Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2021-06-10T09:34:52-03:00
O melhor do seu dinheiro

Como lucrar com o fim do mundo, a volta dos IPOs, a JSL compra Marvel e outros destaques

10 de junho de 2021
9:22 - atualizado às 9:34
Terra, sorvete, aquecimento global, carbono
Imagem: Shutterstock

"Foi-lhes dito que não fizessem dano à erva da terra, nem a verdura alguma, nem a árvore alguma." A frase parece ter saído de um ambientalista, mas foi escrita por João no livro do Apocalipse, logo que a Terra é atingida por uma praga de gafanhotos.

As revelações de que o fim do mundo como o conhecemos está próximo costumam ser encaradas com pouco caso. Talvez porque a mensagem seja disseminada há tanto tempo que já tenha ficado batida.

Até mesmo os cientistas têm falhado na missão de conscientizar a população sobre os danos do homem ao planeta, por maiores que sejam as evidências.

Como o medo do fim do mundo não pareceu importante o bastante, os especialistas decidiram apelar para outro sentimento bem humano para provocar uma mudança de atitude: a cobiça.

Foi assim que surgiu o mercado de créditos de carbono. Grosso modo, trata-se de uma forma de premiar com dinheiro quem contribui para reduzir as emissões de gases que provocam o efeito estufa na atmosfera.

Os créditos de carbono surgiram no fim dos anos 1990, mas começaram a ganhar tração apenas nos últimos anos. Com a piora das condições climáticas, governos e empresas aceleraram o comércio desses certificados.

Como costuma ocorrer, o aumento da demanda fez as cotações dispararem. E como a adoção do mecanismo de créditos de carbono tende a crescer, a perspectiva é que esse movimento esteja apenas no início.

Em outras palavras: investidores como você podem ajudar a salvar o planeta e, por tabela, ainda ganhar dinheiro. Saiba como funciona esse mercado e veja três formas de investir em carbono nesta reportagem da Larissa Vitória.

O que você precisa saber hoje

MERCADOS

A fila de IPOs na bolsa brasileira voltou a crescer. Com o avanço da vacinação e o desempenho melhor que o esperado da economia, algumas empresas decidiram aproveitar o embalo para levar adiante os planos de abrir o capital na B3. Conheça as companhias que querem ter você como sócio.

De um lado, os dados de inflação. Do outro, os Bancos Centrais. É no meio desta verdadeira partida de xadrez que os investidores precisam se posicionar. Após a divulgação do IPCA acima do esperado no Brasil, hoje é a vez de conhecermos o resultado do índice de preços ao consumidor nos EUA. Confira como deve ficar o tabuleiro dos mercados nesta quinta-feira.

EMPRESAS

Fórmula para entrar em novos mercados e ao mesmo tempo expandir o faturamento? A JSL parece ter encontrado a dela. A empresa de logística anunciou a quinta aquisição em menos de um ano, agora da Marvel (não é aquela que você está pensando). Veja os números e mais detalhes da operação.

A JBS pagou US$ 11 milhões em bitcoins aos hackers após a invasão cibernética dos seus sistemas. O CEO da gigante de alimentos nos EUA, Andre Nogueira, disse que o pagamento foi doloroso, mas foi a coisa certa a se fazer pelos clientes da empresa.

A Peugeot vai pagar 10 milhões de euros por suposta fraude nas emissões de diesel dos seus veículos entre os anos de 2009 e 2015. A montadora nega as acusações, mas sinaliza que vai cooperar com o judiciário francês para resolver o caso com rapidez.

ECONOMIA

Agora vai? As expectativas sobre a privatização da Eletrobras seguem altas. Na corrida contra o prazo de validade, o senador Marcos Rogério (DEM-RO) sinalizou que o esforço é para votar na MP até a próxima terça-feira.

Foi dado o pontapé inicial da tramitação da reforma administrativa na Câmara. A proposta não deverá mexer em direitos adquiridos e só valerá para novos funcionários. Ainda assim, o relator da Comissão Especial promete “colocar o dedo na ferida”.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua manhã". Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas seguem sob pressão, bitcoin (BTC) cai abaixo dos US$ 40 mil e PEC dos combustíveis liga alerta antes da abertura da B3

As atenções se voltam para a próxima quarta-feira (26), quando ocorrerá a próxima reunião do Federal Reserve sobre a alta nos juros este ano

SEXTOU COM O RUY

O novo nem sempre é melhor: como ganhar dinheiro com os ensinamentos clássicos na bolsa

Se você aproveitou a queda das ações nos últimos meses para comprar um pouco mais delas, deve estar colhendo frutos interessantes com a alta dos últimos dias

DILEMA NOS FIIS

Investidores decidem nesta sexta se vendem suas cotas no fundo imobiliário PATC11 em leilão; veja o que está em jogo e o que recomendam os especialistas

Afinal, é hora de aproveitar a oferta da Capitânia e colocar o dinheiro no bolso ou apostar na recuperação do FII do Pátria Investimentos?

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa rumo aos 110 mil pontos e a ressurreição da bolsa brasileira: veja tudo que mexeu com o mercado hoje

Poderia ter sido melhor, mas não dá para dizer que foi ruim. A bolsa brasileira teve hoje mais um dia estelar, permanecendo em alta de mais de 1% durante todo o pregão e chegando a testar os 110 mil pontos. Mas, no fim do dia, as bolsas americanas, que passaram quase toda sessão em alta, […]

Fechamento Hoje

Em mais um dia na contramão do mundo, Ibovespa sobe mais de 1% e dólar cai a R$ 5,41, com ajuda da China e do fluxo gringo

Corte de juros no gigante asiático beneficia países exportadores de commodities; queda nos juros futuros e entrada de recursos estrangeiros impulsionam bolsa para cima e dólar para baixo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies