Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-07-31T19:35:31-03:00
seu dinheiro na sua noite

O retorno da XP: em uma galáxia perto de você

31 de julho de 2020
19:35
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

“Luke, eu sou seu pai.” Mesmo quem não é fã dos filmes de Star Wars conhece a revelação do vilão Darth Vader, consagrada como uma das maiores reviravoltas (plot twists) da história do cinema.

Na galáxia não muito distante do mercado financeiro, uma das grandes viradas na história aconteceu com a compra da participação na XP Investimentos pelo Itaú Unibanco.

Afinal, a XP despontou como uma verdadeira rebelde do sistema financeiro, ameaçando a soberania do império liderado pelos grandes bancos como o Itaú.

Desde então, pai e filho tentaram demonstrar que, apesar da ligação, continuariam lutando em lados opostos. A diferença para os filmes é que na briga entre o banco e a corretora não há mocinhos e vilões tão bem definidos.

O Itaú pisou no calcanhar de Aquiles da XP ao lançar no mês passado uma campanha publicitária com críticas ao modelo de agentes autônomos que consagrou a corretora.

A grande questão levantada pelo banco é que a remuneração dos assessores de investimento varia de acordo com o produto vendido. Isso cria um incentivo perverso para eles oferecerem as opções que pagam as melhores comissões, não as melhores para os clientes.

Na época da propaganda, a XP respondeu de forma incisiva às críticas. Mas hoje o fundador da corretora, Guilherme Benchimol, veio a público anunciar uma mudança no modelo de cobrança dos assessores. A Julia Wiltgen conta para você em detalhes mais um capítulo dessa saga.

MERCADOS

• A bolsa caiu mais de 2% nesta sexta-feira, refletindo ajustes das carteiras de investidores e realização de lucros. Ainda assim, fechou o mês em alta de mais 8%. Confira tudo o que mexeu com os mercados.

INVESTIMENTOS

 Está pensando em fazer um resgate do fundo em que aplicou? Não faça isso antes de ler a coluna do Bruno Merola. Ele explica como você pode evitar o efeito “porta de emergência” e em quais circunstâncias você deveria sacar seus recursos.

 Qual o melhor investimento de julho: bolsa, dólar ou ouro? Nenhum deles. Na edição desta semana do podcast Touros e Ursos, a Julia Witgen e eu revelamos o ranking dos ativos no mês e o que movimentou os mercados. Se perdeu a live, é só dar play aqui!

 5,49% em dois dias. Essa foi a valorização do fundo imobiliário sugerido pelo nosso colunista Alexandre Mastrocinque aos leitores do Seu Dinheiro Premium. Você também pode ter acesso ao nosso clube VIP por apenas R$ 5. Conheça os benefícios de ser Premium.

ECONOMIA

 As contas do setor público fecharam junho com déficit de R$ 188 bilhões, recorde da série registrada desde 2001. Em junho de 2019, houve déficit primário de R$ 12,706 bilhões.

 O segmento do varejo de construção está otimista. De março a maio, 42% dos varejistas de construção perceberam crescimento nas vendas em relação ao mesmo período de 2019. Confira a razão.

EMPRESAS

 Uma das grandes afetadas pela crise do coronavírus, a Gol apresentou um prejuízo de R$ 771,8 milhões no segundo trimestre deste ano. Ainda assim, o resultado da empresa aérea veio melhor do que o mercado esperava.

 Em um dia de maior aversão ao risco nos mercados, as ações da varejista de moda Soma ganharam destaque na bolsa brasileira. Os papéis da dona das marcas Farm, Animale e Maria Filó saltaram mais de 11% na estreia na B3.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

seu dinheiro na sua noite

Fidelidade em baixa com a pandemia

Não, não estou falando da fidelidade entre casais. Até porque, por mais que a convivência excessiva em família na quarentena tenha abalado alguns casamentos, o momento não anda muito propício às puladas de cerca. Estou falando do setor de fidelidade, que abarca as empresas de programas de pontos e milhagem, sobretudo aqueles ligados às companhias […]

Empresa ligada à Vale

Justiça aprova pedido de Recuperação Judicial da Samarco

RJ não terá impacto nas atividades operacionais da mineradora, nem nas ações de reparação e compensação pela tragédia de Mariana

FECHAMENTO

Ibovespa ignora tensão em Brasília e NY no vermelho e avança 1%; dólar também sobe

Enquanto as blue chips garantiram o bom desempenho do Ibovespa, o dólar avançou 0,84%, pressionado pelo noticiário em Brasília

Exaltou integração

Presidente do Banco Central não enxerga competição entre bancos e fintechs

Segundo Campos Neto, a integração entre as mídias sociais e o sistema financeiro é maior inovação que existe no momento

Menos pontos e milhas

Setor de empresas de fidelidade encolhe quase 30% em 2020

O segmento de fidelidade movimentou R$ 5,3 bilhões em 2020, segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (ABEMF)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies