Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

2022-05-13T13:40:22-03:00
Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP.
APÓS QUEDA LIVRE

Binance suspende negociação da Terra (LUNA), a criptomoeda que “virou pó”

O CEO da Binance afirmou estar “desapontado” com a queda da criptomoeda Terra (LUNA) e suspendeu as negociações nesta sexta-feira (13)

13 de maio de 2022
13:15 - atualizado às 13:40
Os projetos em criptomoeda que disparam mesmo com a queda do bitcoin.
Imagem: Shutterstock

A Binance, maior exchange de criptomoedas do mundo, suspendeu as negociações da Terra (LUNA) e da stablecoin TerraUSD (UST), depois da forte queda desta semana, que fez as cotações quase irem a zero.

A Terra (LUNA) perdeu quase a totalidade do seu valor no mercado na última semana, acompanhando a baixa do mercado cripto em geral. Sozinha, a criptomoeda virou pó com uma queda superior a 90% em 24h. O preço da LUNA caiu mais de US$ 80 em três dias.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao, afirmou estar “muito desapontado com a forma que foi tratado o incidente UST/LUNA pela equipe Terra”. Ele ainda defendeu a suspensão como a “melhor maneira de proteger os usuários [da plataforma] neste momento”.

A desvalorização da moeda e, agora, a suspensão das negociações são consequências da falha de protocolo da Terra — atrelada à stablecoin TerraUSD — que fez com que as cotações despencassem.

Fonte: Coin Market Cap


Terra (LUNA) chegou ao fim?

A criptomoeda Terra (LUNA) estava surpreendendo o mercado desde dezembro de 2021, quando desbancou Avalanche (AVAX) e Dogecoin (DOGE).

Com a intenção de se tornar o principal meio de pagamento no ambiente digital, a Terra é composta de uma cesta de moedas fiat, como o dólar, o euro e o yuan chinês.

Mas, como a falha no protocolo da dessa criptomoeda, todo o sucesso foi por água abaixo. A interrupção das negociações na maior exchange do mundo nesta sexta-feira (13) significa que nenhuma transação com UST, LUNA ou outras criptomoedas da Terra Network, o ecossistema integrado do projeto, possam ser negociadas.

Leia também

Valorização do Bitcoin

A crise da Terra Network continua, mas outras criptomoedas do mercado conseguem se recuperar das perdas da semana, como é o caso do bitcoin, que se consegue manter o patamar acima de US$ 30 mil.

A alta acompanha as ações das principais empresas de tecnologia, em Nasdaq, Meta (FBOK34) — proprietária do Facebook, Alphabet (GOGL34) — controladora do Google — e Netflix (NFLX34) que abriram as negociações em alta de 3%.

*Com informações de Currency.com e CNBC

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

A PARTIR DE JUNHO

Quer um pedacinho da Eletrobras (ELET3)? O trabalhador poderá usar recursos do FGTS para comprar ações

O trabalhador deverá fazer reserva de aquisições entre 3 e 9 de junho. O governo liberou o uso de até 50% do FGTS para compra de ações da Eletrobras

DESINVESTIMENTO

Em meio à turbulências, Petrobras (PETR4) assina mais um contrato de venda de refinaria

A operação ainda deve passar pelo crivo do Cade. A venda da refinaria Lubnor por US$ 34 milhões faz parte do plano de desinvestimento

DIPLOMACIA RUSSA

Bandeira branca? Putin diz que vai viabilizar comércio de grãos ucranianos e fertilizantes

Em conversa com o presidente da França e o chanceler da Alemanha, Putin afirmou que vai aumentar a oferta de grãos e fertilizantes

NÃO VINGOU

Terra 2.0 derrete mais de 60% no dia do lançamento; saiba por quê

A Terra 2.0 já acumula perdas; o renascimento da criptomoeda sofre com a perda de credibilidade, após falhas no protocolo da antiga moeda

NOVA CRIPTO NA ÁREA

Lançamento da Terra 2.0: vale a pena investir em um projeto criado pelos mesmos desenvolvedores da extinta Terra (LUNA)? Especialistas falam sobre nova criptomoeda

A resposta foi quase unânime: os analistas deixaram de acompanhar a Terra (LUNA) e não acreditam mais no projeto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies