2022-07-01T11:28:49-03:00
Ana Carolina Neira
Jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero com especialização em Macroeconomia e Finanças (FGV) e pós-graduação em Mercado Financeiro e de Capitais (PUC-Minas). Com passagens pelo portal R7, revista IstoÉ e os jornais DCI, Agora SP (Grupo Folha), Estadão e Valor Econômico, também trabalhou na comunicação estratégica de gestoras do mercado financeiro.
VENDA DE DÍVIDA

Turbinando o caixa: MRV (MRVE3) levanta R$ 350 milhões com venda de CRIs

O negócio da MRV (MRVE3) foi feito em duas operações de securitização; empresa também concluiu venda de empreendimentos no exterior

1 de julho de 2022
11:28
Logo da MRV (MRVE3) nas cores verde e amarelo
Imagem: Divulgação

A MRV (MRVE3) levantou R$ 349,4 milhões a partir da venda de uma carteira pró-soluto — uma espécie de portfólio de créditos a receber, ligado a empréstimos feitos a clientes. O negócio foi feito em duas operações de securitização de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI), no valor de R$ 199,7 milhões e R$ 149,8 milhões, respectivamente, com ofertas restritas.

Na prática, as carteiras pró-soluto funcionam como uma solução do mercado imobiliário para enfrentar períodos de economia em crise e crédito mais caro, como acontece hoje no Brasil.

Caso um consumidor não consiga todo o crédito necessário para adquirir seu imóvel com um financiamento bancário, por exemplo, a construtora oferece uma nota promissória — o pró-soluto — no valor restante, impedindo que esse obstáculo afete o mercado.

Na quinta-feira (30), também foi informado que a Resia, subsidiária norte-americana da MRV, concluiu a venda de dois empreendimentos por US$ 195 milhões (pouco mais de R$ 1 bilhão).

Os conjuntos Village at Tradition e Harbor Grove, na Flórida (EUA), renderam um lucro bruto de US$ 71,6 milhões (cerca de R$ 375 milhões) à empresa, com cap rate de 4,2% — o indicador calcula a média de retorno de capital investido em um imóvel.

MRV (MRVE3): recompra de ações

A semana tem sido agitada para a MRV (MRVE3): além da venda da carteira e dos empreendimentos nos Estados Unidos, a companhia também informou ontem ao mercado um novo programa de recompra de ações.

Com vigência até 31 de dezembro, a operação trará até seis milhões de ações para o caixa da empresa. O número representa cerca de 2% do total de ações da construtora em circulação no mercado.

Há pouco, no pregão desta sexta-feira, as ações da MRV reagiam positivamente e subiam 1,41%, cotadas R$ 7,42. No entanto, tantas movimentações acontecem diante de um desempenho ruim das ações da construtora. Somente neste ano, a queda dos papéis é de 31,48%. Em um ano, a desvalorização é ainda pior e chega a 51,92%.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

CHAPA CONFIRMADA

Eleições 2022: Veja quantos milhões Lula e Alckmin declararam ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

7 de agosto de 2022 - 12:49

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin confirmaram a chapa ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

NÃO ENTRE NESSA

AMTD Digital (HKD): A ação desconhecida que subiu mais de 32.000% em menos de um mês e agora entra em queda meteórica

7 de agosto de 2022 - 11:18

Recém-chegada a Nova York, as ações da AMTD Digital levaram a companhia a valer mais do que grandes bancos como o Goldman Sachs e BofA

ROTA DO BILHÃO

O Lobo de Cashmere: Como Bernard Arnault, dono da LVMH, fez uma fortuna de US$ 168,6 bilhões a partir de bolsas e joias

7 de agosto de 2022 - 8:15

Formado em engenharia e apelidado como “Exterminador do Futuro”, o francês transformou uma empresa de tecidos falida na maior companhia da Europa

IVAN SANT'ANNA

Sob a névoa da guerra: as chances de Rússia e Ucrânia após seis meses de conflito

7 de agosto de 2022 - 7:29

As coisas não se passaram da maneira que Putin queria, e já é muito remota a chance de a Rússia anexar integralmente o seu vizinho do oeste

Existe esperança

Elon Musk flerta com a possibilidade de seguir em frente com a compra do Twitter — mas antes quer certeza sobre o número de usuários da rede

6 de agosto de 2022 - 15:19

O bilionário Elon Musk, dono da Tesla, voltou a usar o próprio Twitter para pressionar os executivos da rede social

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies