🔴 [TESTE GRÁTIS] 30 DIAS DE ACESSO A SÉRIE RENDA IMOBILIÁRIA – LIBERE AQUI

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
ALGUMA COISA ESTÁ FORA DA ORDEM

Inadimplência agora é crime? STF decide que devedor pode perder CNH, passaporte e ser barrado em concurso

STF considera constitucional a autorização para que juízes determinem as ‘medidas coercitivas’ que julgarem necessárias no caso de pessoas inadimplentes

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
16 de fevereiro de 2023
11:24 - atualizado às 14:22
dívida, negócio, inadimplência, débito, conta, dinheiro, moedas carteira
Imagem: Freepik

Pouca gente fica negativada porque quer. A maioria das pessoas, quando arrastada para a inadimplência, costuma ter mais de um motivo para o perrengue financeiro. Mas uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) pode colocar no mesmo balaio uma pessoa que ficou inadimplente devido a uma adversidade e aquela que deve, não paga e nega enquanto puder.

A partir de agora, pessoas que estiverem inadimplentes poderão ter apreendidos documentos como passaporte e Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de serem impossibilitadas de participar de concursos públicos e de licitações.

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, no último dia 10, ser constitucional o dispositivo do Código de Processo Civil (CPC) que autoriza o juiz a determinar "medidas coercitivas" que julgue necessárias no caso de pessoas inadimplentes.

Essas apreensões e restrições seriam efetivadas por meio do cumprimento de ordem judicial.

  • O Seu Dinheiro acaba de liberar um treinamento exclusivo e completamente gratuito para todos os leitores que buscam receber pagamentos recorrentes de empresas da Bolsa. [LIBERE SEU ACESSO AQUI]

‘Proporcionalidade e razoabilidade’

Ao julgar o tema, a maioria do plenário acompanhou o voto do relator, o ministro Luiz Fux.

O relator concluiu que a medida é válida, "desde que não avance sobre direitos fundamentais e observe os princípios da proporcionalidade e razoabilidade".

Pela decisão, dívidas alimentares estão livres da apreensão de CNH e passaporte, além de débitos de motoristas profissionais.

Medida foi contestada em Ação Direta de Inconstitucionalidade

A Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) que questionava essas medidas foi proposta pelo PT.

Ao votar pela improcedência do pedido do partido, o relator afirmou que o juiz, ao aplicar as determinações, deve "obedecer aos valores especificados no próprio ordenamento jurídico de resguardar e promover a dignidade da pessoa humana".

Fux sinalizou ainda que deve ser observada a proporcionalidade e a razoabilidade da medida e "aplicá-la de modo menos gravoso ao executado".

Leia também

Recorre lá...

Segundo o ministro, a adequação da medida deve ser analisada caso a caso, e qualquer abuso na sua aplicação poderá ser coibido mediante recurso.

Por lei, qualquer dívida, independentemente de sua origem, pode ser cobrada judicialmente, caso o devedor, após ser contatado, não responda a alternativas para dar fim ao débito.

Segundo a última pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), em janeiro, 29,9% das famílias brasileiras estavam inadimplentes.

*Com informações do Estadão Conteúdo.

Compartilhe

DEZENAS DA SORTE

Lotofácil faz combo de milionários com prêmio, enquanto Mega-Sena e Quina acumulam para quinta-feira; veja números sorteados das loterias federais 

17 de abril de 2024 - 8:20

A Mega-Sena acumulou mais uma vez e o prêmio subiu para R$ 72 milhões; o próximo sorteio acontece nesta quinta-feira (18)

IR 2024

Como declarar ETF no imposto de renda, sejam eles de ações ou renda fixa

17 de abril de 2024 - 7:16

Os fundos de índice, conhecidos como ETFs, têm cotas negociadas em bolsa, e podem ser de renda fixa ou renda variável. Veja como informá-los na declaração em cada caso

IR 2024

Como declarar ações no imposto de renda

16 de abril de 2024 - 6:50

Declarar ações no imposto de renda não é trivial, e não é na hora de declarar que você deve recolher o imposto sobre o investimento. Felizmente a pessoa física conta com um limite de isenção. Saiba todos os detalhes sobre como declarar a posse, compra, venda, lucros e prejuízos com ações no IR 2024

IR 2024

Como declarar bitcoin e outras criptomoedas no imposto de renda

15 de abril de 2024 - 7:06

Operações com criptoativos podem precisar ser informadas na declaração de imposto de renda, além de estarem sujeitas à tributação

LOTERIAS HOJE

Sem vencedores, Mega-Sena acumula em R$ 66 milhões e ninguém fica milionário com Lotofácil ou Quina; veja resultados

14 de abril de 2024 - 11:48

Também veja o motivo para a +Milionária, a ‘loteria que nunca saiu’, nunca ter tido um ganhador da cota principal

IR 2024

Como declarar fundos imobiliários (FIIs) e fiagros no imposto de renda

12 de abril de 2024 - 7:10

Fundos imobiliários e fiagros têm cotas negociadas em bolsa, sendo tributados e declarados de formas bem parecidas

IR 2024

Como declarar fundos de investimento no imposto de renda

11 de abril de 2024 - 7:15

O saldo e os rendimentos de fundos devem ser informados na declaração de IR. Saiba como declará-los

IR 2024

Como declarar empréstimos e financiamentos no imposto de renda

10 de abril de 2024 - 7:30

Dívidas de valor superior a R$ 5 mil também devem ser informadas na declaração, mas empréstimos e financiamentos são declarados de formas distintas e que requerem cuidados

IR 2024

Como declarar doações efetuadas e recebidas no imposto de renda

9 de abril de 2024 - 6:50

Embora sejam isentas de IR, doações são acompanhadas pelo Fisco, pois modificam o patrimônio dos contribuintes. Você precisa informar ao Leão sobre a origem e o destino dos seus recursos

Viagens internacionais

Nubank anuncia conta global em dólar e euro com uma das menores taxas de conversão do mercado – e faz frente ao Inter

8 de abril de 2024 - 15:30

Nova conta para viagens internacionais é fruto de parceria com a Wise e voltada para clientes do segmento de alta renda Ultravioleta

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies