O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-20T18:57:28-03:00
Camille Lima
PARCERIAS A JATO

Gol (GOLL4) fecha parceria para voos compartilhados e milhas com a Turkish Airlines; como isso ajuda a empresa?

Passageiros das companhias aéreas poderão fazer conexões através de ambas as empresas, incluindo toda a malha da Gol no Brasil e a frota da Turkish Airlines na África, Ásia, Extremo Oriente e Oriente Médio

20 de abril de 2022
15:40 - atualizado às 18:57
Avião da Gol
Avião da Gol - Imagem: Shutterstock

Os planos da Gol (GOLL4) para conquistar seus clientes não estão vindo a cavalo: eles estão a jato. Apenas um dia depois de fechar um acordo com o Mercado Livre, a empresa aérea anunciou uma nova parceria de codeshare com a Turkish Airlines.

A parceria inclui conexões entre as duas companhias aéreas, tanto dos passageiros da Gol para os voos e aeroportos operados pela empresa turca, quanto o contrário.

“Como duas das principais companhias aéreas do Brasil e da Turquia, a Gol e a Turkish Airlines oferecem a melhor experiência aos seus passageiros. Permitir que os passageiros da Turkish Airlines alcancem o maior número de voos e destinos no Brasil com este acordo é um prazer para nós”, afirmou Paulo Kakinoff, presidente da Gol. 

As ações da Gol reagiram bem ao anúncio e engataram rota de alta durante a manhã. Porém, durante a tarde desta quarta-feira (20), os papéis reverteram o movimento de escalada e passaram a operar em leve queda. No fim do dia, fecharam no zero a zero, cotadas a R$ 16,41.

Como funcionará a parceria entre a Gol (GOLL4) e a Turkish Airlines?

O acordo determina que todos os passageiros da empresa turca da África, Ásia, Extremo Oriente e Oriente Médio vão poder fazer conexões pela malha operada pela Gol no Brasil e para Assunção, Santiago, Montevidéu e Lima.

Os clientes da Turkish Airlines poderão comprar passagens para voos da Gol no Brasil diretamente pelo site e canais de venda da empresa turca a partir de voos saindo de Istambul e dos outros aeroportos em que a companhia opera.

Hoje, a Turkish Airlines opera sete voos por semana para o aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos. 

A princípio, estão inclusos no acordo 60 destinos domésticos da Gol. Porém, de acordo com o comunicado à imprensa da Turkish Airlines, a ideia é expandir a parceria no futuro para outros destinos internacionais operados pela brasileira. 

Já do lado dos clientes da Gol, os brasileiros terão acesso às conexões com a Turkish Airlines em Istambul e nos outros aeroportos da companhia aérea turca espalhados ao redor do mundo.

O que é o codeshare?

Vamos supor que você queira viajar para a França, mas não existe nenhum voo direto do aeroporto de Guarulhos (São Paulo) para Paris e nenhuma companhia brasileira realiza esse percurso. Você teria que comprar duas passagens aéreas, uma daqui para algum ponto intermediário e outra para enfim chegar a Paris. Imagine o transtorno.

É para isso que serve o codeshare (em tradução literal, o código compartilhado). Quando as companhias aéreas se tornam parceiras, elas podem vender passagens de um voo que é operado por outra empresa, literalmente em um voo compartilhado. 

Ou seja, você compra uma passagem com a empresa X, mas embarca em um avião da companhia Y. Desse modo, as aéreas podem cobrir mais destinos, trajetos e frequências de voo. 

E, para o cliente que for comprar a passagem, ele só precisará efetuar uma compra, e não duas, como no exemplo que demos antes.

Passageiros frequentes da Gol (GOLL4) e Turkish Airlines

Além do codeshare, a parceria entre a Turkish Airlines e a Gol (GOLL4) também inclui benefícios para os passageiros frequentes (FFP, na sigla em inglês) das companhias aéreas.

Quem for associado ao programa Miles&Smiles da empresa turca e ao Smiles da brasileira poderá acumular pontos e resgatá-los em ambas as companhias aéreas. 

O programa de benefícios compartilhado para clientes recorrentes ainda não teve início, mas os resgates devem ser disponibilizados posteriormente.

"Como Turkish Airlines, temos o prazer de lançar a cooperação de codeshare e FFP com a Gol, que permitirá aos passageiros alternativas únicas de viagem via Istambul para rotas domésticas brasileiras. Eles desfrutarão dos benefícios do FFP com as novas opções de voo, além de uma experiência de viagem mais conveniente”, disse Bilal Ekşi, CEO da Turkish Airlines.

Vale lembrar que o acordo ainda deverá ser aprovado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e outras autoridades brasileiras. 

Por que a parceria entre as companhias aéreas é importante no cenário atual?

As parcerias de codeshare são bem comuns no setor aéreo. Afinal, possibilitam que as companhias abranjam mais rotas do que normalmente fariam se utilizassem apenas os próprios voos.

A própria Gol possui acordos com diversas empresas, incluindo a American Airlines, a Air France e a KLM, que também acumulam pontos para resgatar os programas de vantagens das companhias aéreas.

Mas, no cenário atual, a parceria toma uma importância ainda maior. Isso porque, com a guerra na Ucrânia e as sanções impostas pelos países europeus e americanos contra a Rússia, muitas companhias aéreas ficaram impedidas de cruzar o espaço aéreo da Ucrânia e de Moscou.

Além do próprio território ucraniano, pelo qual nenhum avião ousa passar, países e regiões vizinhas à guerra também não estão sendo acessados.

Ou seja: para chegar aos destinos estipulados, as empresas estão tendo que recalcular as rotas dos voos e contornar todas essas áreas, o que leva a um maior gasto de combustível, cujos preços também estão nas alturas.

Desse modo, as viagens são mais demoradas, e as frequências dos voos também precisam ser mais espaçadas.

Então, a parceria entre a Gol (GOLL4) e a Turkish Airlines reabre uma linha mais "direta". Afinal, os passageiros poderão voar até Istambul e outros aeroportos cobertos pela companhia turca para chegar a algum aeroporto da Ásia ou Oceania.

O que os analistas acham da nova parceria da Gol (GOLL4)?

Para Ilan Arbetman, analista de research da Ativa Investimentos, a parceria entre a Gol (GOLL4) e a Turkish Airlines será mais positiva quando o cenário do tráfego aéreo se normalizar, especialmente em relação ao programa de milhas das companhias aéreas.

“Hoje, a gente ainda vê perspectivas desafiadoras, tanto na cena doméstica quanto na internacional”, disse Arbetman.

O analista acredita que, para a empresa brasileira, o acordo é positivo, uma vez que amplia o acesso a rotas na Europa, África e Ásia e permite que os clientes realizem a compra das passagens aéreas diretamente pelo site da Gol.

"Pela localização da Turquia, próxima do Oriente Médio, Europa e Ásia, ela atende esses continentes, o que pode ser interessante para a Gol quando a pulverização de rotas voltar ao normal”.

Arbetman acredita que o efeito será semelhante para a Turkish, que passa a permitir que seus passageiros adquiram passagens para voos da Gol para o Brasil e outros destinos através do próprio site da companhia turca.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

DE VOLTA DAS CINZAS

Nova esperança da Terra (LUNA)? Criador do projeto tenta salvar criptomoeda que desapareceu com proposta de atualização; é o suficiente?

O relançamento da Terra inclui distribuição gratuita de novas criptomoedas para alguns investidores; saiba se você pode receber

concorrência no varejo

Magalu ameaçada? Dona da rival Shopee tem salto na receita e lidera aplicativos baixados no Brasil

Papéis da controladora da Shopee subiram 14% na bolsa de Nova York (Nyse) ontem (18) e fecharam o pregão valendo US$ 80,14

EM TEMPO REAL

TCU retoma julgamento da privatização da Eletrobras (ELET3) hoje; acompanhe ao vivo

O governo está otimista com a perspectiva de que o processo seja aprovado pelo tribunal

DE ROUPA NOVA

Com foco em criptomoedas e NFTs, Zuckerberg muda o nome do Facebook Pay para Meta Pay; entenda as alterações

Novo passo em direção ao metaverso inclui na plataforma de pagamentos e negociações usada no WhatsApp as funções de empréstimos e investimentos em ativos digitais

NA SAÚDE E NA DOENÇA

Parceria bilionária entre Dasa (DASA3) e Inspirali, da Ânima (ANIM3), sai do papel com foco em formação médica; confira detalhes do projeto

Iniciativa deve beneficiar os mais de 10 mil estudantes de Medicina da Inspirali assim como os médicos que fazem parte das mais de 900 unidades de medicina diagnóstica e hospitais da Dasa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies