2022-07-07T14:29:12-03:00
Ricardo Gozzi
OS SOBREVIVENTES

Putin vê mais um primeiro-ministro britânico cair, mas ainda precisa comer muita farinha antes de alcançar a rainha Elizabeth II

Boris Johnson é o quinto primeiro-ministro a cair com Putin na presidência da Rússia, mas a monarca britânica já viu muito mais que isso

7 de julho de 2022
12:37 - atualizado às 14:29
Vladimir Putin, Boris Johnson e Rainha Elizabeth
Vladimir Putin e Elizabeth II já viram renúncias como a de hoje muito mais do que se pode imaginar. - Imagem: Wikimedia Commons/Divulgação

Não é segredo que os líderes das grandes potências do Ocidente veem Vladimir Putin pelas costas. Mas, enquanto presidentes e primeiros-ministros passam, ele segue firme à frente da Rússia. Com a renúncia de Boris Johnson, anunciada hoje, o russo assistiu de seu camarote no Kremlin à derrocada política do quinto primeiro-ministro do Reino Unido.

É bastante, sim, mas Putin tem uma rival à altura: a rainha Elizabeth II já assistiu a bem mais ascensões e quedas do que qualquer outro chefe de Estado vivo.

Conheça a seguir os líderes que Putin e Elizabeth II viram tomar o poder e cair ao longo das últimas décadas.

A ascensão de Putin ao poder

Depois de servir como diretor do Serviço Federal de Segurança (órgão que sucedeu a KGB depois do fim da União Soviética), Putin tornou-se primeiro-ministro da Rússia em agosto de 1999. Ele precisou de apenas alguns meses para passar a perna em Boris Yeltsin.

Em plena véspera do ano-novo, na passagem de 1999 para 2000, Putin assumiu interinamente a presidência russa e não largou mais o osso.

É possível argumentar que Putin permitiu alguma alternância: afinal, a Rússia foi governada por Dmitri Medvedev de 2008 a 2012. Mas você lembra quem era o primeiro-ministro do país nesse governo?

Sim, ele mesmo: Putin ampliou os poderes do cargo e seguiu dando as cartas durante o governo Medvedev. Ao retornar à presidência, em 2012, Putin manteve o ex-presidente como fiel escudeiro até 2020.

Portanto, pode-se dizer sem margem para dúvida que Putin caminha para 23 anos de exercício ininterrupto do poder na Rússia.

Boris Johnson é o quinto primeiro-ministro britânico a cair desde que Putin chegou ao poder

Não é preciso dizer que a rainha Elizabeth II já estava lá quando Putin tornou-se presidente da Rússia, na virada de 1999 para 2000. Já o primeiro-ministro do Reino Unido era Tony Blair.

  • Tony Blair (trabalhista)

Blair foi aclamado no fim dos anos 1990 por formular ao lado do então presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, uma versão açucarada de social-democracia. Foi a primeira “terceira via” a não ir para a frente.

Pouco depois, o líder trabalhista rifaria sua credibilidade ao endossar um relatório segundo o qual o então líder iraquiano Saddam Hussein manteria um imenso estoque de armas de destruição em massa.

As informações apresentadas no documento provaram-se falsas e Blair recebeu de seus detratores o carinhoso apelido de “poodle” de George W. Bush. Foi sucedido pelo também trabalhista Gordon Brown em 2007.

  • Gordon Brown (trabalhista)

Brown ficou no cargo até 2010, quando os trabalhistas foram desbancados pelo Partido Conservador.

  • David Cameron (conservador)

David Cameron sucedeu Brown até renunciar em 2016, depois de os eleitores britânicos terem aprovado em referendo que o Reino Unido deixasse a União Europeia (UE).

  • Theresa May (conservadora)

Theresa May assumiu a liderança do Partido Conservador incumbida de buscar uma saída negociada para o Brexit, como ficou conhecido o processo de divórcio entre o Reino Unido e a UE.

Depois de três tentativas malsucedidas, Theresa May deixou o cargo e foi sucedida pelo ex-prefeito de Londres e então chanceler Boris Johnson.

  • Boris Johnson (conservador)

Ligado a uma ala mais radical do Partido Conservador, Boris Johnson renunciou hoje depois de uma série de escândalos envolvendo seu governo.

Putin x Elizabeth II

Diante disso, lá se foram cinco primeiros-ministros britânicos desde que Putin chegou ao poder.

Considerando o fato de o Reino Unido ser uma monarquia parlamentarista, trata-se de um número baixo em vista dos mais de 20 anos da era Putin na Rússia.

Em termos de longevidade, porém, Putin vai ter que viver muito mais que seus atuais 69 anos - e também perpetuar-se no cargo por muitas décadas - se quiser pelo menos igualar a quantidade de líderes que a rainha Elizabeth II viu sucumbir em 70 anos de reinado.

Sim, Elizabeth II tem mais tempo de reinado do que Putin tem de vida.

Embora tenha sido coroada em junho de 1953, Elizabeth II subiu ao trono em fevereiro de 1952, logo depois do falecimento de seu pai, o rei George VI, e seis meses antes do nascimento de Putin.

Quando Elizabeth II assumiu a coroa, Winston Churchill ainda cumpria seu último mandato como primeiro-ministro.

Desde então, Elizabeth II autorizou 13 primeiros-ministros a formarem o governo, sendo que o trabalhista Harold Wilson teve o privilégio em duas ocasiões.

Veja a seguir a lista de primeiros-ministros do Reino Unido desde a ascensão de Elizabeth II.

  • Winston Churchill (já era o primeiro-ministro quando Elizabeth foi coroada e ficou até 1955)
  • Anthony Eden (1955-1957)
  • Harold Macmillan (1957-1963)
  • Alec Douglas-Home (1963-1964)
  • Harold Wilson (1964-1970)
  • Edward Heath (1970-1974)
  • Harold Wilson (1974-1976)
  • James Callaghan (1976-1979)
  • Margaret Thatcher (1979-1990)
  • John Major (1990-1997)
  • Tony Blair (1997-2007)
  • Gordon Brown (2007-2010)
  • David Cameron (2010-2016)
  • Theresa May (2016-2019)
  • Boris Johnson (2019-2022)

Elizabeth II e os russos

A rivalidade geopolítica entre Londres e Moscou já estava posta bem antes da coroação da rainha Elizabeth II. É raro, mas acontece.

A preocupação com as ambições expansionistas russas pautam a política externa britânica desde os tempos de Pedro, o Grande, na primeira metade do século XVIII.

A Rússia também tem suas razões para manter uma distância segura do Reino Unido. Desde os anos 1990, Moscou se ressente do fato de os britânicos terem recebido de braços abertos diversos bilionários que levaram para a City londrina as fortunas amealhadas (muitas delas sorrateiramente) em meio ao colapso da União Soviética (URSS).

Hoje, depois da renúncia de Johnson, autoridades russas fizeram fila para celebrar a derrocada política do chefe de governo.

De qualquer modo, se Elizabeth II já viu mais de uma dúzia de governos irem e virem sob seu reinado, ela também presenciou a ascensão e a queda de uma dezena de líderes em Moscou - primeiro soviéticos e depois russos.

Quando Elizabeth II chegou ao trono, o presidente da URSS ainda era Josef Stalin. Mas o georgiano morreria antes da coroação da rainha, sendo sucedido por Georgi Malenkov.

Confira a seguir a lista de líderes soviéticos e russos testemunhados por Elizabeth II.

  • Josef Stalin (até 1953)
  • Georgi Malenkov (1953-1955)
  • Nikita Kruschev (1955-1964)
  • Leonid Brezhnev (1964-1982)
  • Yuri Andropov (1982-1984)
  • Konstantin Chernenko (1984-1985)
  • Mikhail Gorbachev (1985-1991)
  • Boris Yeltsin (1991-1999)
  • Vladimir Putin (1999-2008)
  • Dmitri Medvedev (2008-2012)
  • Vladimir Putin (2012 até a atualidade)
Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Todos os olhos e ouvidos do Ibovespa voltados para a inflação de hoje enquanto as bolsas internacionais aguardam os dados dos EUA

9 de agosto de 2022 - 7:43

Os índices internacionais aguardam os números de inflação dos EUA, que só devem ser conhecidos na quarta-feira

Balanço

BTG Pactual (BPAC11) tem lucro de R$ 2,175 bilhões no 2T22 e renova recorde

9 de agosto de 2022 - 7:26

Lucro líquido recorrente de R$ 2,175 bilhões do BTG no segundo trimestre representa um avanço de 26,5% em relação ao mesmo período de 2021

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Um mundo tomado pela inflação: entenda ao que é preciso prestar atenção para saber se os preços vão finalmente parar de subir

9 de agosto de 2022 - 6:10

O processo de normalização dos preços será fundamental para que consigamos ter maior previsibilidade quanto ao futuro dos ativos de risco

COMBUSTÍVEIS

Mudou de ideia? Bolsonaro diz que política de paridade de preços da Petrobras (PETR4) pode ser mantida como está

8 de agosto de 2022 - 20:43

Bolsonaro anunciou que vai manter os impostos federais dos combustíveis zerados no próximo ano

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) perde um pouco de tração, mas segue operando em alta; saiba o que mexe com a maior criptomoeda do mundo

8 de agosto de 2022 - 20:04

O destaque do dia foi para o ethereum (ETH), mas não pela alta de preços e sim pelo volume negociado nas últimas 24h

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies