Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-21T21:20:21-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
investimentos do bilionário

Elon Musk diz que pode inflar o preço do bitcoin, mas que não larga a criptomoeda

Segundo o bilionário, dentre seus investimentos fora da Tesla e da Space X, o ativo “lidera com vantagem”

21 de julho de 2021
21:20
Elon,Musk,As,He,Arrives,To,Attend,A,Meeting,In
Imagem: Shutterstock

O CEO da Tesla, Elon Musk, disse nesta quarta-feira (21) que ainda tem criptomoedas como Ether, bitcoin e Dogecoin em sua carteira.

Segundo o bilionário, dentre seus "investimentos fora da Tesla e da Space X, o bitcoin lidera com vantagem".

"Se o preço do bitcoin cair, eu perco dinheiro", disse o empresário, no evento "The B Word". "Eu posso inflar [o preço da criptomoeda], mas não largo".

As falas e tweets de Elon Musk frequentemente impõem uma maior volatilidade aos criptoativos - a exemplo do movimento envolvendo a decisão da Tesla de não aceitar bitcoin.

Segundo Elon Musk, é possível uma revisão na posição da empresa caso haja avanço na sustentabilidade da energia empregada na mineração da criptomoeda.

O empresário disse que desde o anúncio da Tesla, além de uma queda nos preços do bitcoin, houve uma movimentação "massiva" buscando tornar os procedimentos mais sustentáveis.

"A Tesla não pode ser responsável por energias mais limpas e ao mesmo tempo não apoiar tais diligências para o bitcoin", disse, indicando ter observado uma "mudança" em direção à energias mais limpas..

"Essas movimentações me afetam financeiramente, mas se esta fosse minha preocupação, não teria feito", disse Elon Musk.

Um dos pontos destacados pelo bilionário como uma vantagem para o bitcoin é a possibilidade de realizar transações com baixo custo. O CEO da Tesla também avaliou que problemas técnicos para a moeda tendem a ser solucionados mediante o avanço da tecnologia.

Quanto à Dogecoin, o empreendedor indicou que "seria irônico" caso um criptoativo que começou com uma piada se tornasse resiliente.

O The B Word se descreve como um evento voltado a clarificar o papel do bitcoin, e contou com uma série de painéis sobre a criptomoeda.

O evento foi observado com grande interesse por investidores no tema, e explicou parte da volatilidade do ativo, que recuperou a marca simbólica de US$ 30 mil.

Às 19h46 (horário de Brasília), o bitcoin era cotado a US$ 32.080,00. Veja como foi o dia dos mercados na cobertura do Seu Dinheiro desta quarta-feira.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

segredos da bolsa

Esquenta dos mercados: Copom e payroll devem movimentar os negócios junto com balanços dos grandes bancos

Além disso, os mercados amanheceram com apetite de risco nesta-segunda-feira; confira

Decolagem vertical

De olho nas cidades, Azul fecha parceria com startup alemã para ter carro voador

Acordo prevê a aquisição de 220 aeronaves fabricados pela Lilium, com um valor que pode chegar a US$ 1 bilhão e operação a partir de 2025

cardápio da semana

Itaú, Bradesco, BB e Petrobras divulgam resultados nesta semana; saiba o que esperar

Depois do baque com o início da pandemia, companhias que fazem parte do Ibovespa devem registrar uma alta anual de 255% do lucro por ação; veja agenda da semana

Mais uma empreitada

Do espaço para as fazendas: Elon Musk consegue licença para oferecer internet via satélite no Reino Unido

A Starlink, segundo informações do jornal Telegraph, quer chegar a regiões onde a cobertura por fibra e 5G não alcançam, e tem planos mais ambiciosos

Leão faminto

Carga pesada: Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão

Monitoramento da Associação Comercial de São Paulo mostra que, no ano passado, marca foi atingida somente no dia 28 de setembro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies