Menu
2019-07-13T17:56:17+00:00
Contrariou o partido

‘Se tem alguém sofrendo com questão da Tabata sou eu’, diz Ciro Gomes

Para Ciro, ao votarem a favor da reforma da Previdência, Tabata e outros deputados pedetistas teriam contrariado a história trabalhista do PDT

13 de julho de 2019
17:24 - atualizado às 17:56
Ciro Gomes
Ciro Gomes - Imagem: Shutterstock

O ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT) disse que a pessoa que mais está sofrendo com a questão da deputada Tabata Amaral é ele próprio, que teria incentivado a parlamentar paulista entrar para a política.

A deputada está sendo questionada e pressionada pelo partido por ter desacatado orientação do PDT e votado favoravelmente à reforma da Previdência nesta semana. Em evento do PDT em Belo Horizonte (MG), o ex-candidato à Presidência da República chegou a defender a saída da deputada da sigla.

Para Ciro Gomes, ao votarem a favor da proposta de Jair Bolsonaro (PSL), Tabata e outros deputados pedetistas teriam contrariado a história trabalhista do PDT. "Se tem alguém que está sofrendo com esta questão da Tabata, esse alguém sou eu. Sabe quem recrutou a Tabata, a estimulou a entrar na política, assinou a filiação dela? Fui 'euzinho' aqui", disse.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

De acordo com o pedetista, sua grande tarefa hoje não é ser candidato, mas ajudar o brasileiro a entender o que está acontecendo por meio de sua experiência.

Crítico da agenda liberal do governo Bolsonaro, colocada em prática pelo ministro da Economia Paulo Guedes, o ex-governador do Ceará disse que o governo Collor só caiu porque "pôs uma agenda liberal violenta ao País sem conversar com ninguém".

"Collor descartelizou a indústria automobilística, sentou o pé na dívida pública e nos rentistas brasileiros, esterilizou um terço da dívida pública, enquanto nós acreditamos que derrubamos o Collor por conta de ele ferir os interesses populares", disse Ciro, acrescentando que Collor caiu por "ter ferido os interesses da plutocracia e o baronato brasileiro, onde está o poder real".

Ciro Gomes participou de painel no seminário "Brasa em Casa, O Brasil no Divã, evento que acontece na sede da Federação do Comércio do Estado de São Paulo (FecomercioSP), na capital paulista, e que tem como objetivo propor reflexões ao jovem brasileiro por meio de palestras e gerar oportunidades de trabalho em grandes empresas.

O evento conta também com um espaço onde estão instalados estandes de grandes empresas, inclusive do setor financeiro, distribuindo informações e orientações ao jovem que chega para ingressar no mercado de trabalho.

Críticas ao Novo

O ex-governador aproveitou o espaço para fazer duras críticas ao discurso de que está em curso no País uma "nova política" e atacou o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, do Partido Novo. De acordo com Ciro, o governador mineiro cortou 80 mil vagas de ensino integral e não cumpriu promessa de acabar com as mordomias de uso de helicópteros do Estado e "esta fazendo tudo igual".

"Está protegendo Aécio Neves [deputado federal pelo PSDB mineiro] na maior falcatrua. Toda a vida que vocês ouvirem a palavra Novo está fazendo alguma coisa na política, desconfiem! É picaretagem da pura! No mínimo é picaretagem intelectual", disse.

Para o ex-governador cearense, uma das explicações para o governo mineiro ter fechado 80 mil vagas do ensino integral é que o Novo cobra apenas 5% de imposto sobre grandes heranças enquanto no Ceará, onde a educação estaria bem, a taxação se dá no teto da Constituição, que é 8%.

"Deixa as grandes heranças sem tributar e tira a escola do jovem pobre da periferia de Belo Horizonte", disse Ciro Gomes ao se dirigir ao Professor Christian Lohbauer, um dos fundadores do Novo, que também participou do evento. Para o professor, Zema teria fechado as vagas do ensino integral por ter encontrado o governo sem dinheiro em caixa até para pagar contas de luz e água.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Ele nunca ganhou tanto dinheiro…

Veja os destaques do Seu Dinheiro nesta manhã

IPCA-15

Queda nos preços dos combustíveis pressiona e prévia da inflação sobe 0,09% em julho, diz IBGE

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), a prévia da inflação, já acumula uma alta de 2,42% no ano. Em 12 meses, o índice chega a 3,27%. 

Mudança no comando

Boris Johnson é eleito chefe do partido Conservador e substituirá Theresa May como premiê britânico

Johnson terá como principal tarefa a conclusão do ‘Brexit’, a separação oficial do Reino Unido da União Europeia, uma dificuldade enfrentada por sua antecessora que foi derrotada três vezes no Parlamento britânico

aporte de peso

Microsoft vai investir US$ 1 bi em projeto de inteligência artificial de Elon Musk

Empresas planejam estender os recursos do serviço de nuvem corporativo Microsoft Azure em sistemas de IA em larga escala

Balanço

Santander tem lucro de R$ 3,635 bilhões no segundo trimestre e rentabilidade bate em 21,3%

Tanto o lucro líquido, que aumentou 20,2% em relação ao segundo trimestre do ano passado e ficou mais uma vez acima das projeções, como a rentabilidade representam o maior patamar histórico para o Santander

Operação lava Jato

Juiz condena delator e valida acordos de R$ 700 mi da Lava Jato

Para fraudar a competitividade de procedimentos licitatórios da Petrobras, um cartel composto pelas maiores empreiteiras do Brasil, incluindo a Construtora Camargo Corrêa, pagava propina para Paulo Roberto Costa, diretor de Abastecimento da estatal.

a bula do mercado

O inevitável afrouxamento monetário se aproxima

Dados do IPCA-15 serão decisivos para calibrar expectativas sobre corte de juro

Ah, poxa vida!

Em nova proposta, governo agora quer limitar saques do FGTS a R$ 500 em 2019

O público-alvo da medida são 100 milhões de contas do fundo (um trabalhador pode ter mais de uma conta)

O Seu Dinheiro na sua noite

Atrás do trio elétrico

Questionado certa vez sobre quem seria o “novo Caetano Veloso”, o cantor e compositor baiano respondeu: “o novo Caetano Veloso sou eu.” Na época, a música popular brasileira apresentava uma renovação com nomes como Lenine, Zeca Baleiro e, principalmente, Chico César. O paraibano era apontado como o principal candidato a herdar o trono do baiano, […]

Vish!

CVM suspende atuação irregular de empresa que tem Ronaldinho Gaúcho como garoto-propaganda

A empresa oferece produtos por meio de site, de eventos presenciais e de redes sociais como Facebook e Twitter

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements