Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-10-15T08:40:30-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
This is America

Presidente distrital do Fed prevê economia dos EUA desacelerar mais do que o previsto

Segundo o presidente distrital, o Fed está tentando oferecer um seguro contra o risco de baixa na economia ao alterar “dramaticamente a trajetória de política monetária ao longo de 2019”.

15 de outubro de 2019
7:53 - atualizado às 8:40
Fachada do Fed em Washington
Imagem: Shutterstock

O presidente da distrital do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) em St. Louis, James Bullard, disse nesta terça-feira que um dos maiores riscos que a economia americana enfrenta é que a atividade geral desacelere mais do que a maioria espera.

Bullard, que vota nas reuniões de política monetária do Fed este ano, também afirmou em discurso feito durante conferência em Londres, que os cortes de juros implementados pelo BC americano em julho e setembro ajudaram a compensar os riscos à perspectiva econômica.

Segundo Bullard, o Fed está tentando oferecer um seguro contra o risco de baixa na economia ao alterar "dramaticamente a trajetória de política monetária ao longo de 2019".

Bullard disse ainda que o Fed poderá ampliar ainda mais a acomodação de sua política monetária, mas ressaltou que as decisões serão feitas a cada reunião.

Na reunião de setembro, Bullard foi dissidente por defender um corte de juros maior do que a redução de 25 pontos-base anunciada na ocasião.

Durante a conferência em Londres, Bullard também comentou que as incertezas comerciais globais são o risco mais importante do momento e que não deverão ser resolvidas nos próximos dois anos. Com informações da Dow Jones Newswires.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

FECHAMENTO DO DIA

Vale puxa o Ibovespa e garante alta do dia, mas dólar avança com temores fiscais na véspera do Copom

Em Nova York, a volatilidade foi mais comedida. No Brasil, o conturbado cenário interno trouxe dor de cabeça e tensão para o Ibovespa e o câmbio

Chama o Max!

Como ter renda extra através de ações? Max Bohm explica os diferentes tipos de proventos!

Já pensou viver de renda? É o sonho de muitos brasileiros. Max Bohm, analista da Empiricus, explica quais são os diferentes tipos de proventos recebidos por um acionista. Confira agora!

Com preço no piso da faixa indicativa, Raízen movimenta R$ 6,9 bilhões no IPO; veja o que vem a seguir para esta ação

Ação da produtora de açúcar e álcool e dona dos postos Shell é precificada a R$ 7,40 e começará a ser negociada no próximo dia 5

DISPUTA DOS BANCÕES

Bradesco aumenta lucro em 63%, a R$ 6,3 bilhões — mas não supera Itaú

Cifra do período não supera a projeção de lucro de R$ 6,596 bilhões, apontada pelo mercado, conforme dados da Bloomberg

ciclo de alta

Taxa Selic hoje é de 4,25% ao ano, mas vai subir; entenda por quê

Expectativa do mercado financeiro é de que o Banco Central promova um aumento de 1,00 ponto porcentual na taxa básica de juros, levando-a para 5,25%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies