Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-11-05T19:15:51-03:00
Ricardo Gozzi
CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL

De olho na América Latina, Itaú volta a aumentar participação no CorpBanca

Operação chilena do maior banco brasileiro é vista como trampolim para outros países sul-americanos e também centro-americanos

5 de novembro de 2021
9:39 - atualizado às 19:15
Itaú dividendos
Imagem: Shutterstock

Quando o Itaú decidiu unir sua operação chilena à do CorpBanca, no início de 2014, a transação foi qualificada como a maior fusão realizada pelo maior banco privado do Brasil fora das fronteiras nacionais.

Numa transação de US$ 3,7 bilhões, o Itaú (ITUB4) assumiu o controle acionário do CorpBanca e ampliou sua presença não apenas no Chile, mas também na Colômbia, onde a instituição financeira chilena encontrava-se bem posicionada.

Tratava-se do primeiro grande passo do banco brasileiro na tentativa de expandir sua presença pela América Latina.

Aumentos constantes de capital

Desde então, de tempos em tempos, o Itaú tem aumentado sua participação no CorpBanca. No ano passado, a participação do bancão brasileiro no capital do Itaú CorpBanca já havia sido elevada de 38,14% para 39,22%.

Hoje, o Itaú anunciou que sua participação na operação chilena será elevada a 53,79%.

Em fato relevante protocolado junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o banco brasileiro não informa os valores envolvidos na operação, mas explica que o aumento de capital ainda não foi finalizado.

Internacionalização

A operação não altera a governança do Itaú CorpBanca, já que o controle da instituição já era exercido pela matriz brasileira.

A expansão das operações internacionais do Itaú figura entre as prioridades da instituição desde 2008, quando ocorreu sua fusão com o Unibanco.

Além do Chile e da Colômbia, o Itaú vê o CorpBanca como um trampolim para expandir sua presença para o Peru e também para países da América Central.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

BC aumenta a Selic, Nubank conclui IPO e mercado reage bem à PEC dos precatórios; veja o que marcou esta quarta-feira

Conforme esperado pelos economistas após dados recentes mais fracos da atividade econômica brasileira, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a taxa básica de juros em 1,5 ponto percentual, a 9,25% ao ano, em sua última reunião do ano. Se em muitos momentos ao longo de 2021 o mercado acionário reagiu ao […]

2022 MAIS GORDO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) engrossa a lista de pagamentos milionários aos acionistas; não fique fora dessa

Data da remuneração ainda não foi definida pela empresa, mas valerá para aqueles com posição até 30 de dezembro deste ano

FECHAMENTO DO DIA

Investidores tentam equilibrar noticiário e Ibovespa emplaca mais um dia de alta; dólar tem queda firme com ômicron no radar

Com o avanço da PEC dos precatórios, a pandemia se torna um dos únicos gatilhos negativos a rondar o Ibovespa

DOBRANDO A ESQUINA

Lucro das empresas com ações na bolsa deve cair 6,3% em 2022, diz BTG Pactual

Mesmo assim ainda é possível encontrar setores em que o cenário é positivo; saiba quem é quem

Bateu o martelo

IPO do Nubank sai no topo da faixa indicativa, a US$ 9 por ação; banco ultrapassa Itaú (ITUB4) e é a instituição financeira mais valiosa da América Latina

Com isso, os BDRs, que serão negociados por aqui a partir da próxima quinta-feira (09), saem valendo R$ 8,38

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies