🔴 AÇÃO QUE JÁ DISPAROU 1.200% E AINDA ESTÁ BARATA – VEJA QUAL

Como o Ibovespa superou a forte queda da Petrobras (PETR4) e subiu nesta semana? Confira os destaques dos últimos dias

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta sexta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

27 de janeiro de 2023
18:58
Petrobras Ibovespa
Imagem: Shutterstock

Janeiro costuma ser um período de calmaria no mercado acionário — com muita gente de férias e poucas notícias para movimentar as cotações.

Mas, a poucos dias do fim, o primeiro mês de 2023 vem fugindo completamente desse histórico. Só nesta semana tivemos brigas públicas entre instituições financeiras e Americanas (AMER3), uma troca no comando da maior estatal do país e renovação dos temores com os bancos públicos.

Em viagem à Argentina, o presidente Lula (PT) e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmaram que tanto o BNDES quanto o Banco do Brasil utilizarão parte de seus recursos para financiar projetos e exportações nos países vizinhos.

Já nos últimos desdobramentos do caso Americanas, a varejista entregou no início desta semana sua lista de credores para a Justiça no âmbito do processo de recuperação judicial. 

Entre os quase 8 mil nomes presentes no levantamento, estão alguns dos maiores bancos privados do país, que são os principais credores da companhia. E o escândalo contábil pesou sobre as cotações: o setor terminou a semana com mais de um representante na ponta negativa do Ibovespa.

O Bradesco (BBDC4), dono do segundo maior débito na lista da companhia, anotou a maior queda semanal. O Itaú (ITUB4), para quem a companhia deve R$ 2,9 bilhões, também apareceu no pódio ingrato.

Ainda no noticiário corporativo, a União emplacou nesta semana o seu indicado, Jean Paul Prates, para a presidência da Petrobras (PETR4).

A posse do ex-senador, que é crítico da política de preços da estatal e da distribuição de dividendos bilionários, afetou os papéis da companhia na B3. Pressionadas ainda pela queda do petróleo, as ações ordinárias e preferenciais registraram fortes perdas de 3,1% e 2,8%, respectivamente, na semana.

O recuo da Petrobras e dos bancos — que, assim como a petroleira, têm um peso significativo na carteira teórica do Ibovespa — levaram o índice a cair forte nesta sexta-feira (27) e quase apagar os ganhos semanais.

Ainda assim, o Ibovespa avançou 0,25% no período, aos 112.316 pontos, enquanto o dólar à vista recuou 1,84% na semana, cotado em R$ 5,1120.

As perdas do índice com os gigantes foram compensadas pelo avanço dos setores ligados ao consumo e ao turismo — a CVC (CVCB3) registrou a maior alta da semana, enquanto Magazine Luiza (MGLU3) ficou na segunda colocação com um salto de 18%.

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta sexta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa.

Confira outras notícias que mexem com o seu dinheiro

AQUILO QUE AINDA NÃO SABEMOS
Americanas (AMER3): Confira seis perguntas que seguem sem resposta duas semanas após a revelação do rombo bilionário. Mercado assumiu postura de desconfiança diante das falhas de comunicação e daquilo que encaram como falta de transparência por parte da varejista. 

FUTURO PROMISSOR
Como a ação da Weg (WEGE3) pode subir ainda mais na B3 com um empurrão dos carros elétricos. Os papéis superaram os 15% de alta nos últimos 12 meses, mas podem se valorizar ainda mais na visão dos analistas do Credit Suisse.

É PRA TER CUIDADO?
Bank of America eleva Taesa (TAEE11) de venda para compra, mas faz alerta sobre o pagamento de dividendos. O banco norte-americano passou o preço-alvo de R$ 37 para R$ 39, o que representa um potencial de valorização de 7% com relação ao fechamento desta sexta-feira (27).

'SO FAR, SO GOOD'
Goldman Sachs: Bitcoin (BTC) é o melhor ativo de 2023 até o momento, com ganhos de quase 40% — mas até onde vai? Mesmo com o otimismo, os analistas ainda indicam que os investidores devem manter uma parcela de no máximo 5% dos seus investimentos em ativos digitais.

PRESENTE DE RUSSO
Vingança! Putin não deixa barato e prepara nova ofensiva na Ucrânia — entenda o que ele quer com isso. Do outro lado das trincheiras, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, sinaliza que pode ser tarde demais para negociações de paz.

Compartilhe

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Você leu o que o Fed escreveu para você?

22 de maio de 2024 - 20:05

O segredo para uma jornada de sucesso como investidor ou como empreendedor começa com algo bem simples… a leitura.

CRYPTO INSIGHTS

O mercado de criptomoedas está influenciando as eleições nos EUA? O que o ETF de ethereum (ETH) tem a ver com a política americana

21 de maio de 2024 - 20:05

Nesta semana uma votação crucial está prevista para acontecer em Washington e pode remodelar o panorama regulatório para os ativos digitais nos Estados Unidos

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: Dez anos de “O Fim do Brasil”

20 de maio de 2024 - 20:01

Dez anos de lançamento de “O Fim do Brasil” e, afinal, a que fim chegou a economia do Brasil? Estamos em queda livre em direção ao pior?

Especial IR

Me mudei para Portugal, mas não entreguei a Declaração de Saída Definitiva do País; como regularizar a situação?

18 de maio de 2024 - 8:00

Documento serve para encerrar as obrigações fiscais do contribuinte no Brasil, mas este leitor não a entregou e agora recebeu uma herança

SEXTOU COM O RUY

A Petrobras (PETR4) desabou mais uma vez: surge uma barganha na bolsa com dividendos bilionários?

17 de maio de 2024 - 6:04

Nas últimas várias trocas no comando da Petrobras, não tivemos grandes mudanças no dia a dia da companhia, o que inclusive permitiu ótimos pagamentos de dividendos nos últimos anos, mesmo com CEOs distintos — será que agora também vai ser assim?

CRYPTO INSIGHTS

Os sinais favoritos para entender o curto prazo do bitcoin (BTC)

14 de maio de 2024 - 19:17

A tendência macroeconômica é de expansão de liquidez, e os indicadores de curto prazo que mais gosto estão favorecendo a tese de que estamos próximos do fundo local para a mais recente correção do mercado

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Vai piorar antes de melhorar? Milei começa a arrumar uma Argentina economicamente destruída

14 de maio de 2024 - 6:01

Em poucos meses, Milei conseguiu diminuir inflação, cortar os juros e aumentar reservas do Banco Central da Argentina, mas custo social é alto

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: O real vai morrer aos 30?

13 de maio de 2024 - 20:01

A decisão do Copom na semana passada foi inequivocamente ruim. Quando você tem um colegiado dividido entre os “novos” e os “velhos”, alimentam-se os piores medos. O Copom deveria saber disso.

Especial IR

Dúvidas cruéis sobre declaração de ações no IR: isenção, retificação, mudança de ticker, prejuízos e investimento no exterior

11 de maio de 2024 - 8:00

A Dinheirista responde algumas das suas dúvidas mais cabeludas sobre como declarar ações no imposto de renda

SEXTOU COM O RUY

Bolsa barata não basta: enquanto os astros locais não se alinham, esses ativos são indispensáveis para a sua carteira

10 de maio de 2024 - 6:07

Eu sei que você não tem sangue de barata para deixar todo o patrimônio em ações brasileiras – eu também não me sinto confortável em ver os meus ativos caindo. Mas há opções para amenizar as turbulências internas.

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar