';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-04-14T18:37:05-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
BOAS NOTÍCIAS

Mercado imobiliário está aquecido neste começo de ano, segundo resultados de incorporadoras; veja os números

JHSF, Cury e Mitre apresentam aumento de vendas no primeiro trimestre, ainda que a pandemia tenha imposto restrições

14 de abril de 2021
10:24 - atualizado às 18:37
Prédio em construção
Imagem: Shutterstock

O mercado imobiliário está bastante aquecido neste começo de ano, como demonstram as prévias operacionais do primeiro trimestre sendo divulgadas pelas construtoras e incorporadoras.

Depois de Cyrela (CYRE3), Direcional (DIRR3) e Moura Dubeux (MDNE3) apresentarem números considerados robustos pelos analistas, foi a vez de JHSF (JHSF3), Cury (CURY3) e Mitre (MTRE3) divulgarem seus resultados para o período.

Confira os números de cada empresa:

JHSF

A companhia, que atua como incorporadora voltada ao mercado de alta renda, divulgou na terça-feira (13) que as vendas contratadas cresceram 247% nos primeiros três meses do ano, na comparação com o mesmo período de 2020, para R$ 346,3 milhões.

O destaque no período foram as vendas contratadas no Boa Vista Village, empreendimento de luxo localizado na cidade de Porto Feliz, São Paulo, que conta até com o seu próprio campo de golfe e piscina com ondas para praticar surfe.

Lançado em 2019, os ganhos com venda de lotes de terrenos saltaram de R$ 13,1 milhões para R$ 229,1 milhões, nas comparações entre os primeiros trimestres de 2020 e 2021.

Mitre

A construtora e incorporadora focada em imóveis residenciais na Grande São Paulo registrou nos primeiros três meses do ano vendas líquidas de R$ 82,8 milhões, 145,3% acima do mesmo período de 2020.

No entanto, na comparação com o quarto trimestre, as vendas líquidas foram 70,8% inferiores, por conta da restrição ao funcionamento de stands de venda, devido às medidas de restrição de circulação adotadas em São Paulo para combater a covid-19.

Por conta da pandemia, a Mitre optou por não realizar lançamentos no trimestre, assim como no mesmo período de 2020.

A velocidade de vendas, medida pelo índice de vendas sobre oferta (VSO) também ficou prejudicado pelas circunstâncias – no primeiro trimestre, ele foi de 18,7%, comparado a 46,9% no quarto trimestre e 21,6% no primeiro trimestre do ano passado.

Cury

A empresa, que atua na construção e incorporação de empreendimentos voltados para o segmento de baixa renda nas regiões metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro e Campinas, informou que quebrou seu recorde de vendas trimestrais, considerando todos os trimestres de todos os anos de operação.

As vendas líquidas no primeiro trimestre chegaram a um valor geral de vendas (VGV) de R$ 590 milhões, crescimento de 147,1% ante o primeiro trimestre de 2020.

No período, foram lançados seis empreendimentos, também totalizando um VGV de R$ 590 milhões, alta de 274,7% na comparação anual, sendo três deles localizados em São Paulo e três no Rio de Janeiro.

A Cury destacou que o preço médio das unidades lançadas atingiu R$ 200 mil reais, 14,4% superior aos R$ 175 mil observados no mesmo período de 2020, em linha com a estratégia de explorar as faixas mais altas do programa de habitação federal Casa Verde e Amarela.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

AUTOMÓVEIS

Fiat Strada: 5 razões que explicam o sucesso do veículo mais vendido do Brasil pelo segundo ano seguido

28 de janeiro de 2023 - 7:22

A picape pequena teve 112 mil unidades emplacadas em 2022; analisamos os motivos pelos quais a Fiat Strada tem deixado tantos outros carros comendo poeira

DIA 27

De Lula, com carinho: o recado da Carta de Brasília aos bolsonaristas

27 de janeiro de 2023 - 20:22

Além de assinar o documento com governadores, o presidente tratou da compensação do ICMS — discussão que deve continuar com a ajuda de uma comissão que atuará junto ao Supremo Tribunal Federal (STF)

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Como o Ibovespa superou a forte queda da Petrobras (PETR4) e subiu nesta semana? Confira os destaques dos últimos dias

27 de janeiro de 2023 - 18:58

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta sexta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

Dinheiro no bolso

ETF que paga dividendos vem aí: bolsa libera listagem de fundos de índices de ações que pagam proventos

27 de janeiro de 2023 - 18:00

A partir de segunda-feira (30), ETFs de ações que pagam proventos poderão ser listados na bolsa brasileira; fundos que já existem, porém, não poderão passar a pagar dividendos

PRESENTE DE RUSSO

Vingança! Putin não deixa barato e prepara mega ofensiva na Ucrânia — entenda o que ele quer com isso

27 de janeiro de 2023 - 17:18

Do outro lado das trincheiras, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, sinaliza que pode ser tarde demais para negociações de paz

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies