🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-03-07T20:11:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
A NOITE CRIPTO

Sem trégua na Ucrânia, bitcoin (BTC) aprofunda perdas e já recua mais de 12% nos últimos sete dias; veja como operam outras criptomoedas

A escalada do conflito entre Rússia e Ucrânia coloca pressão nos ativos de risco de modo geral, incluindo as moedas digitais

7 de março de 2022
20:11
Bitcoin (BTC) na corda bamba e o mercado de criptomoedas se prepara para o final de semana
Bitcoin na corda bamba? - Imagem: Shutterstock

Depois de mais um final de semana difícil e sem sinais de um cessar-fogo no conflito entre Rússia e Ucrânia, as cotações do bitcoin (BTC) e outras criptomoedas seguem em queda na noite desta segunda-feira (7).

Por volta das 20h12, a principal moeda digital do mercado recua 1,97%, a US$ 38.372,84. Veja abaixo como operam as outras quatro maiores criptomoedas:

NomePreço24h %7d %
Bitcoin (BTC)US$ 38.372,84-1,97%-12,19%
Ethereum (ETH)US$ 2.519,98-4,47%-13,83%
Tether (USDT)US$ 1,00+0,01%+0,01%
BNB (BNB)US$ 383,45+0,36%-3,25%
USD Coin (USDC)US$ 0,9999+0,01%-0,01%
Fonte: CoinMarketCap

Bitcoin com muita cautela

A escalada do conflito entre Rússia Ucrânia coloca pressão nos ativos de risco de modo geral. Somado a isso, a proximidade do próximo encontro do Federal Reserve, o Banco Central americano, injeta ainda mais aversão ao risco nos mercados. O Fomc, o Copom por lá, deve se reunir nos próximos dias 16 e 17 e decidir sobre a política de juros dos EUA.

Esse cenário compõe a tempestade perfeita para a sangria de ativos de risco, incluindo ações criptomoedas. Essa cautela toda fez com que o Fear & Greed Index, o índice de medo e ganância, ficasse em terreno negativo durante os últimos dias.

[lei_tambem]

O que esperar?

De acordo com o Alternative Me, os investidores estão com “medo extremo” em relação ao mercado, uma piora em relação ao mês passado. O índice varia de zero, considerado “medo extremo”, até 100, quando o mercado está mais disposto a tomar risco — ou mais “ganacioso”.

Mesmo que o bitcoin esteja sendo usado durante a guerra, o cenário macroeconômico preocupa os investidores. Além disso, uma alta nos juros faria o retorno dos Treasuries, os títulos do Tesouro dos EUA, avançarem ainda mais.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

FRUTOS DO CASAMENTO

Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3) apresentam relação de troca final de ações; veja quanto os acionistas receberão

Mais cedo, a Superintendência-Geral do Cade aprovou, sem restrições, a venda de parte da frota da Unidas para o Grupo Brookfield, dono da locadora Ouro Verde

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) faz malabarismo para enfrentar volatilidade e seguir acima de US$ 20 mil; confira cotações

O cenário macroeconômico pesou no universo cripto e se juntou à falta de liquidez, exercendo importante fonte de pressão

AGRO EM ALTA

Governo oferecerá mais de R$ 340 bilhões para produtores rurais no novo Plano Safra; valores entram em vigor em julho

O programa do governo federal prevê o direcionamento de recursos públicos para financiar e apoiar a agropecuária nacional

O SOL HÁ DE BRILHAR MAIS UMA VEZ

Cemig (CMIG4) amplia presença em energia solar em negócio milionário; confira os detalhes do negócio

A transação envolve três usinas fotovoltaicas e reforça a estratégia da companhia de crescimento sustentável no mercado de geração distribuída

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa abaixo dos 100 mil novamente, presidente da Caixa pede demissão e o salvador do mundo cripto; confira os destaques do dia

As últimas semanas parecem ter inaugurado um novo modus operandi no mercado financeiro: não há boa notícia ao amanhecer que perdure até o anoitecer.  Alta de commodities, alívio no cenário fiscal, retomada econômica chinesa. Pode escolher a sua arma, nada parece forte o suficiente para enfrentar o temor de uma recessão global e de um […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies