Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-04-09T15:11:21-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
mercados hoje

Ibovespa perde força e vira para queda, mostrando cautela antes do feriado; dólar cai a R$ 5,07

Notícias mais positivas nos Estados Unidos dão força às bolsas do país. O Ibovespa até acompanhou esse movimento durante a manhã, mas um tom mais defensivo começa a tomar conta dos investidores na segunda metade do pregão

9 de abril de 2020
10:41 - atualizado às 15:11
Selo Mercados AGORA Ibovespa dólar
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O Ibovespa tenta engata a quarta alta consecutiva nesta quinta-feira (9), pegando carona no otimismo visto lá fora com o novo pacote de medidas do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Mas, apesar dos ganhos no exterior, os investidores domésticos mostram-se cautelosos antes do feriado, fazendo a bolsa virar ao campo negativo.

Por volta das 15h05, o Ibovespa operava em baixa de 0,71%, aos 78.068,95 pontos, mas chegou a bater os 80.427,60 pontos na máxima (+2,29%). Nos Estados Unidos, o Dow Jones (+1,73%), o S&P 500 (+1,80%) e o Nasdaq (+0,87%) avançam em bloco.

No câmbio, o dólar à vista segue com um viés de baixa: no mesmo horário, recuava 1,28%, a R$ 5,0771 — é a quarta queda seguida da moeda americana, que era negociada a R$ 5,32 na última sexta-feira (3). Lá fora, o dia é de recuo do dólar em relação às divisas de países emergentes.

O apetite ao risco visto lá fora é impulsionado pela divulgação dos dados de preços ao produtor (PPI) nos EUA, além do anúncio de US$ 2,3 trilhões em linhas de crédito feito pelo Federal Reserve.

Também entra na conta dos investidores a teleconferência dos membros da Opep+. A reunião acontece ainda hoje e há a expectativa de um acordo para um novo corte na produção de petróleo — a imprensa internacional diz que Arábia Saudita e Rússia avançaram no diálogo.

Apesar desses fatores positivos, muitos investidores optam por tirar o pé do acelerador e diminuir as posições em bolsa, tendo em vista que os mercados estarão fechados amanhã — e, assim, não haverá como promover ajustes nas carteiras caso alguma notícia potencialmente negativa seja divulgada nos próximos dias.

Aqui e lá

Há pouco os EUA registraram novos dados sobre o mercado de trabalho. Os pedidos de auxílio-desemprego caíram 261 mil na semana encerrada em 4 de abril, para 6,61 milhões, segundo dados com ajustes sazonais publicados hoje pelo Departamento do Trabalho do país.

O total ficou acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, de 5 milhões de solicitações, mas representa uma desaceleração em relação a semana anterior - cujos dados foram revisados de 6,648 milhões para 6,867 milhões de pedidos.

No Brasil, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, anunciou mais dez medidas para ajudar construtoras. Segundo o executivo, são R$ 154 bilhões para conter a crise no setor e R$ 43 bilhões para o crédito imobiliário. O banco espera preservar 1,2 milhão de empregos.

Já o Banco Central anunciou a autorização de emissão de letra de crédito imobiliário (LCI) por cooperativas, a liberação de R$ 3,2 bilhões em requerimento de capital no crédito para PME e a possibilidade de reclassificação de operações de crédito negociado por parte das instituições financeiras.

Top 5

Veja abaixo os cinco papéis de melhor desempenho do Ibovespa nesta quinta-feira:

CÓDIGONOMEPREÇO (R$)VARIAÇÃO
ELET3Eletrobras ON25,71+7,17%
CVCB3CVC ON12,56+6,89%
ECOR3Ecorodovias ON10,82+6,81%
HGTX3Cia Hering ON14,78+6,10%
BRDT3BR Distribuidora ON20,15+5,50%

Confira também as maiores baixas do índice:

CÓDIGONOMEPREÇO (R$)VARIAÇÃO
SUZB3Suzano ON35,90-5,43%
BRML3BR Malls ON9,45-5,03%
BTOW3B2W ON58,50-4,71%
NTCO3Natura ON29,03-3,59%
GOLL4Gol PN11,48-4,25%
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Batatinha frita 1-2-3

Na Netflix (NFLX34), a virada operacional e financeira veio no Round 6 — e deu impulso ao balanço do terceiro trimestre

A Netflix (NFLX34) deu um salto no número de novos assinantes no trimestre, reanimando um ano que estava péssimo — tudo graças a Round 6

Comandante do navio

Em meio à crise econômica, Bolsonaro se isenta de culpa pela situação do país: ‘se é assim, ache um cara melhor’

Como de costume, o presidente voltou a jogar a culpa da crise nas medidas restritivas adotadas por governadores e prefeitos para conter o novo coronavírus

Quem não tem teto de vidro...

Governo cancela lançamento do Auxílio Brasil; veja por que o programa social fez a bolsa despencar e o dólar disparar hoje

Ainda não há uma nova data para o lançamento do programa, que levou o Ibovespa as mínimas antes do sinal vermelho para o anúncio

Juntando forças

Saiba mais sobre a Novi, carteira de criptomoedas criada pela parceria entre Facebook e Coinbase

Essa wallet ainda está em uma versão piloto, mas já está disponível para download e algumas pessoas estranharam a ausência da criptomoeda Diem

Desanimou

Prévias operacionais fracas derrubam ações da MRV; veja 3 motivos para a decepção dos investidores

Inflação dos custos de construção se refletiram em aumentos nos preços dos imóveis, impactando negativamente as operações da companhia no terceiro trimestre

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies