Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-28T17:21:39-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
caiu demais?

Americanas (AMER3) pode dobrar de valor, diz BB, que vê empresa menos endividada

Banco estabeleceu preço-alvo de R$ 75,30 para os papéis, citando crescimento de vendas e ganho de margem líquida com redução da alavancagem financeira

22 de setembro de 2021
15:10 - atualizado às 17:21
Lojas Americanas Express
Fachada de unidade da rede Lojas Americanas Express, na Avenida Paulista, região central de São Paulo. - Imagem: Estadão Conteúdo/Itaci Batista

As ações da Americanas (AMER3) receberam uma recomendação de compra pela equipe do BB Investimentos, que estabeleceu preço-alvo de R$ 75,30 para os papéis — valor que equivale a uma alta de 104% sobre a cotação de terça (21).

A análise divulgada nesta quarta (22) surge em um momento em que as ações das gigantes do varejo acumulam forte queda, após ganhos expressivos no início da pandemia: os papéis da Americanas (AMER3) recuam 51% neste ano, negociados na faixa de R$ 36.

O desempenho na bolsa reflete a preferência dos investidores por outros segmentos do varejo, descontados em 2020 por conta do covid-19, além das preocupações com o acirramento da concorrência no e-commerce e a capacidade da Americanas em seguir ganhando participação de mercado e entregar rentabilidade ao seus acionistas, segundo o BB.

"Considerando nossas projeções já para 2021, com crescimento de vendas e ganho de margem líquida com redução da alavancagem financeira, entendemos que o preço corrente está muito aquém do valor justo da companhia. Por essa razão, alteramos nossa recomendação para compra".

BB, em relatório

Americanas (AMER3): redução de alavancagem

Para estabelecer o novo preço-alvo, ante os R$ 36,81 do relatório anterior, o BB incorporou os resultados do segundo trimestre e revisou premissas de crescimento e rentabilidade para o curto prazo, contemplando a redução da alavancagem financeira nos próximos meses.

O banco diz em relatório que a expectativa é de que as vendas do canal digital sigam apresentando forte crescimento. O movimento seria justificado pelas iniciativas tomadas para aumentar a competitividade dos vendedores e o nível de serviço.

O BB cita também como impulso para as vendas online as iniciativas que buscam aumentar a recorrência do cliente via entrada em categorias com maior frequência de compra.

"Apesar disso, não observamos recuperação das margens operacionais ainda este ano, mas sim apenas de 2022 em diante, conforme a companhia for sendo capaz de diluir as despesas com vendas e cashback e se beneficiar das sinergias a serem capturadas em decorrência da combinação dos negócios", diz a analista Georgia Jorge.

O que dizem outros analistas

O novo preço-alvo de R$ 75,30 para os papéis da Americanas (AMER3) estabelecido pelo BB está em linha com a expectativa do mercado. Segundo dados da plataforma TradeMap, a mediana das estimativas aponta para o valor de R$ 80.

A plataforma reúne dados de 16 casas de análise: 10 recomendam a compra das ações da varejista, enquanto seis relatórios falam em manutenção dos papéis.

No balanço mais recente, a Americanas reverteu o prejuízo de um ano atrás, com lucro de R$ 224,9 milhões no segundo trimestre, mas os analistas avaliaram que o resultado, no geral, foi misto ou até mesmo fraco.

A Americanas teve lucro, mas considerando o resultado pró-forma. Ajustada, a última linha do balanço revelou um prejuízo de R$ 84,7 milhões - resultado até pior do que o de um ano atrás, quando a empresa apresentou R$ 36,2 milhões negativos.

Além disso, o GMV (volume bruto de mercadorias) subiu menos que o da concorrência, 33%. A operação online cresceu 37%, acima de Via (VVAR3), mas abaixo de Magazine Luiza (MGLU3) e Mercado Livre (MELI).

A margem bruta e a margem Ebitda, que medem a rentabilidade, foram pressionadas pela maior penetração das vendas online e investimentos em marketing e novas iniciativas: ficaram em 30,8% e 10,4%, respectivamente.

VÍDEO: Ações do Magazine Luiza podem subir quase 30%; veja o preço-alvo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

US$ 1 = R$ 5,70

Dólar flerta com o maior patamar em seis meses, mas desacelera alta após relatório da PEC dos precatórios e moeda se afasta dos R$ 5,70

Em 2021, o dólar chegou a atingir o patamar de R$ 5,883, em março, um dos piores momentos da crise causada pela pandemia de covid-19

TAPANDO O SOL COM A PENEIRA

Bolsonaro recorre a suposta sensibilidade com mais pobres para negar que esteja furando teto

Comentários do presidente vêm à tona um dia depois de o ministro da Economia, Paulo Guedes, ter admitido a necessidade de uma ‘licença para gastar’

bitcoin (BTC) hoje

Criptoressaca: Bitcoin (BTC) cai para a casa dos US$ 62 mil em ajuste após atingir máximas históricas

Depois de bater as máximas históricas, é comum que ocorra um movimento de realização de lucros, assim como acontece com a bolsa de valores

Em busca da credibilidade perdida

IRB (IRBR3) volta a dar lucro com vitória na Justiça; ação cai menos que o Ibovespa hoje

Na rodada mais recente de dados financeiros, o ressegurador tirou uma carta especial da manga e voltou a exibir resultados positivos

MagaLu gamer

Cade aprova compra do site Kabum!, a maior aquisição na história do Magazine Luiza (MGLU3)

O negócio entre a varejista e o site de games foi anunciado em julho por R$ 1 bilhão em recursos financeiros e 75 milhões de ações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies