Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-02T13:25:15-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Planos de expansão

Marcando terreno: Pague Menos (PGMN3) prevê abertura de novas unidades ainda em 2021

Na divulgação de seus resultados trimestrais, a rede já havia sinalizado que esperava uma “tração” nas inaugurações de lojas no terceiro trimestre deste ano

2 de setembro de 2021
13:22 - atualizado às 13:25
Pague Menos (2)
A Pague Menos é uma rede de drogaria com forte presença no nordeste, onde já conta com mais de 600 estabelecimentos / Imagem: Divulgação

valorização do setor farmacêutico desempenhou um papel importante no crescimento das redes de drogarias nos últimos anos. A Pague Menos (PGMN3), drogaria com forte presença no Nordeste, se mostra perseverante quanto a sua expansão e tem planos de abrir 80 novas unidades ainda este ano.

Conforme divulgado em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), nesta quinta-feira (02), a previsão é de inaugurar 80 unidades em 2021, e mais 120 em 2022.

A Pague Menos explica que as projeções consideram a:

  • estratégia de expansão;
  • capacidade financeira para suportar investimentos;
  • potencial em obter pontos comerciais atraentes com expectativas de retorno adequadas;
  • possibilidade de implantar novas lojas, incluindo a estrutura de engenharia e a disponibilidade de funcionários qualificados;
  • e outras circunstâncias particulares às atividades de expansão, sujeitas a riscos e incertezas.

Durante o período de divulgação de resultados, em que a rede de drogarias Pague Menos (PGMN3) registrou lucro líquido ajustado de R$ 71,6 milhões no segundo trimestre deste ano, a companhia disse que prevê uma “tração” nas inaugurações do terceiro trimestre.

"Qualquer alteração na percepção ou nos fatores acima descritos pode fazer com que os resultados concretos divirjam das projeções efetuadas. Vale ressaltar que as projeções são estimativas, e que não constituem promessa de desempenho, de modo que poderão ser revistas (positiva ou negativamente), especialmente no caso de alteração relevante nestes fatores", completa a empresa.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Exile on Wall Street

O que faz as empresas falharem? Conheça as cinco “assassinas silenciosas” que podem impactar nos seus investimentos

O verdadeiro início da derrocada de uma empresa não pode ser devidamente noticiado pelas finanças ou pelas operações, mas somente dentro do núcleo de cultura corporativa

CAPTAÇÕES BILIONÁRIAS

Localiza, Unidas e Movida vão a mercado em busca de R$ 5 bilhões com emissões de debêntures

Locadoras de veículos se recuperaram rapidamente da crise da covid-19 e buscam recompor o caixa em meio à escassez de componentes no setor automotivo

De olho no dragão

Ministério da Economia eleva expectativa para inflação em 2021; veja qual a nova projeção

A pasta também atualizou as estimativas para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor, utilizado para a correção do salário mínimo

MERCADOS HOJE

Com precatórios e queda do minério de ferro no radar, Ibovespa opera em queda de 1%; dólar avança

Em Brasília, os investidores acompanham de perto as discussões em torno do pagamento dos precatórios e repercutem mais uma queda expressiva do minério de ferro

Logística

MSC quer comprar controle da Log-In (LOGN3), que tem a gestora Alaska como maior acionista; papéis disparam

A proposta da MSC Mediterranean equivale a R$ 25 por ação LOGN3 e pode chegar a R$ 1,8 bilhão; Alaska e Tarpon estão entre os principais acionistas da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies