🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView

Se investidor profissional estiver certo, semana vai ser boa para quem investe em Bolsa e LTNs

O fato de o resultado de Bolsonaro nas urnas ter sido superior às intenções de votos nas últimas pesquisas deve animar os mercados nesta segunda-feira, especialmente as ações

7 de outubro de 2018
21:54 - atualizado às 16:24

A pizza encomendada para o comitê extraordinário da noite neste domingo desceu macia nas grandes gestoras de fundos. Ainda que seja necessário esperar o segundo turno para saber quem vai presidir o país, a votação expressiva de Jair Bolsonaro agradou. A expectativa, de forma geral, é de ganhos para o chamado kit Brasil: real, juros e especialmente Bolsa.

"A última pesquisa Ibope dava 39% para Bolsonaro, muito menos do que o resultado das urnas de fato. Considerando que à medida que ele ia melhorando nas pesquisas, o mercado ia melhorando, devemos ter um bom dia pela frente", disse para mim Marco Antonio Macchi, diretor de investimentos da MZK.

A equipe de ex-tesoureiros do HSBC esperou pelo resultado reunida, no que parecia uma semi-final de Copa do Mundo, nas palavras de Ronaldo Zanin, também sócio da gestora. O maior temor era o crescimento de Ciro Gomes, que, conforme as últimas pesquisas, tinha chance de vencer Bolsonaro no segundo turno.

Haddad não é tão temido quanto Ciro. "Ele provavelmente não implementaria o programa de governo, faria estelionato eleitoral", diz Macchi.

Ainda que o programa e o discurso público de Haddad causem repulsa no mercado, nos bastidores se conta que a portas fechadas com investidores ele tem flertado com a direita – elogia Marcos Lisboa, Fernando Henrique Cardoso e critica Marcio Pochmann.

Além do temor limitado com o concorrente, o que deve mesmo movimentar o mercado nesta segunda é a dianteira do candidato do PSL. "A probabilidade de Bolsonaro ganhar está menor nos preços da Bolsa do que veio nas urnas", disse João Braga, gestor de renda variável da XP.

João também se animou com o resultado para governo de Minas Gerais, com a dianteira inesperada de Romeu Zema, que, na opinião dele, deve favorecer Cemig e Copasa.

Marcelo Giufrida, sócio-fundador da gestora de multimercados Garde, também considera que a Bolsa deve refletir a dianteira de Bolsonaro, segundo afirmou para Vinícius Pinheiro na sequência da divulgação do TSE.

Também nas estimativas da MZK, a maior probabilidade de ganhos no curto prazo é na Bolsa, que pode subir mais de 5%, chegando pelo menos aos 90 mil pontos. Além disso, o real tende a se valorizar para perto de R$ 3,75.

Para quem carrega títulos prefixados, a visão de Macchi também é bastante positiva. Especialmente para os vencimentos intermediários, entre 2021 e 2027, a projeção é de ganhos fartos, com a redução do estresse eleitoral.

A primeira análise de peso vinda do exterior, da revista The Economist, não foi assim tão positiva. Michael Reid, editor e colunista para América Latina, afirmou no Twitter que via à frente uma longa noite escura para as democracias brasileira e latina.

O gestor de ações da Alaska, Henrique Bredda, que vinha manifestando o apoio ao candidato do PSL destacou o que considera ter sido um erro da revista, bastante lida pelos agentes de mercado no exterior.

Compartilhe

Engordando os proventos

Caixa Seguridade (CXSE3) pode pagar mais R$ 230 milhões em dividendos após venda de subsidiárias, diz BofA

14 de setembro de 2022 - 13:22

Analistas acreditam que recursos advindos do desinvestimento serão destinados aos acionistas; companhia tem pelo menos mais duas vendas de participações à vista

OPA a preço atrativo

Gradiente (IGBR3) chega a disparar 47%, mas os acionistas têm um dilema: fechar o capital ou crer na vitória contra a Apple?

12 de setembro de 2022 - 13:09

O controlador da IGB/Gradiente (IGBR3) quer fazer uma OPA para fechar o capital da empresa. Entenda o que está em jogo na operação

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Exclusivo Seu Dinheiro

Magalu (MGLU3) cotação: ação está no fundo do poço ou ainda é possível cair mais? 5 pontos definem o futuro da ação

10 de setembro de 2022 - 10:00

Papel já alcançou máxima de R$ 27 há cerca de dois anos, mas hoje é negociado perto dos R$ 4. Hoje, existem apenas 5 fatores que você deve olhar para ver se a ação está em ponto de compra ou venda

NOVO ACIONISTA

Com olhos no mercado de saúde animal, Mitsui paga R$ 344 milhões por fatias do BNDES e Opportunity na Ourofino (OFSA3)

9 de setembro de 2022 - 11:01

Após a conclusão, participação da companhia japonesa na Ourofino (OFSA3) será de 29,4%

Estreia na bolsa

Quer ter um Porsche novinho? Pois então aperte os cintos: a Volkswagen quer fazer o IPO da montadora de carros esportivos

6 de setembro de 2022 - 11:38

Abertura de capital da Porsche deve acontecer entre o fim de setembro e início de outubro; alguns investidores já demonstraram interesse no ativo

Bateu o mercado

BTG Pactual tem a melhor carteira recomendada de ações em agosto e foi a única entre as grandes corretoras a bater o Ibovespa no mês

5 de setembro de 2022 - 15:00

Indicações da corretora do banco tiveram alta de 7,20%, superando o avanço de 6,16% do Ibovespa; todas as demais carteiras do ranking tiveram retorno positivo, porém abaixo do índice

PEQUENAS NOTÁVEIS

Small caps: 3R (RRRP), Locaweb (LWSA3), Vamos (VAMO3) e Burger King (BKBR3) — as opções de investimento do BTG para setembro

1 de setembro de 2022 - 13:50

Banco fez três alterações em sua carteira de small caps em relação ao portfólio de agosto; veja quais são as 10 escolhidas para o mês

PATRIMÔNIO HISTÓRICO

Passando o chapéu: IRB (IRBR3) acerta a venda da própria sede em meio a medidas para se reenquadrar

30 de agosto de 2022 - 11:14

Às vésperas de conhecer o resultado de uma oferta primária por meio da qual pretende levantar R$ 1,2 bilhão, IRB se desfaz de prédio histórico

Exclusivo Seu Dinheiro

Chega de ‘só Petrobras’ (PETR4): fim do monopólio do gás natural beneficia ação que pode subir mais de 50% com a compra de ativos da estatal

30 de agosto de 2022 - 9:00

Conheça a ação que, segundo analista e colunista do Seu Dinheiro, representa uma empresa com histórico de eficiência e futuro promissor; foram 1200% de alta na bolsa em quase 20 anos – e tudo indica que esse é só o começo de um futuro triunfal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies