Menu
2021-01-27T16:43:47-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
desigualdade de gênero

Fundos têm que investir em empresas com mulheres no conselho, diz Luiza Trajano

No Brasil, 8% das posições em conselhos de administração, instância estratégia de uma companhia, são ocupadas por mulheres

27 de janeiro de 2021
16:42 - atualizado às 16:43
Luiza Helena Trajano
Brasil, São Paulo, SP, 21/05/2018. Retrato de Luiza Helena Trajano, presidente do Conselho das lojas Magazine Luiza durante entrevista em São Paulo. - Imagem: NILTON FUKUDA/ESTADÃO CONTEÚDO/AE

A presidente do conselho do Magazine Luiza, Luiza Trajano, disse que é importante que os fundos invistam em empresas que tenham pelo menos "uma ou duas mulheres" no próprio conselho de administração.

Obrigatório entre empresas de capital aberto, o conselho de administração é uma espécie de colegiado que representa os acionistas. A instância têm forte influência nas definições estratégicas de uma companhia.

Daí a preocupação de Trajano, que vê a participação das mulheres no conselho como uma influência decisiva no estímulo de políticas de equidade de gênero dentro das companhias.

A empresária, que falou nesta quarta-feira (27), em um evento do Credit Suisse, defendeu a política de cotas dentro das empresas. Para ela, sem cotas levaria muito tempo para ter ao menos uma mulher no conselho de administração das grandes companhias.

"Cota é um processo para corrigir a desigualdade", disse. Trajano também se referia a necessidade da medida em outras instâncias de uma empresa, e não só para garantir a participação de mulheres, mas de outras minorias.

Estudos recentes mostram que no Brasil 8% das posições em conselhos de administração são ocupadas por mulheres. Segundo o Credit Suisse, a média global avançou de 15,3% em 2015 para 20,6% em 2019.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

uma bolada

Bradesco paga R$ 5 bilhões em juros sobre capital próprio

Valor representa R$ 0,416 por ação ordinária e R$ 0,458 por ação preferencial, após o desconto do Imposto de Renda

seu dinheiro na sua noite

Dólar abaixo de R$ 5, Selic de volta aos 7% e o investimento da Petz em página de gatinhos

Apesar dos avanços na vacinação e do relaxamento nas medidas de distanciamento social, o fato de ainda estarmos convivendo com o coronavírus e uma elevada mortalidade pela covid-19 faz com que 2021 tenha um sabor de 2020 – parte 2. Assim tem sido, pelo menos para mim. Imagino que também seja assim para todas as […]

atenção, acionista

Weg e Lojas Renner anunciam juros sobre capital próprio; confira valores

Empresa de fabricação e comercialização de motores elétricos paga R$ 86,1 milhões; provento da varejista chega a R$ 88 milhões

Alívio no câmbio

Dólar fica abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez em mais de um ano — e o empurrão veio dos BCs

O dólar à vista terminou o dia em R$ 4,96, ficando abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez desde 10 de junho de 2020. O Ibovespa caiu

Constitucionalidade em xeque

Autonomia do Banco Central: STF retoma julgamento no dia 25, mas recesso pode estender votação até agosto

A lei em análise restringe os poderes do governo federal sobre a autoridade máxima da política monetária do País

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies