Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-01T14:34:30-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
De olho nas multinacionais

OCDE e EUA anunciam acordo com 130 países sobre alíquota mínima para impostos corporativos globais

O objetivo do acordo, segundo a organização, é que as grandes multinacionais paguem impostos onde operam e auferem lucros

1 de julho de 2021
14:34
Impostos, Dinheiro, Mundo, Global
Imagem: Shutterstock

O governo dos Estados Unidos e a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) anunciaram nesta quinta-feira (1) um acordo com 130 países para a definição de uma alíquota mínima para um imposto global corporativo.

O pacto, que envolve mais de 90% do Produto Interno Bruto (PIB) global, é resultado de negociações coordenadas pela OCDE em boa parte da última década.

O objetivo do acordo — cujo plano de implementação deverá ser finalizado em outubro — é, segundo a organização, que as grandes multinacionais paguem impostos onde operam e auferem lucros, dando mais certeza e estabilidade ao sistema tributário internacional.

Para isso, a OCDE atua em dois pilares:

  • Assegurar a distribuição mais justa dos lucros e direitos de tributação entre os países quando se trata de grandes empresas, inclusive as digitais.
  • Definir um piso para a concorrência na questão dos impostos corporativos, por meio da introdução de uma alíquota mínima global.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

O gigante quer mais

Buscando margem: Itaú Unibanco (ITUB4) aposta em retomada de crédito pessoal para lucro continuar em alta

Carteira de crédito tem sido impulsionada por linhas com juros mais baixos para os clientes, como financiamento de imóveis e de veículos

Na mira da lei

O que bitcoin e carro tem em comum? Para o novo diretor da CVM americana, ambos precisam de limites

O novo chefe da SEC, a CVM americana, é um entusiasta de criptomoedas e deve trazer um time de peso para sua equipe

Na agenda

Reforma administrativa deve ser votada na Câmara no fim de agosto, diz Lira

O parlamentar avaliou que ficará mais difícil avançar com reformas no ano que vem, quando os interesses políticos vão se sobrepor à agenda econômica

Negócios

Ganhando tração, área de gestão de patrimônio da Vitreo já captou R$ 520 milhões –meta é chegar a R$ 1 bi ainda em 2021

Com serviços exclusivos para clientes com patrimônio acima de R$ 10 milhões, a Vitreo Wealth tem diversos diferenciais e avança em cenário de aquecimento da economia, boom de IPOs, fusões e aquisições e de fortalecimento das startups

Coleira na competição

Aquisição estilosa: Petz compra a Zee.dog e ganha quatro patas para seguir crescendo

A Petz anunciou a compra da Zee.dog, marca premium de itens para animais de estimação, por R$ 715 milhões, pagando em caixa e ações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies