Menu
André Franco
Crypto News
André Franco
É engenheiro e especialista em criptomoedas da Empiricus
2019-06-21T13:04:04-03:00
Crypto News

Absurdo atrás de absurdo: o dia a dia das criptomoedas

Quedas de 5% no Ibovespa impressionam, mas o mesmo desempenho em moedas como o bitcoin são mais normais do que arroz com feijão

6 de junho de 2019
6:01 - atualizado às 13:04
Bitcoin
Bitcoin - Imagem: Shutterstock

Como um investidor de longo prazo tanto do mercado tradicional quanto do mercado de criptomoedas é normal viver um sentimento dúbio com relação a oscilações de ambos os mercados.

Quedas de 5% no Ibovespa me fazem ficar preocupado e curioso para entender o que aconteceu.

Por outro lado, quando o mercado cripto perde 15% de market cap, considero isso apenas uma segunda-feira normal, apesar de um pouco chuvosa.

É como viver em meio a absurdo atrás de absurdo e não se espantar com nada.

Como brasileiro você também já deve ter perdido a capacidade de se impressionar com o que acontece por estas terras.

Mas os disparates relacionados às criptomoedas vão além desses que acabei de mencionar.

O investidor americano Tim Draper, por exemplo, está convicto de que o bitcoin poderá chegar a valer 250 mil dólares em um futuro próximo.

Absurdo?

Pois bem, em 2014 esse mesmo Draper foi a público falar que até 2018 o bitcoin chegaria à marca de 10 mil dólares. No momento da entrevista, o bitcoin valia algo em torno de 600 dólares.

Ele errou simplesmente porque não disse algo ainda mais absurdo, pois já em 2017 o bitcoin alcançaria a marca dos 20 mil dólares.

E da mesma forma que você pode achar essa previsão de 250 mil dólares por unidade do bitcoin absurda, a repórter que entrevistou Draper em 2014 e o mundo acharam também.

Mas, como afirmei aqui, parece que os absurdos nesse mercado são a mais absoluta normalidade.

Quando você acharia que os fundos patrimoniais das principais universidades norte-americanas estariam investindo nesse mercado?

Absurdo.

Alguns anos atrás você apostaria que a Fidelity, uma das maiores empresas do mundo dos investimentos, com mais de 7 trilhões de dólares sob gestão, criaria uma divisão inteira de ativos digitais?

Absurdo.

Google, Facebook, Amazon, Samsung e Apple seriam capazes de fazer movimentos em favor desse mercado?

Outro absurdo.

Pois é, eu não culpo ninguém que achasse isso um disparate alguns anos atrás, mas a partir de agora você já deveria ter se acostumado com esses absurdos.

Bitcoin a 250 mil dólares é um absurdo, mas, por essas terras de cripto, esse é o normal.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Esquenta dos Mercados

Orçamento e CPI da Covid seguem no radar do investidor, com inflação dos EUA à caminho

O noticiário de Brasília segue o mesmo, enquanto os indicadores econômicos devem chacoalhar o mercado

nova retomada

BR Malls e Aliansce Sonae reabrem alguns shopping centers

Empresas retomam operações de unidades em locais em que houve flexibilização das medida de combate à covid-19

SOB NOVA DIREÇÃO

Em assembleia tensa, acionistas da Petrobras destituem Castello Branco

Minoritários chegaram a indicar quatro candidatos, mas mudaram de ideia e retiraram duas candidaturas, diante da falta de votos

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Como ficam as ações dos países emergentes com a recuperação nos EUA?

Como as ações acompanham os lucros, há um fluxo de recursos para os EUA em detrimento do que foi verificado no final do ano passado

Entrevista exclusiva

PicPay chega aos 50 milhões de usuários e fundador fala dos planos para chegar aos celulares de todos os brasileiros

Com IPO no radar, aplicativo segue a trilha aberta pelo chinês WeChat e acelera crescimento com novos serviços e a contratação de pesos-pesados do mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies