Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-05-30T19:55:46-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
IR 2021

Termina hoje o prazo para entregar a declaração de imposto de renda 2021. Saiba o que fazer se não der tempo

Primeira cota ou cota única do IR, para quem ainda tiver imposto a pagar, também vence nesta segunda-feira

31 de maio de 2021
5:30 - atualizado às 19:55
Selo Imposto de Renda 2021 IR
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Termina nesta segunda-feira (31), às 23h59, o prazo para entregar a declaração de IR 2021. Quem perder o prazo ficará sujeito a multa por atraso.

O valor da multa é de 1% ao mês sobre o valor do imposto de renda devido, calculado na declaração, mesmo que esteja pago. O valor mínimo da multa é de R$ 165,74, podendo chegar, no máximo, a 20% do valor do imposto de renda.

O prazo para cálculo da multa começa a contar na terça-feira (1º) e termina na data de envio da declaração atrasada. Caso a declaração simplesmente não seja entregue, o prazo termina na data do lançamento de ofício pela Receita Federal.

Hoje também vence a primeira cota ou cota única do imposto de renda para quem ainda tiver IR a pagar ao término do preenchimento da declaração. Neste caso, é preciso respeitar o horário do expediente bancário.

O atraso no pagamento do IR também obriga o contribuinte a pagar multa de 0,33% por dia de atraso, limitado a 20% do IR devido, mais juros de mora correspondentes à 1% (referente ao mês de pagamento) mais a variação da taxa Selic (do dia seguinte ao do vencimento até último dia do mês anterior ao do pagamento).

Não vai dar tempo de declarar? Veja como evitar a multa

Se você está obrigado a entregar a declaração de IR 2021 e acha que não vai conseguir preenchê-la a tempo com todas as informações exigidas, não se desespere.

Baixe o Programa Gerador da Declaração e preencha-o apenas com os seus rendimentos tributáveis recebidos de PJ, PF ou exterior (salários, aluguéis, pensões alimentícias, aposentadorias, pro labore, rendimentos de trabalho autônomo etc.) e as suas despesas dedutíveis (como dependentes e gastos com saúde e educação).

Se conseguir enviar a declaração com apenas essas informações, você já saberá se tem IR a pagar ou restituir e qual modalidade da declaração é mais vantajosa, se a completa (por deduções legais) ou a simplificada. E caso tenha IR a pagar, conseguirá recolhê-lo dentro do prazo sem pagar multa.

Amanhã ou depois você pode retificar a sua declaração com calma incluindo as informações sobre bens, dívidas, doações efetuadas e recebidas, operações de renda variável, rendimentos isentos e rendimentos sujeitos à tributação exclusiva ou definitiva (tributados na fonte), como é o caso dos rendimentos pagos por aplicações financeiras.

Essas informações não alteram o imposto devido, IR a pagar ou restituição, nem a modalidade de declaração mais interessante. Retificar a declaração depois do término do prazo não tem problema algum, e desde que todas as informações estejam corretas, não eleva o risco de o contribuinte cair na malha fina. Veja como retificar a declaração.

Caso você entregue a declaração hoje com poucas informações e decida retificá-la depois, incluindo ou corrigindo dados sobre rendimentos tributáveis ou deduções, aí pode ser que você tenha mudanças num eventual IR a pagar ou na modalidade da declaração mais vantajosa.

Acontece que, após o término do prazo, não é mais possível mudar da declaração simplificada para a completa ou vice-versa. Você ficará obrigado a manter a modalidade selecionada na declaração original. No caso do IR a pagar, caso ele fique maior depois da retificação, você terá que emitir um DARF adicional para recolher a diferença, com multa e juros por atraso.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

GÁS NA TRAMITAÇÃO

Projeto de lei pode conter alta dos combustíveis, mas precisa ser aprovado ainda este ano, defende relator

A medida, que cria um programa de estabilização do valor do petróleo e derivados, foi a forma encontrada para amenizar a alta dos preços sem interferir na política da Petrobras

CARNE FORTE

Marfrig sobe mais de 5% hoje, mas ainda deve saltar 60% nos próximos meses, projeta Bank of America

O Bank of America recalculou as projeções financeiras para o próximo ano e vê a empresa lucrando muito mais do que o previsto no cálculo anterior

DESTAQUES DO DIA

Varejo abaixo do esperado derruba Magazine Luiza (MGLU3), mas companhias aéreas sobem forte com vacinas eficazes contra a ômicron

Enquanto o Magalu recua mais de 8%, as empresas do setor aéreo aproveitam para engatar uma recuperação

bitcoin (BTC) hoje

O rali de fim de ano do bitcoin (BTC) derrapou. E você, novato em criptomoeda, pode ser o culpado

O movimento de queda do bitcoin das últimas semanas veio dos novos investidores em cripto, chamados de short-term holders, segundo a Glassnode

DE OLHOS BEM FECHADOS

O IPO do cheque em branco chega ao Brasil: Alvarez & Marsal quer fazer oferta pública para lançar Spac na B3

Modalidade existe há mais de 20 anos nos EUA, mas ainda é inédita no Brasil; entenda como funciona

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies