🔴 RECEBA ANÁLISES DE MERCADO DIÁRIAS: CLIQUE AQUI E SIGA O SEU DINHEIRO NO INSTAGRAM

2022-02-21T12:49:01-03:00
Estadão Conteúdo
Parceria

Assaí fecha parceria para vender produtos pelo Rappi

O projeto com o Rappi ainda é considerado piloto e começou neste mês, em seis lojas do Assaí de São Paulo (SP)

21 de fevereiro de 2022
12:48 - atualizado às 12:49
Motoboy leva entrega do Rappi
Motoboy leva entrega do Rappi - Imagem: Shutterstock

O Assaí Atacadista anuncia nesta segunda-feira, 21, uma parceria para vender seus produtos pelo aplicativo de entregas Rappi. O projeto ainda é considerado piloto e começou neste mês, em seis lojas de São Paulo (SP).

Desde 2021, quando a empresa se separou do GPA, o Assaí iniciou seu processo de digitalização. A estratégia escolhida, por enquanto, é a de ter presença em plataformas de entrega terceiras. As compras serão feitas por shoppers do Rappi, que selecionam, separam e entregam os itens indicados pelos clientes.

Caso um dos itens escolhido não esteja disponível, o responsável pela compra sinaliza quais são as opções para substituição.

"A parceria com o Rappi permite aos clientes comprarem no Assaí pela internet com segurança e ter acesso, sem sair de casa, aos mesmos preços praticados em lojas físicas, o que significa mais economia nas compras de mercado. Esperamos, até o final de fevereiro, expandir essa parceria para todas as regiões do país onde possuímos lojas e onde o Rappi opera", explica Anderson Castilho, vice-presidente de Operações do Assaí.

Luiz Tavares, diretor de Supermercados do Rappi Brasil, diz que a implementação da solução proporciona ao Assaí mais dados sobre seu público.

"A união da expertise do Assaí no atacado com a inteligência de dados que possuímos proporciona uma leitura mais assertiva e imediata do comportamento dos clientes, de forma que possamos melhor endereçar a eles um portfólio de produtos que atendam suas necessidades", diz.

Leia também:

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

FII DO MÊS

Fundos de papel retornam ao topo da preferência dos analistas; veja quais são os FIIs favoritos para julho

6 de julho de 2022

Em meio ao temor de recessão global, as corretoras consultadas pelo Seu DInheiro voltaram-se novamente para a proteção do papel

ESQUENTA DOS MERCADOS

Bolsas estrangeiras patinam à espera da ata do Fed e dos dados de desemprego nos Estados Unidos

6 de julho de 2022

Investidores preparam-se para a divulgação da ata do Fed na tentativa de prever os próximos passos da política monetária norte-americana

Especiais SD

Onde investir no 2º semestre: Renda fixa, nós gostamos de você! Com juros altos, ativos mais rentáveis do ano continuam atraentes

6 de julho de 2022

No difícil primeiro semestre de 2022, ativos de renda fixa foram os únicos a se salvarem, especialmente aqueles que se beneficiam da alta dos juros; para o resto do ano, esses investimentos permanecem interessantes, e investidor não precisa correr muito risco para ganhar dinheiro

NOITE CRIPTO

Parece, mas não vai: bitcoin segue preso ao patamar de US$ 20 mil; saiba o que está no caminho do BTC

5 de julho de 2022

Investidores devem ficar atentos à divulgação da ata da reunião do junho do Federal Reserve, prevista para amanhã — documento tem potencial para aumentar a volatilidade do mercado

AGORA É PRA VALER

Petrobras (PETR4) conclui a venda de participação na Deten Química — veja quanto entrou no caixa da estatal

5 de julho de 2022

O negócio, que tinha sido anunciado em abril, encerra a presença da petroleira na fabricante das principais matérias-primas para o segmento de limpeza doméstica e comercial no Brasil

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies