. Por que o dólar está subindo?

13 de fevereiro de 2020
19:38
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A pergunta que dá título à newsletter desta noite é a mais digitada pelos brasileiros na busca do Google quando o assunto é dólar.

Pudera, às vezes até mesmo nós aqui do Seu Dinheiro nos pegamos em busca de respostas para essa pergunta, que é bem menos trivial do que parece.

Assim como a queda de um avião, os movimentos de alta e baixa do dólar raramente são explicados por um único fator. Nem mesmo os especialistas encontraram uma explicação consensual para a valorização que ganhou força no segundo semestre do ano passado.

Muita gente boa no mercado defendia que investidores estrangeiros estavam vendendo reais em busca de proteção (hedge) contra a piora no ambiente econômico de países vizinhos, como Argentina e Chile.

Essa explicação fazia todo o sentido, mas foi descartada pelo presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.

Ao participar de um evento no mês passado, ele deu um peso bem maior ao pré-pagamento de dívidas no exterior por empresas brasileiras como motivo para a alta da moeda.

Mais recentemente, a incerteza dos efeitos do surto do coronavírus na economia global levou a uma busca por ativos mais seguros, como a boa e velha moeda do país de Donald Trump.

O que todos concordam é que o fortalecimento do dólar é um efeito colateral de algo muito bem-vindo e aguardado: o processo de queda dos juros a níveis civilizados no Brasil.

Mas essa não é a única pergunta das pessoas que recorrem ao Google. Elas também querem saber: Quanto que está o dólar hoje? Quando o dólar vai baixar? Por que o dólar subiu tanto? O que faz o dólar subir?

Se você também tem essas dúvidas, nem precisa recorrer ao buscador. Basta ler o texto que o Victor Aguiar preparou com respostas para todas essas questões.

A voz do cidadão

“Eu, como cidadão, acho que está um pouquinho alto o dólar.” No caso, o cidadão da frase é Jair Messias Bolsonaro. Ao seu estilo, o presidente também reclamou da valorização da moeda norte-americana. Ele disse que costuma se informar sobre as razões da alta (no Banco Central, não no Google), mas que não interfere diretamente nas decisões da área econômica. Leia tudo o que o capitão disse.

De volta ao jogo

Com tanta polêmica em torno do preço do dólar, ele não poderia deixar de ser o protagonista do dia nos mercados. O dia começou com o câmbio ainda mais pressionado, mas logo a sexta alta consecutiva da moeda norte-americana deu espaço a um recuo de 0,39%. Tudo isso graças a alguém que andava sumido pelo mercado e resolveu voltar para o jogo, como você confere na cobertura do Victor Aguiar.

Tropeço na largada

Quem se animou com a estreia triunfal das ações da Mitre e Locaweb, que fizeram IPOs neste ano, pode ter se decepcionado com a incorporadora Moura Debeux, que teve sua largada na bolsa hoje. Os papéis ordinários da empresa fecharam em queda de 2,63%, em um sinal negativo para o apetite do investidor. A queda abriu uma oportunidade de compra a um preço ainda mais atrativo? Nesta matéria eu conto para você as minhas impressões.

Por falar em IPO…

…o mestre Ivan Sant’Anna preparou uma análise imperdível sobre a experiência dele com investimentos em ações de empresas que abrem o capital ao público. O texto é exclusivo para assinantes do Seu Dinheiro Premium. Para destravar seu acesso e conhecer os benefícios, basta clicar aqui.

No lugar certo

O Banco Inter divulgou o balanço de 2019 ontem à noite e as ações reagiram em queda no pregão desta quinta-feira. Mas para o BTG Pactual existem boas razões para manter o otimismo com o banco digital, que fechou o ano passado com 4 milhões de clientes. Na opinião dos analistas, o número pode dobrar neste ano. Confira a recomendação e o preço-alvo para os papéis com o Felipe Saturnino.

Fundo Garantidor vai trabalhar

O Banco Central decretou a liquidação extrajudicial da financeira Dacasa, que trabalhava com empréstimo pessoal, Crédito Direto ao Consumidor e empréstimo consignado. O Fundo Garantidor de Créditos (FGC) deverá ressarcir os investidores que tiverem aplicações de renda fixa emitidas pela financeira, que eram vendidas em plataformas de investimento. A Julia Wiltgen traz os detalhes.

União para as horas ruins

Investir em debêntures equivale a emprestar dinheiro para uma empresa. Mais ou menos como acontece com o CDB de um banco, mas sem a garantia do fundo garantidor. Por isso, quando o emissor dos papéis quebra, como aconteceu com a Rodovias do Tietê, as perdas são enormes. No vendaval de decepções, o nosso colunista Felipe Miranda resolveu falar sobre o caso e trazer uma sugestão para quem quer reverter pelo menos parte dessas perdas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

ELEIÇÕES 2022

Padre Kelmon é chamado de “laranja, mentiroso e impostor”, irrita Lula e até Bonner no debate da Globo

30 de setembro de 2022 - 1:12

Além de entrar em atrito com outros candidatos — com exceção de Jair Bolsonaro —, Kelmon desrespeitou as regras do debate ao interromper as respostas dos adversários

ELEIÇÕES 2022

Lula e Bolsonaro trocam acusações no debate da Globo: “mentiroso, traidor da Pátria, tome vergonha na cara”

29 de setembro de 2022 - 23:10

Início do debate foi marcado por uma série de pedidos de resposta entre o petista e o presidente que tenta a reeleição; confira os principais trechos

Market Makers

Seja Lula ou Bolsonaro, política fiscal é principal preocupação da Faria Lima com o próximo governo

29 de setembro de 2022 - 20:06

O Market Makers fez seu primeiro episódio ao vivo e ouviu as visões de sete gestores diferentes sobre as Eleições 2022

Questões contábeis

Problemas na decolagem: Eve, dos carros voadores da Embraer (EMBR3), precisará refazer o balanço do 2º trimestre

29 de setembro de 2022 - 19:59

Questões contábeis envolvendo os bônus de subscrição geraram inconsistências no balanço da Eve; a Embraer (EMBR3) também será impactada

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

A bolsa antes do debate da Globo, motivos para deixar o Magazine Luiza (MGLU3) de lado e Pix fora do ar no Nubank; confira os destaques do dia

29 de setembro de 2022 - 19:03

Faltam poucas horas para o último debate presidencial antes do pleito do próximo domingo (02), mas o principal evento do dia foi a confirmação de que a economia americana se encontra em recessão técnica.  A divulgação dos números do Produto Interno Bruto (PIB) americano piorou o humor em Nova York. Antes disso, os investidores já […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies