🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Estadão Conteúdo
Economia brasileira

Mais da metade de dívidas de Estados e municípios são ‘perda provável’ para União

Devido ao alto grau de incerteza em relação a esses pagamentos, União precisou tirar do seu ativo R$ 350,4 bilhões em empréstimos concedidos a Estados e municípios

Estadão Conteúdo
10 de junho de 2021
13:03 - atualizado às 13:05
Cédulas de real
Cédulas de real - Imagem: Shutterstock

Mais da metade das dívidas de Estados e municípios junto ao governo federal foram declaradas como "perda provável" para a União, segundo o Relatório Contábil do Tesouro Nacional divulgado nesta quinta-feira, 10.

O reconhecimento não significa o perdão desses débitos, nem que eles deixarão de ser cobrados, mas é reflexo das péssimas condições financeiras em que se encontram alguns dos maiores devedores do governo federal.

Por causa do alto grau de incerteza em relação a esses pagamentos, a União precisou tirar do seu ativo R$ 350,4 bilhões em empréstimos concedidos a Estados e municípios. O valor é 53,9% do total de R$ 649,6 bilhões em financiamentos e refinanciamentos nas mãos dos governos regionais.

Na classificação do Tesouro Nacional, 11 Estados têm capacidade de pagamento C e D, as piores na classificação de risco do órgão. Esses governos não podem hoje obter novos empréstimos tendo a União como fiadora, mas no passado foram beneficiados por exceções que acabaram permitindo irrigar os cofres estaduais com operações de crédito bilionárias, mesmo quando já enfrentavam dificuldades.

Hoje, a situação financeira desses Estados é ainda pior. Nos últimos anos, muitos deles recorreram ao Supremo Tribunal Federal (STF) para obter liminares que suspenderam a obrigação de pagar a dívida junto à União, uma forma de conseguir alívio rápido diante do estrangulamento das contas.

Segundo o Tesouro Nacional, tanto a capacidade de pagamento quanto a existência de liminares suspendendo a dívida foram levados em consideração na hora de reavaliar o ativo junto a Estados e municípios.

Devedores

O maior passivo é dos Estados, referente à ampla renegociação feita ainda em 1997, quando a União assumiu uma série de dívidas dos governos estaduais para tentar sanear as contas dos entes regionais. O maior devedor é São Paulo, com R$ 251 bilhões, mas o Estado tem nota de crédito B e é considerado um bom pagador.

Entre os que têm pior nota, Minas Gerais tem um passivo de R$ 98 bilhões, Rio de Janeiro de R$ 95 bilhões e Rio Grande do Sul acumula R$ 69 bilhões em débitos.

Todos tentam ingressar no Regime de Recuperação Fiscal, programa de socorro federal que alivia a cobrança das dívidas em troca de um duro plano de ajuste nas finanças. Outros R$ 60 bilhões são devidos pelos demais Estados.

Ainda segundo o Tesouro Nacional, em 2020 a União deixou de cobrar R$ 21,4 bilhões no período de março a dezembro, devido à aprovação da Lei Complementar 173, que suspendeu os pagamentos da dívida para Estados e municípios como medida de ajuda aos governos regionais durante a pandemia de covid-19.

Compartilhe

O TAL DO HEDGE

Como o governo quer aumentar a oferta de proteção contra a queda do real para os investidores brasileiros

28 de fevereiro de 2024 - 18:22

Segundo o secretário do Tesouro, o objetivo é criar uma linha que estimule as instituições financeiras a oferecem mais produtos para proteção cambial

VEJA QUEM TEM DIREITO

Lote da “malha fina”: Receita paga amanhã restituição de Imposto de Renda para quem acertou as contas com o Fisco

28 de fevereiro de 2024 - 17:03

O valor total das restituições ultrapassa os R$ 304 milhões e será destinado a contribuintes com prioridade legal, além de quem utilizou a declaração pré-preenchida ou optou pelo depósito via Pix

CHEGOU A NOSSA VEZ?

O país do futuro: 7 razões pelas quais o BTG Pactual (BPAC11) considera que o potencial do Brasil está prestes a se realizar

28 de fevereiro de 2024 - 13:05

Há obstáculos pelo caminho, mas analistas do BTG veem o Brasil bem posicionado para aproveitar a oportunidade de chegar ao futuro

LOTERIAS

Mega-Sena acumula de novo e fortuna em jogo sobe ainda mais; Lotofácil tem 2 ganhadores em SP

28 de fevereiro de 2024 - 5:48

Lotofácil garante a alegria dos apostadores das loterias da Caixa; Mega-Sena só saiu duas vezes até agora em 2024

NOVA PLATAFORMA

Governo vai permitir que trabalhador tome empréstimo consignado sem passar pelo patrão; veja como vai funcionar o FGTS digital

27 de fevereiro de 2024 - 19:48

A nova plataforma substituirá o antigo sistema da Caixa e incluirá um rubrica para que os trabalhadores tomem crédito diretamente com os bancos

NOVA TENTATIVA

Governo não desiste de acabar com o saque-aniversário do FGTS e cogita Medida Provisória

27 de fevereiro de 2024 - 16:58

Projeto que propõe o fim do saque-aniversário do FGTS deve ir ao Congresso em março, segundo o ministro do Trabalho, Luiz Marinho

LOTERIAS

Quase um milhão dentro de outro milhão: máquina de milionários da Lotofácil começa semana ‘ligadona’; Mega-Sena oferece R$ 120 milhões hoje

27 de fevereiro de 2024 - 5:51

Lotofácil faz novo milionário em cidade de menos de 10 mil habitantes; Mega-Sena só saiu duas vezes até agora em 2024

PARTICIPAÇÃO REMOTA

Haddad testa positivo para covid-19, mas vai presidir encontro do G20 mesmo assim

26 de fevereiro de 2024 - 10:29

Ministro passa bem e participará remotamente dos principais eventos de sua agenda no encontro do G20 desta semana em São Paulo

AUTOMÓVEIS

Guia do PCD: Novo teto aumenta as ofertas de veículos com desconto para pessoas com deficiência

25 de fevereiro de 2024 - 7:14

O Seu Dinheiro preparou um guia com tudo o que você precisa saber sobre o direito às isenções de impostos na compra de carros novos

REPERCUSSÃO GERAL

Motoristas da Uber vão virar funcionários? STF julga se ação sobre vínculo de trabalho pode ter impacto em outras plataformas como Ifood

23 de fevereiro de 2024 - 19:03

A maioria dos ministros do Supremo tem atendido a pedidos de empresas para reverter decisões da Justiça do Trabalho que reconheceram vínculo de emprego

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies