Menu
2019-06-21T19:03:46-03:00
Estadão Conteúdo
Olhando pro futuro

Grandes leilões estão sendo preparados e acontecerão no 2º semestre, diz Guedes

Ministro diz esperar reduzir o endividamento público com privatizações, algo que para ele é o segundo maior gasto do Estado

22 de maio de 2019
14:26 - atualizado às 19:03
O ministro da Economia, Paulo Guedes privatizações
Imagem: José Cruz/Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quarta-feira, 22, que, apesar de algumas privatizações e concessões já terem sido realizadas neste ano, os grandes leilões estão sendo preparados e acontecerão no segundo semestre.

"Com as privatizações, vamos reduzir o endividamento, que é o segundo maior gasto do Estado, após a Previdência", afirmou, durante palestra de mais de uma hora de duração no Seminário Previdência, organizado pelo jornal Correio Braziliense.

Segundo ele, o terceiro maior gasto do governo federal é a despesa com pessoal.

Durante a palestra, ele chegou a chamar parte do funcionalismo de "superburocratas", mas lembrou que 40% dos servidores se aposentarão nos próximos cincos anos. "Vamos travar os concursos. Vamos ter uma classe burocrática com mais qualidade e menos gente", completou.

Guedes defendeu mais uma vez a criação de um novo "pacto federativo" com maior repartição de recursos com Estados e municípios. Ele ainda prometeu que 70% da arrecadação com a exploração do pré-sal irão para os entes federativos.

"Não queremos uma porção de ministros com dinheiro no bolso trocando por votos. Não adianta recursos ficarem em Brasília, não são os ministros que vão consertar o País. O governador é que sabe se quer fazer estrada, escola ou saneamento", afirmou o ministro.

Guedes ainda criticou os Tribunais de Contas Estaduais (TCEs) que, segundo ele, explosão financeira dos Estados. "Os TCEs terão que trabalhar nos padrões do Tribunal de Contas da União (TCU)", completou.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Ninguém escapa

Cenário turbulento afeta até mesmo os IPOs da saúde, um dos setores preferidos dos investidores

Empresas com ofertas ambiciosas tiveram de reduzir suas estimativas de preços ou adiar datas para seguir com as operações

Disparada

No embalo do recorde do bitcoin, ações da Coinbase disparam mais de 70% na estreia na Nasdaq

O CEO da empresa, Brian Armstrong, comentou mais cedo sobre a abertura de capital da Coinbase ao portal CNBC

Fura-teto?

Criticado, governo vai rever PEC que livra obras do teto

O texto não caiu bem entre economistas, parlamentares e membros do próprio governo federal

Relembre a história

Crime e castigo: Bernie Madoff, responsável pela maior pirâmide financeira da história, morre na cadeia

Condenado a 150 anos de prisão, financista que fraudou US$ 20 bilhões e enganou milhares de investidores morreu em desgraça aos 82 anos. Conheça sua história e relembre seus crimes.

Atividade em queda

Indicador da FGV mostra contração da economia em março com agravamento da pandemia

A queda nas expectativas dos consumidores foi um dos destaques negativos entre os componentes do indicador

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies