Menu
2021-03-22T17:58:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
dragão acordado

Apesar da alta da Selic, economistas continuaram revisando para cima inflação de 2021

Projeção para IPCA em 2021 subiu a 4,71%, 11ª alta consecutiva, com avanço da mediana para o grupo preços administrados, aponta Focus

22 de março de 2021
10:12 - atualizado às 17:58
dragao-tesouro-1920X1080
Imagem: Shutterstock

Mesmo após o Comitê de Política Monetária (Copom) ter surpreendido a todos e elevado a taxa básica de juros (Selic) mais que o esperado na semana passada, os economistas continuaram revisando para cima as projeções para a inflação ao final do ano.

O tom duro adotado pela autoridade monetária em relação aos preços não foi suficiente para evitar uma nova alta das projeções, segundo mostra o Boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (22). A expectativa agora é de que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) feche o ano em 4,71%, acima dos 4,60% divulgados na semana passada e dos 3,82% projetados há um mês.

O que influenciou a alta das estimativas para a inflação foi a revisão positiva do grupo “preços administrados”, como serviços telefônicos, energia elétrica, gasolina, plano de saúde, ônibus urbano e interestadual e metrô. Segundo o Relatório Focus, os preços administrados subiram de 6,15% para 7,26%, a sexta alta consecutiva.

Já a previsão para a taxa de câmbio, outro ponto que influencia a inflação, ficou estável após ser elevada quatro vezes seguidas. A mediana permaneceu em R$ 5,30.

Nesta quinta-feira (25) teremos uma nova indicação do rumo dos preços no país, com a divulgação do IPCA-15 referente a março. O Focus mostrou que os economistas do mercado financeiro alteraram a previsão para o IPCA em março de 2021, de alta de 0,85% para 0,90%. Um mês antes, o porcentual projetado era de 0,38%.

Por conta do aumento de 0,75 ponto percentual (p.p.) da Selic, que foi para 2,75% ao ano, os economistas passaram a aguardar que a taxa básica de juros encerre o ano em 5,00% ao ano, e não mais 4,50% ao ano.

PIB, resultado primário e balança comercial

Além das projeções para inflação, o Boletim Focus trouxe novidades a respeito das expectativas para a atividade econômica em 2021.

Os economistas alteraram levemente suas projeções para o PIB, de alta de 3,23% para 3,22%. Há quatro semanas, a estimativa era de 3,29%. 

Eles mantiveram a projeção para a balança comercial em 2021 na pesquisa Focus, de superávit comercial de US$ 55,00 bilhões, enquanto a projeção para a produção industrial de 2021 passou de alta de 4,69% para 5,10%.

No caso do resultado primário, a relação entre o déficit primário e o PIB este ano passou de 2,90% para 3,00%, enquanto a relação entre déficit nominal e PIB em 2021 seguiu em 7,10%.

O resultado primário reflete o saldo entre receitas e despesas do governo, antes do pagamento dos juros da dívida pública. Já o resultado nominal reflete o saldo já após as despesas com juros.

* Com informações da Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

ampliação de sortimentos

Lojas Americanas compra Imaginarium e prevê aumentar marcas próprias

Companhia anunciou aquisição do Grupo Uni.co, mas não revelou valores; com negócio, Americanas avança sobre varejo especializado em franquias

FECHAMENTO

Mercado olha desconfiado para Orçamento e Ibovespa acompanha queda do exterior; dólar fica estável

Com a agenda de indicadores esvaziada e a véspera de feriado trazendo uma maior cautela ao cenário, os investidores acabaram optando pela cautela

Prioridade na Casa

Câmara aprova requerimento de urgência sobre projeto de privatização dos Correios

A medida permite que a proposta “fure” a fila de votação de projetos e pode agilizar o processo de desestatização

produção em baixa

Netflix decepciona em novos assinantes, mas nega impacto da concorrência

Papéis da empresa negociados na Nasdaq caíam mais de 10% no after market; pandemia impactou em novas produções, com reflexo no balanço da companhia

Desencontro acadêmico perdoado

Eike Batista é absolvido pela CVM em processo sobre ‘inconsistências’ no currículo

A farsa do fundador do Grupo X, que se apresentava com diferentes credenciais para cada uma das empresas, foi descoberta após sua prisão

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies