⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2022-09-23T16:17:55-03:00
Carolina Gama
LONDON CALLING

Libra em queda livre? O grande vilão que fez a moeda britânica atingir o menor nível em 37 anos ante o dólar

A libra ficou abaixo de US$ 1,10 pela primeira vez em quase quatro décadas, afundando até 3,2% nesta sexta (23) e tocando os US$ 1,0899

23 de setembro de 2022
16:17
reino unido libra
Imagem: Shutterstock

No início do mês, o Deutsche Bank disse que “a crise da libra esterlina” estava no caminho do novo governo de Liz Truss. Passados exatos 18 dias dessa previsão, a moeda britânica atingiu nesta sexta-feira (23) o menor valor em 37 anos em relação ao dólar

Na ocasião, o banco alemão afirmou que os anúncios de políticas de governo nas próximas semanas seriam cruciais para que o Reino Unido evitasse eventos macroeconômicos extremos, particularmente uma crise no balanço de pagamentos. 

E foi justamente o mini-orçamento do novo governo britânico o grande vilão por trás da queda livre da libra hoje — a proposta estimulou preocupações de que o plano de Truss para impulsionar o crescimento econômico atice as chamas da inflação.

O resultado: a libra caiu abaixo de US$ 1,10 pela primeira vez em 37 anos, afundando até 3,2%, colocando a paridade em US$ 1,0899.

O que diz a tal proposta e que derrubou a libra?

A queda da libra foi desencadeada pela divulgação de um mini-orçamento que inclui os maiores cortes de impostos do Reino Unido desde 1972.

A proposta, apresentada pelo novo ministro das Finanças do Reino Unido, Kwasi Kwarteng, reduz tributos em 45 bilhões de libras até 2026. 

Visando uma tendência de crescimento de 2,5%, o plano inclui eliminar uma taxa de imposto de renda de 45% sobre ganhos de mais de 150.000 libras por ano para manter a taxa em 40% e reduzir os impostos pagos pelos compradores de casas.

A grande questão é que a proposta geral exigirá mais empréstimos pelo governo britânico, que agora é liderado pela primeira-ministra Liz Truss. 

O escritório de gestão da dívida do Reino Unido prevê um adicional de 72 bilhões de libras em emissões de títulos para 234 bilhões de libras no ano fiscal de 2022-2023.

As chamas da inflação

O Deutsche Bank não está mais sozinho na previsão da crise da libra. Alguns analistas passaram a ver um cenário devastador para o Reino Unido daqui para frente. 

"Se os investidores estrangeiros perderem a confiança no país, no governo e na economia, o que está acontecendo em escala, a libra pode cair muito mais e as consequências serão devastadoras”, disse Philip Dragoumis, diretor e proprietário da Thera Wealth Management, ao Business Insider. 

Segundo ele, caso esse cenário se materialize, inflação deve ficar mais alta por mais tempo e o crescimento, menor. 

Nesta semana, o Banco da Inglaterra elevou a taxa de juro em mais 50 pontos-base para tentar domar inflação, que está em 9,9% —  maior nível em quase quatro décadas.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Confira os últimos passos dos presidenciáveis na véspera das eleições

1 de outubro de 2022 - 8:02

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

ENTREVISTA

Elon Musk não está sozinho: o home office pode acabar com o fim da pandemia, alerta um dos principais gurus de carreiras do mercado

1 de outubro de 2022 - 7:23

A exemplo do dono da Tesla um número cada vez maior de empregadores quer os profissionais de volta ao escritório, afirma o mentor de carreiras e escritor Luciano Santos

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Ibovespa fecha setembro no azul, o potencial da Weg (WEGE3) e a semana do bitcoin; confira os destaques do dia

30 de setembro de 2022 - 19:19

O último pregão do mês foi também o último antes da definição do primeiro turno das eleições presidenciais de 2022. Apesar disso, levou um tempo até que a política fosse o principal gatilho para os negócios.  Isso porque o debate final entre os candidatos à chefia do Executivo não trouxe grandes mudanças no cenário-base, já […]

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa fecha setembro no azul por um triz após nova onda do ‘efeito Meirelles’; dólar vai a R$ 5,39

30 de setembro de 2022 - 18:53

O Ibovespa deixou a política parcialmente de lado no último pregão antes do pleito de domingo

Balanço do mês

Os melhores investimentos de setembro: dólar tem a maior alta do mês, e Brasil vai na contramão do mundo com valorização de quase todos os ativos

30 de setembro de 2022 - 18:42

Títulos prefixados vêm logo em seguida, beneficiados pelo fim do ciclo de alta da Selic no Brasil. Veja o ranking completo dos melhores e piores investimentos do mês

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies