Menu
2021-02-03T18:05:10-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
imbróglio chegando ao fim

Governador de MG confirma que negociações com a Vale sobre Brumadinho estão avançadas

Mais cedo, procurador-geral de Justiça de Minas Gerais afirmou que assinatura deve acontecer na quinta-feira

3 de fevereiro de 2021
14:32 - atualizado às 18:05
Tragédia em Brumadinha
Bombeiros fazem resgate em Brumadinho - Imagem: Cadu Rolim/Estadão Conteúdo

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), usou nesta quarta-feira (3) o Twitter para confirmar que as negociações entre a Vale (VALE3), o governo mineiro e autoridades (como o Ministério Público) estão avançadas no caso Brumadinho.

Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), uma nova audiência de conciliação será realizada na quinta-feira (4).

A notícia impulsiona as ações da Vale (VALE3), que fecharam hoje em alta de mais de 3%.

"Negociações bem avançadas para termos, em breve, medidas de reparação aos mineiros pelo rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, com foco na melhoria de vida dos moradores das regiões diretamente atingidas", disse Zema.

Também no Twitter, um pouco mais cedo, o procurador-geral de justiça de Minas Gerais, Jarbas Soares, afirmou que a assinatura deve acontecer nesta quinta-feira.

Segundo ele, "o maior acordo da história se dá em duas ações do MPMG (Ministério Público de Minas Gerais) e um do Estado, e não incluem as ações penais, os danos desconhecidos e os direitos individuais".

Imbróglio atrapalha ações

A resolução do caso Brumadinho é considerada um passo essencial para destravar ainda mais valor das ações da Vale.

A XP Investimentos afirmou que, caso o montante de indenização a ser pago fique entre R$ 30 bilhões e R$ 40 bilhões, o acordo será positivo para a mineradora.

Já os analistas do Credit Suisse avaliam que um acordo eliminará o principal passivo que a mineradora enfrenta, que pesa sobre o preço dos papéis.

Atualmente, segundo os cálculos do banco, a Vale está sendo negociada com um múltiplo EV/Ebitda – indicador que justamente mostra se uma empresa está sub ou supervalorizada – de 2,8 vezes, abaixo do nível histórico, de 5,5 vezes a 6,0 vezes.

“No fim, acreditamos que o valuation da Vale está muito atrativo para os investidores ignorarem e vemos o retorno robusto dos dividendos, o aumento dos embarques e menores custos nos próximos anos como catalisadores de uma revisão das ações”, diz trecho de relatório assinado pelos analistas Caio Ribeiro, Gabriel Galvão e Gabriel Spillmann.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Orçamento em foco

Presidente da Câmara defende a desvinculação total do orçamento

Arthur Lira (PP-AL) rejeita tese segundo a qual desvinculação deixaria setores essenciais sem recursos

Liminar

Tribunal de Contas de São Paulo suspende leilão de linhas da CPTM

Leilão estava previsto para a próxima terça-feira

Contra a pandemia

Câmara dos EUA aprova pacote de US$ 1,9 trilhão

Projeto de lei segue agora para o Senado

IPO registrado

Rio Branco Alimentos protocola pedido de registro de oferta pública de ações

Oferta será primária e terá como coordenador-líder o Citi, além da coordenação do Bank of America Merril Lynch e do BTG Pactual

Boleto salgado

Aneel mantém bandeira amarela em março; conta de luz continua com taxa adicional

É o terceiro mês consecutivo que o órgão regulador aciona bandeira neste patamar

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies