Menu
2019-09-05T12:26:50-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Nos EUA

Youtube leva multa de US$ 170 mi por uso de dados de crianças para venda de anúncios

Plataforma de vídeos foi acusada de monitorar o histórico de visualização de crianças, usando seus dados, sem o consentimento dos pais, para vender milhões de dólares em anúncios

5 de setembro de 2019
9:51 - atualizado às 12:26
Youtube
Criança assistindo ao Youtube em tablet - Imagem: Shutterstock

O círculo em torno do uso de dados pessoais e de consumo coletados na internet pelas gigantes da tecnologia está cada vez mais fechado.  Dessa vez, o Google será multado em US$ 170 milhões em decorrência de uma investigação da Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos (FTC) sobre violações da privacidade de crianças no YouTube.

A plataforma é acusada de monitorar o histórico de visualização de crianças e utilizar os dados para vender milhões de dólares em anúncios direcionados a esse público. As informações são utilizadas sem o consentimento dos pais. O governo norte-americano avaliou que essa prática viola uma lei de privacidade infantil online.

“O YouTube se aproveitou de sua popularidade entre as crianças para conseguir potenciais clientes corporativos”, afirmou Joe Simons, presidente da FTC. “Quando se tratava de cumprir a lei (que proíbe a coleta de dados sobre crianças), a empresa se recusou a reconhecer que partes de sua plataforma eram direcionadas para crianças”.

O acordo com a FTC e a promotoria geral de Nova York, que receberá US$ 34 milhões, é o maior desde que a lei que proíbe a coleta de informações sobre crianças menores de 13 anos entrou em vigor em 1998. A regra foi revisada em 2013 para incluir cookies, usados para rastrear o histórico de visualização de uma pessoa na internet.

Além da multa, o acordo proposto exige que a empresa se abstenha de violar a lei no futuro.

*Com Estadão Conteúdo e O Estado de S. Paulo

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Expansão

Rede D’Or assina memorando para aquisição de hospital na Paraíba

Documento prevê que Rede detenha 51% do capital social do Hospital Nossa Senhora das Neves

Após investigação

China multa Alibaba em US$ 2,8 bilhões por prática de monopólio

Foco foi prática que força comerciantes a escolherem uma plataforma, em vez de poderem trabalhar com mais.

Efeitos da Covid

Grupo Educação Metodista se prepara para pedir recuperação judicial

Com dívidas de cerca de R$ 500 milhões e em dificuldades desde 2015, o grupo viu sua situação se deteriorar em meio à pandemia

Cessão onerosa

Petrobras: Conselho aprova acordo sobre excedentes em Sépia e Atapu

Para a área de Atapu, a participação da estatal na cessão onerosa fica em 39,5% e em Sépia de 31,3%.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies