Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-10-07T06:20:11-03:00
Estadão Conteúdo
DURA DERROTA

Vale perde no STJ e terá que devolver o que recebeu por usina parada há 6 anos

Decisão do colegiado foi unânime e não cabe recurso; mineradora recebeu mais de R$ 500 milhões desde 2015

7 de outubro de 2021
6:17 - atualizado às 6:20
Celular mostra tela com logo da mineradora Vale
Imagem: Shutterstock

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) impôs uma dura derrota à Vale e decidiu que a mineradora terá que devolver cada centavo que tem recebido mensalmente, desde 2015, por uma hidrelétrica de sua propriedade que não entrega energia há seis anos.

A Vale (VALE3) já recebeu mais de R$ 500 milhões desde novembro de 2015, por uma geração de energia que deixou de entregar naquele ano, a partir das turbinas de sua hidrelétrica Risoleta Neves, na região de Mariana (MG), porque a usina foi destruída pela lama da tragédia da Samarco, que tem a própria Vale como sócia.

Decisão unânime

Ontem, o colegiado de 15 ministros do STJ decidiu, por unanimidade, que a companhia não tinha direito de receber os pagamentos, que vinham sendo feitos pelas demais hidrelétricas do País e os consumidores de energia.

Com a decisão, prevaleceu o pedido da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que já havia solicitado, em 2016, a paralisação dos pagamentos, mas viu seu pleito parar na Justiça, porque a Vale insistia em continuar a receber os recursos.

A hidrelétrica Risoleta Neves pertence ao consórcio Candonga, do qual a Vale é dona de 77,5% e a Cemig, de 22,5%.

Em maio deste ano, após essa situação ser denunciada em reportagem pelo jornal O Estado de S. Paulo, a Vale se reuniu com representantes da Aneel e da Câmara dos Deputados.

Mesmo após denúncia, Vale não desistiu de processo

A empresa, que tinha sido convocada para prestar esclarecimentos sobre o assunto no Congresso, conseguiu suspender a audiência pública, sob o argumento de que iria desistir do processo judicial. Além disso, a empresa se dispôs a devolver todo o montante recebido.

O acordo chegou a ser celebrado pelo diretor-geral da Aneel, André Pepitone, que participou do encontro com a empresa. "Tratamos de uma proposta de acordo formulada pela Vale no processo judicial. A Aneel vê isso com entusiasmo, pois conseguimos eliminar mais uma judicialização no setor", disse Pepitone à reportagem, na ocasião.

A empresa, porém, não abriu mão do processo e seguiu na disputa judicial para continuar a ter direito de manter a usina em um mecanismo do setor elétrico - bancado pelo consumidor de energia - que é acionado apenas em situações em que há problemas com escassez hídrica. Ontem, a Vale foi derrotada.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

De olho nos serviços financeiros

Depois da compra da Neoway, B3 (B3SA3) investe US$ 10 milhões em rodada de investimentos na startup Pismo

Com o investimento, a B3 busca aproximar ainda mais a relação com um fornecedor-chave para desenvolvimento futuro em seus mercados

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa desaba junto com o teto de gastos, e lançamento do Auxílio Brasil é adiado

Hoje o Ibovespa viveu um dia sangrento, muito semelhante aos jogos macabros da série-fenômeno que turbinou o balanço da Netflix no terceiro trimestre – e o saldo foi uma queda de quase quatro mil pontos em uma única rodada. No exterior, o dia foi ameno, mas dentro de casa a coisa complicou antes mesmo de o pregão […]

Destaques da mineradora

Produção de minério de ferro da Vale (VALE3) sobe 18% no terceiro trimestre, mas vendas ficam próximas à estabilidade

O número também superou as expectativas dos analistas, que projetavam um total inferior ao registrado entre julho a setembro do ano passado

FECHAMENTO DO DIA

Auxílio Brasil fora do teto de gastos apavora Ibovespa, e índice perde quase 4 mil pontos; dólar e juros disparam

O ministério da Cidadania chegou a anunciar um evento para lançar o novo programa social, mas com a bolsa indo abaixo dos 110 mil pontos, a festa não teve clima para continuar. O anúncio foi cancelado por ora, mas vai ser preciso mais do que isso para tranquilizar o mercado

Batatinha frita 1-2-3

Na Netflix (NFLX34), a virada operacional e financeira veio no Round 6 — e deu impulso ao balanço do terceiro trimestre

A Netflix (NFLX34) deu um salto no número de novos assinantes no trimestre, reanimando um ano que estava péssimo — tudo graças a Round 6

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies