🔴 É HOJE! COMO BUSCAR ATÉ R$ 2 MIL DE RENDA EXTRA TODO OS DIAS – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Camille Lima
Camille Lima
Repórter no Seu Dinheiro. Estudante de Jornalismo na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Já passou pela redação do TradeMap.
NÃO É SÓ NO BRASIL

Homem mais rico da Índia, Gautam Adani perde mais de US$ 22 bilhões em fortuna após acusações de fraude; entenda

O dono do Adani Group desabou quatro posições no ranking de bilionários da Forbes depois das acusações, com patrimônio atualmente avaliado em US$ 96,6 bilhões

Camille Lima
Camille Lima
27 de janeiro de 2023
11:55 - atualizado às 11:28
Gautam Adani
Imagem: Reprodução/Flickr

Seja no Brasil ou no exterior, o mar realmente não está para bilionário. Desde a última quarta-feira (27), quando a casa de análise Hindenburg Research acusou Gautam Adani de cometer fraude contábil, manipular ações e lavar dinheiro por décadas, o indiano viu sua fortuna evaporar e perder o patamar de US$ 100 bilhões.

Segundo atualização em tempo real da revista Forbes, só de ontem para hoje, Adani perdeu US$ 22,6 bilhões em patrimônio, isto é, o equivalente a 19% de sua fortuna.

Com isso, o dono do Adani Group, que até a metade da semana ocupava a posição de terceiro homem mais rico do mundo —  acima de nomes como Jeff Bezos e Warren Buffett —, desabou quatro posições no ranking de bilionários da Forbes.

Atualmente, o empresário possui a 7ª maior fortuna do planeta, avaliada em US$ 96,6 bilhões (R$ 489,22 bilhões, na cotação atual).

Ações do Adani Group desabam

A queda derradeira de fortuna está diretamente relacionada à derrocada das ações das nove companhias que formam o Adani Group na bolsa de valores da Índia (NSE).

De acordo com com informações da Bloomberg, o conglomerado perdeu mais de US$ 51 bilhões em valor de mercado após as acusações de manipulação de mercado feitas na quarta-feira.

A Adani Enterprises, principal empresa do grupo, recua cerca de 18,52% por volta das 11h25. Ao mesmo tempo, as companhias Adani Ports & SEZ e a Adani Power caíram 16,29% e 5%, respectivamente.

Já a Adani Green Energy, a Adani Transmission e a Adani Total Gas caíram no limite mínimo diário de 20%.

As acusações

Após dois anos de investigação, a Hindenburg Research, focada em vendas a descoberto (o famigerado short-selling), revelou acusações de fraude contábil, lavagem de dinheiro e manipulação de mercado envolvendo o bilionário.

As acusações da Hindenburg destacam o desempenho inconsistente das empresas do Adani Group em relação à média da indústria.

O conglomerado indiano possui nove empresas listadas em bolsa. Porém, de acordo com a casa de análise, sete dessas companhias viram os preços de suas ações misteriosamente dispararem ao longo dos últimos três anos.

“As sete principais empresas listadas do Adani Group estão cerca de 85% supervalorizadas, mesmo se você ignorar nossa investigação e considerar as finanças das companhias pelo valor de face”, disse a Hindenburg, em relatório.

Isso porque, na visão da Hindenburg, companhias de infraestrutura — como é o caso do conglomerado indiano — costumam ter baixo crescimento e baixos múltiplos. Porém, o Adani Group é reconhecido pelo alto crescimento, parecido com os níveis de empresas de tecnologia.

Além da acusação de inconsistência do valuation em relação a outras empresas do setor, a investigação ainda destaca duas problemáticas.

A primeira é que, na alta cúpula das empresas do grupo, oito dos 22 líderes importantes são membros da família Adani.

Em segundo lugar, os familiares são acusados de criar entidades de fachada offshore em paraísos fiscais, na intenção de gerar documentos de importações e exportações forjados para desviar dinheiro das empresas listadas.

*Com informações de Business Insider

Compartilhe

mercado imobiliário

Minha Casa Minha Vida aumenta vendas e lucros da construção civil

27 de maio de 2024 - 19:25

Dados são de pesquisa elaborada pela CBIC sobre o 1º trimestre de 2024

política monetária

Não há pressão grande para Fed cortar juros nos EUA, afirma Campos Neto

27 de maio de 2024 - 17:34

Para ele, apesar dos juros altos, economias do mundo estão surpreendendo para cima

ASTRONÔMICOS

Bancos estão descumprindo a lei? Juro rotativo do cartão sobe para 423,5% ao ano — mesmo após Congresso limitar taxas a 100% 

27 de maio de 2024 - 13:13

As taxas apresentadas pelo BC podem sugerir, portanto, que os bancos estejam descumprindo a lei, mas o que acontece é apenas um registro estatístico

Conteúdo Empiricus

Como ‘travar’ um retorno real de 7% ao ano até 2042? Confira lista de ativos que podem se beneficiar do 2º maior juro real do mundo

27 de maio de 2024 - 10:00

Juro real do Brasil chega aos 6,54% e abre oportunidade para os investidores buscarem retornos reais de 7% ao ano

LOTERIAS

4 apostas dividem prêmio milionário da Lotofácil, Mega-Sena decepciona e +Milionária nem precisa dizer

26 de maio de 2024 - 9:09

Lotofácil justifica mais uma vez a fama de loteria menos difícil da Caixa; prêmio da Mega-Sena salta para R$ 75 milhões

DESANCORADO

As más notícias de Campos Neto: temores fiscais, juros nos EUA e a própria credibilidade do BC dificultam combate à inflação

25 de maio de 2024 - 12:59

Comentários feitos por Campos Neto na tarde de sexta-feira fizeram o dólar e os juros projetados subirem

LOTERIAS

A teimosia compensa! Apostador do RJ insiste nos números e fatura sozinho a Lotofácil

25 de maio de 2024 - 8:12

Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa, mas não foi a única a distribuir um prêmio milionário ontem; Mega-Sena acumulada corre hoje

DADOS DA RECEITA

Imposto de Renda: pessoas físicas doam R$ 35 milhões do IR para fundos do Rio Grande do Sul; veja como contribuir

24 de maio de 2024 - 19:43

Em meio à tragédia climática de sua história, o estado foi o maior beneficiado desse tipo de direcionamento do IR

ALÔ, COLECIONADORES

Banco Central libera 4 mil moedas comemorativas dos 200 anos da primeira Constituição brasileira

24 de maio de 2024 - 12:26

A moeda de comemoração à Constituição de 1824 terá recurso de cor pela primeira vez em uma peça de prata no Brasil e pode ser adquirida a partir desta sexta-feira (24)

LOTERIAS

Mega-Sena decepciona de novo, mas Lotofácil faz um novo milionário no interior de SP

24 de maio de 2024 - 5:54

Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa; prêmio da Mega-Sena já está em R$ 47 milhões

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar