Menu
2019-10-14T14:13:40-03:00
Agência Brasil
Será que vai?

Planalto espera aprovação da Previdência em primeiro turno nesta terça

Durante a manhã, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) vai votar o parecer do relator da proposta, Tasso Jereissati (PSDB-CE), e a matéria deve chegar ao plenário a partir das 16h, para que a votação seja concluída até a noite

1 de outubro de 2019
7:32 - atualizado às 14:13
Previdência Social,Reforma da Previdência

O Palácio do Planalto manifestou confiança na aprovação, em primeiro turno, da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) da reforma da Previdência no Senado Federal até a noite desta terça-feira (30).

"A nossa expectativa é muito positiva e esperamos que, de fato, amanhã nós já tenhamos encerrada essa primeira rodada da Nova Previdência, no âmbito do Senado e, logo em seguida, a segunda e, por fim, a sua aprovação final", afirmou hoje (30) o porta-voz do governo federal, Otávio Rêgo Barros, em entrevista a jornalistas.

A reforma da Previdência deve ser o único item na pauta do plenário do Senado. Durante a manhã, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) vai votar o parecer do relator da proposta, Tasso Jereissati (PSDB-CE), e a matéria deve chegar ao plenário a partir das 16h, para que a votação seja concluída até a noite ou, no máximo, até a quarta-feira (2).

Mais cedo, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou que a reforma da Previdência pode ter mais de 60 votos favoráveis na votação em plenário. São necessários 49 votos para que a Casa aprove mudanças constitucionais.

O segundo turno da votação em plenário deve ocorrer na terça-feira ou na quarta-feira da semana que vem, segundo a previsão de Alcolumbre, que se baseia em um calendário acertado entre lideranças partidárias da Casa.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Quase 2 mil mortos

Covid-19: Brasil tem segundo dia com mais mortes confirmadas

O Brasil também registrou hoje o recorde de mortes por semana. O número foi divulgado pelo Ministério da Saúde no mais novo boletim epidemiológico sobre a pandemia do novo coronavírus.

pandemia em pauta

Guedes: Por ‘infelicidade’, Bolsonaro não deixou claro problema da saúde

Guedes defendeu a imunização contra a covid-19 para evitar nova queda economia, diante da “tragédia que voltou a nos atingir” ao falar sobre o agravamento da pandemia.

O melhor do seu dinheiro

Stuhlberger blindado no dólar

Com alta de quase 10% em 2021, o dólar tem sido, até agora, um dos melhores investimentos do ano. Pode até parecer estranho, tendo em vista a quantidade de estímulos fiscais e monetários nos Estados Unidos. Mas parte dessa valorização não vem exatamente do fortalecimento da moeda americana, mas do enfraquecimento do real. É no […]

FECHAMENTO DA SEMANA

Ufa! Ibovespa avança quase 5% em semana de alta volatilidade, mas dólar vai a R$ 5,68

A PEC emergencial e a disparada dos títulos públicos norte-americanos monopolizaram o noticiário, pressionando o câmbio e a bolsa

Regime especial

STF forma maioria para manter sigilo das informações do programa de repatriação

A análise tem origem em uma ação proposta pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) em 2017.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies