2022-05-24T14:28:27-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
IR 2022

Como declarar os seus investimentos no imposto de renda 2022: um guia completo

Você também precisa prestar contas das suas aplicações financeiras ao Leão! Confira nosso guia completo sobre como declarar investimentos no IR 2022

19 de abril de 2022
7:00 - atualizado às 14:28
A partir deste ano, ao informar um investimento na ficha de Bens e Direitos, você já consegue também informar os rendimentos gerados por ele. - Imagem: Shutterstock/Montagem Andrei Morais

Contribuintes obrigados a entregar a declaração de imposto de renda 2022 precisam prestar contas ao Leão sobre os seus investimentos e os rendimentos das suas aplicações. Nesta matéria, vou tratar de como declarar investimentos no imposto de renda para você tirar de vez todas as suas dúvidas.

Ter possuído investimentos financeiros ou recebido rendimentos de aplicações financeiras são fatores que podem obrigar um contribuinte a declarar imposto de renda.

Dentre as regras de obrigatoriedade do imposto de renda 2022, temos a posse de mais de R$ 300 mil em bens em 31/12/2021 e o recebimento de mais de R$ 40 mil em rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte ao longo do ano passado.

Ora, investimentos são bens, e seus rendimentos em geral são isentos ou tributados na fonte.

Além disso, o mero fato de ter feito operações em bolsa de valores em 2021 já obriga o contribuinte a declarar, independentemente do valor da transação. Isso inclui operações com ações, fundos imobiliários, ETFs e derivativos.

Como declarar investimentos no imposto de renda 2022

Seus investimentos aparecem normalmente em duas fichas da declaração de imposto de renda. A posse do bem - a sua posição em cada investimento no início e no fim do ano passado - deve constar na ficha de Bens e Direitos, exceto no caso de planos de previdência privada que permitem a dedução das suas contribuições da base de cálculo do IR (PGBL, Fapi e fundos de pensão).

Já os rendimentos recebidos em 2021 deverão constar na ficha de rendimentos correspondente ao seu tratamento tributário - se isentos ou tributados na fonte - ou então na aba Renda Variável, no caso de lucros não isentos obtidos em transações com ativos de renda variável.

A partir deste ano, ao informar um investimento na ficha de Bens e Direitos, já aparece um botão para levá-lo diretamente à ficha de rendimentos mais adequada, de forma que você preencha as duas fichas simultaneamente. Isso facilita bastante o processo e evita esquecimentos.

A exceção fica por conta dos investimentos que são informados como "outros" na ficha de Bens e Direitos. Nesses casos, o contribuinte precisa acessar a ficha de rendimentos correspondente para informar esses ganhos.

Não se esqueça de que mesmo os rendimentos isentos devem ser declarados. A seguir, apresentamos o passo a passo para declarar seus investimentos no imposto de renda:

1. Caderneta de poupança

Saldo: ficha Bens e Direitos
Grupo: 04 - Aplicações e Investimentos.
Código: 01 - Depósito em conta poupança.
CNPJ da instituição financeira, número da agência e conta.
Discriminação: nome da instituição financeira, se é conta conjunta e, se for, nome e CPF do outro titular.

Rendimentos: ficha Rendimentos Isentos e Não Tributáveis.
Código: 12 - Rendimentos de cadernetas de poupança, letras hipotecárias, letras de crédito do agronegócio e imobiliárias (LCA e LCI) e certificados de recebíveis do agronegócio e imobiliários (CRA e CRI).

Leia tudo sobre como declarar poupança e conta-corrente no imposto de renda 2022.

2. Tesouro Direto e títulos de renda fixa privada

Saldo: ficha Bens e Direitos
Grupo: 04 - Aplicações e Investimentos.
Códigos:
- 02 - Títulos públicos e privados sujeitos à tributação (Tesouro Direto, CDB, RDB e Outros);
- 03 - Títulos isentos de tributação (LCI, LCA, CRI, CRA, LIG, Debêntures de Infraestrutura e outros).
CNPJ da instituição financeira (títulos públicos) ou do emissor do título (títulos privados).
Discriminação: tipo de título de renda fixa, nome e CNPJ da instituição financeira ou empresa emissora, número da conta, se é conta conjunta e, se for, nome e CPF do outro titular.

Rendimentos isentos: ficha de Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
Códigos:
- 12, no caso de rendimentos de LCI, LCA, CRI, CRA e LH;
- 26 (outros) no caso de debêntures incentivadas.

Rendimentos tributados: ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 06, para títulos públicos, CDB, RDB, LC e debêntures comuns.

Leia tudo sobre como declarar renda fixa e como declarar Tesouro Direto no imposto de renda 2022. Saiba também como declarar NuConta e outras contas de pagamento remuneradas.

3. Certificados de Operações Estruturadas (COE)

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 04 - Aplicações e Investimentos.
Código: 99 - Outras aplicações e investimentos.
CNPJ da instituição financeira responsável pela custódia do investimento.
Discriminação: nome da instituição financeira responsável pela custódia, número da conta, se ela é conjunta e, se for, o nome e o CPF do outro titular.

Rendimentos: ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 06 - Rendimentos de aplicações financeiras.

Leia tudo sobre como declarar esses investimentos no imposto de renda.

4. Como declarar fundos de investimento abertos (não negociados em bolsa)

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 07 - Fundos
Códigos:
- Código 01 - Fundos de Investimentos sujeitos à tributação periódica (come-cotas);
- Código 04 - Fundos de Investimento em Ações e Fundos Mútuos de Privatização - FGTS;
- Código 05 - Fundos de Investimento em Ações - Mercado de Acesso;
- Código 99 - Outros fundos (para fundos isentos, como os de debêntures incentivadas).
CNPJ do fundo.
Discriminação: nome do fundo, quantidade de cotas, nome e CNPJ da administradora, número da conta, se é conjunta e, se for, nome e CPF do outro titular.

Rendimentos tributados: ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 06 - Rendimentos de aplicações financeiras.

Rendimentos isentos (caso dos fundos de debêntures incentivadas): ficha Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
Código: 26 - Outros.

Leia tudo sobre como declarar fundos de investimento no imposto de renda.

5. Previdência Privada

VGBL

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 99 - Outros bens e direitos.
Código: 06 - VGBL - Vida Gerador de Benefício Livre.
CNPJ da seguradora.
Discriminação: nome da seguradora, número da conta e dados da apólice.

PGBL, Fapi e planos fechados (fundos de pensão)

Saldo não deve ser informado.

Contribuições: ficha Pagamentos Efetuados
Códigos:
- Código 36 - Previdência complementar (inclusive Fapi);
- Código 37 - Entidades fechadas de natureza pública.
CNPJ da entidade de previdência complementar, fundação ou administradora do Fapi, conforme o caso.

Todos os planos de previdência

Rendimentos tabela progressiva: ficha de Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica
Nome e CNPJ da fonte pagadora.

Rendimentos tabela regressiva: ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 06 - Rendimentos de aplicações financeiras.

Leia tudo sobre como declarar previdência privada no imposto de renda 2022.

6. Fundos de investimento imobiliário (FII) e Fundos de Investimento nas Cadeias Produtivas Agroindustriais (Fiagro) (negociados em bolsa)

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 07 - Fundos
Códigos:
- 02 - Fundos de Investimento nas Cadeias Produtivas Agroindustriais (Fiagro);
- 03 - Fundos de Investimento Imobiliário (FII).
CNPJ do fundo.
Discriminação: nome do fundo, código do ativo, quantidade de cotas, nome e CNPJ da administradora, número da conta, se é conjunta e, se for, nome e CPF do outro titular.

Declare a posição em 31/12/2020 e 31/12/2021 pelo seu custo de aquisição (preço do ativo x quantidade adquirida + custos de transação, como corretagem e emolumentos). Não atualize esses valores pelo preço de mercado, caso tenha havido valorização ou desvalorização.

Caso tenham sido feitas compras aos poucos, por preços de aquisição distintos, calcule o custo médio de aquisição, que corresponde a uma média dos diferentes preços de compra ponderada pela quantidade de cotas comprada a cada preço. Veja como calcular o custo médio de aquisição.

Rendimentos isentos distribuídos pelo fundo: ficha Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
Código: 26 - Outros.

Ganhos líquidos tributados com venda de cotas: aba Renda Variável - ficha Operações em FII ou Fiagro
Informe ganhos (+) e prejuízos (-) mês a mês (já descontados os custos de transação, mas não o IR), de acordo com o tipo de operação; IR retido na fonte (“dedos-duros”); e imposto pago.

Leia tudo sobre como declarar FII e fiagro, além de mais detalhes sobre como recolher o IR devido sobre os ganhos líquidos com a venda desses ativos e como compensar prejuízos e “dedos-duros”.

7. Fundos de índice (ETF) (negociados em bolsa)

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 07 - Fundos.
Códigos:
- 08 - Fundos de Índice de Renda Fixa - Lei 13.043/14;
- 09 - Demais Fundos de Índice de Mercado (ETFs).
CNPJ do fundo.
Discriminação: nome do fundo, código do ativo, quantidade de cotas, nome e CNPJ da administradora, número da conta, se é conjunta e, se for, nome e CPF do outro titular.

Declare a posição em 31/12/2020 e 31/12/2021 pelo seu custo de aquisição (preço do ativo x quantidade adquirida + custos de transação, como corretagem e emolumentos). Não atualize esses valores pelo preço de mercado, caso tenha havido valorização ou desvalorização.

Caso tenham sido feitas compras aos poucos, por preços de aquisição distintos, calcule o custo médio de aquisição, que corresponde a uma média dos diferentes preços de compra ponderada pela quantidade de cotas comprada a cada preço. Veja como calcular o custo médio de aquisição.

Rendimentos com a venda de cotas de ETFs de renda fixa: ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 06 - Rendimentos de aplicações financeiras.

Ganhos líquidos com a venda de cotas de ETFs de renda variável: aba Renda Variável - ficha Operações Comuns / Day-Trade
Informe ganhos (+) e prejuízos (-) mês a mês (já descontados os custos de transação, mas não o IR), de acordo com o tipo de operação; IR retido na fonte (“dedos-duros”); e imposto pago.

Leia tudo sobre como declarar ETF de renda fixa e renda variável no imposto de renda, além de mais detalhes sobre como recolher o IR devido sobre os ganhos líquidos com a venda desses ativos e como compensar prejuízos e “dedos-duros”.

8. Ações

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 03 - Participações Societárias.
Código: 01 - Ações (inclusive as listadas em bolsa).
CNPJ da empresa emissora da ação.
Discriminação: nome da empresa, código do ativo, quantidade de ações, tipo (PN, ON ou unit), número da conta, se é conjunta e, se for, nome e CPF do outro titular.

Declare a posição em 31/12/2020 e 31/12/2021 pelo seu custo de aquisição (preço do ativo x quantidade adquirida + custos de transação, como corretagem e emolumentos). Não atualize esses valores pelo preço de mercado, caso tenha havido valorização ou desvalorização.

Caso tenham sido feitas compras aos poucos, por preços de aquisição distintos, calcule o custo médio de aquisição, que corresponde a uma média dos diferentes preços de compra ponderada pela quantidade de ações comprada a cada preço. Veja como calcular o custo médio de aquisição.

Rendimentos isentos com dividendos ou a venda de ações: ficha Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
Códigos:
- 05 (ganhos líquidos em operações comuns com ações quando as vendas de ações no mercado à vista em um único mês não tiverem ultrapassado R$ 20 mil - mercado de balcão);
- 09 (dividendos);
- 20 (ganhos líquidos em operações comuns com ações quando as vendas de ações no mercado à vista em um único mês não tiverem ultrapassado R$ 20 mil - mercado de bolsa de valores).

Juros sobre Capital Próprio (JCP): ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 10 - Juros sobre capital próprio.
Caso os JCP tenham sido anunciados em 2021, mas não pagos, declare-os ainda na ficha de Bens e Direitos, grupo 99, código 07, além da ficha de Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva, código 10.

Bonificações de ações: ficha Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
Código 18 - Incorporação de reservas ao capital / Bonificação em ações.
Na ficha de Bens e Direitos, o valor das novas ações deve passar a integrar o custo de aquisição das ações da mesma empresa já em posse do contribuinte.

Ganhos líquidos tributados com a venda de ações: aba Renda Variável - ficha Operações Comuns / Day-Trade.
Informe ganhos (+) e prejuízos (-) mês a mês (já descontados os custos de transação, mas não o IR), de acordo com o tipo de operação; IR retido na fonte (“dedos-duros”); e imposto pago.

Leia tudo sobre como declarar ações no imposto de renda, além de mais detalhes sobre como recolher o IR devido sobre os ganhos líquidos com a venda desses ativos e como compensar prejuízos e “dedos-duros”.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

9. Opções

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 04 - Aplicações e investimentos.
Código: 04 - Ativos negociados em bolsa no Brasil (BDRs, opções e outros - exceto ações e fundos).
Discriminação: Quantidade, série e data de vencimento das opções. Para cada série, abra um item diferente.

Declare as posições em 31/12/2020 e 31/12/2021 sempre pelo custo de aquisição. Aprenda a calculá-lo aqui.

Ganhos líquidos com operações conjugadas com opções de compra e venda (box): Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 06 - Rendimentos de aplicações financeiras.

Ganhos líquidos com as demais operações: aba Renda Variável - ficha Operações Comuns / Day-Trade
Informe ganhos (+) e prejuízos (-) mês a mês (já descontados os custos de transação, mas não o IR), de acordo com o tipo de operação; IR retido na fonte (“dedos-duros”); e imposto pago.

Veja em detalhes como declarar opções no imposto de renda 2022.

10. Criptomoedas

Saldo: ficha de Bens e Direitos
Grupo: 08 - Criptoativos.
Códigos:
- 01 - Criptoativo Bitcoin - BTC;
- 02 - Outras criptomoedas, conhecidas como altcoins, por exemplo, Ether (ETH), Ripple (XRP), Bitcoin Cash (BCH) e Litecoin (LTC);
- 03 - Criptoativos conhecidos como stablecoins, por exemplo, Tether (USDT), USD Coin (USDC), Brazilian Digital Token (BRZ), Binance USD (BUSD), DAI, True USD (TUSD), Gemini USD (GUSD, Paxos USD (PAX), Paxos Gold (PAXG) etc.;
- 10 - Criptoativos conhecidos como NFTs (Non-Fungible Tokens);
- 99 - Outros criptoativos.
Discriminação: tipo e quantidade da criptomoeda, nome e CNPJ (se houver) da corretora por meio da qual o contribuinte comprou seus criptoativos. Caso você utilize uma wallet para fazer a própria custódia, informe também o modelo de carteira usado. Se as criptomoedas tiverem sido compradas de outra pessoa física, é preciso informar o nome e o CPF do vendedor.

Declare os ativos sempre pelo seu custo de aquisição, sem atualizá-los pelo seu preço de mercado.

Rendimentos isentos (oriundos de vendas de até R$ 35 mil em um mês): ficha Rendimentos Isentos e Não Tributáveis
Código: 05 - Ganho de capital na alienação de bem, direito ou conjunto de bens ou direitos da mesma natureza, alienados em um mesmo mês, de valor total de alienação até R$ 20.000,00, para ações alienadas no mercado de balcão, e R$ 35.000,00, nos demais casos.

Rendimentos tributados (oriundos de vendas demais de R$ 35 mil em um mês): ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva
Código: 02 - Ganhos de capital na alienação de bens e/ou direitos. Preencher o programa GCAP 2021 para apurar o imposto devido e importar as informações para a declaração, ficha Direitos/Bens Móveis, da aba Ganho de Capital. As informações nesta ficha e na ficha de Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva serão preenchidas automaticamente.

Leia tudo sobre como declarar bitcoin e outras criptomoedas.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

NOVO MODELO DE NEGÓCIOS

Varejo adota ‘loja-contêiner’ para fugir dos custos de shoppings e aluguéis; conheça o que são os estabelecimentos modulares

A estreante no formato é a Chilli Beans, de óculos de sol. “Acho que não teria uma Eco Chilli se não houvesse pandemia”, afirma o CEO, Caito Maia

NÃO MEXE NO MEU QUEIJO

Membros do mercado financeiro defendem Lei das Estatais em documento enviado ao ao Congresso; revogação seria ‘retrocesso’

O texto também cita o relatório de 2020 em que a OCDE afirma que a Lei das Estatais deixou os conselhos de empresas públicas mais independentes de interferências

NESTA SEGUNDA-FEIRA

Governador de São Paulo fará coletiva nesta segunda-feira após Bolsonaro aprovar isenção do ICMS sem garantia de compensação aos estados

O presidente da República vetou o fundo de ajuda aos estados após sancionar o teto do imposto estadual

SEU DOMINGO EM CRIPTO

‘Compre na baixa’ anima e bitcoin (BTC) busca os US$ 22 mil; criptomoedas aguardam semana de olho no Fed

Entre os destaques da próxima semana estão o avanço dos juros nos Estados Unidos e um possível default da Rússia

DE OLHO NO FUTURO

Goldman Sachs quer entrar no mundo da ‘renda fixa’ em criptomoedas e lidera grupo para comprar a Celsius por US$ 2 bilhões

O staking vem crescendo nos últimos meses e é motivo de certa preocupação após o caso da Celsius — e o banco de Wall Street quer um pedaço dele