Menu
Exile on Wall Street
Lais Costa
Dados da Bolsa por TradingView
2021-08-27T17:52:47-03:00
Exile on Wall Street

Os 7 pontos fundamentais para quem quer investir (bem) em fundos globais; confira

Investimentos têm um arcabouço teórico profundo que alimenta a prática. Veja sete notas de cabeceira para qualquer investidor de fundos de investimento globais

27 de agosto de 2021
10:55 - atualizado às 17:52
Invest
É preciso profundidade para analisar as boas opções de Fundos disponíveis no mercado. Imagem: Shutterstock

Apesar de tímida, não resisto a uma oportunidade de iniciar uma conversa. A tarefa em geral é simples. O desafio é engajar o outro lado e evitar pausas descompassadas para não cair, em questão de segundos, naquele silêncio constrangedor.

Faço esse exercício quase diariamente quando pego um Uber a caminho do escritório. Como o interlocutor é completamente desconhecido, o segredo é tentar encontrar pontos de conexão: um chaveiro com o escudo do time de futebol, um adereço no retrovisor ou o sotaque (de ambas as partes) ajudam a construir uma pauta.

Quase qualquer assunto é preferível ao clima. A música de fundo ou uma notícia de última hora na estação de rádio também pode ajudar.

Aliás, se você acertar o gosto musical do motorista, é cinco estrelas na certa. O problema é que não é raro encontrar quem se diz eclético.

Na prática, contudo, o adjetivo “eclético” quer dizer pouca coisa. Você pode estar falando com um especialista em música e profundo apreciador da arte ou alguém completamente alheio ao tema, que pouco se interessa ou conhece do assunto.

Com bastante frequência, encontro investidores ecléticos de fundos de investimento.

Refiro-me àqueles que já ouviram de tudo, mas não se aprofundaram em nada e parecem não ter lá muito interesse em fazê-lo.

O resultado são portfólios construídos através de uma rebuscada técnica do uso dos nomes em alta, rebalanceados quase que diariamente ao som de lives e podcasts e ajustados pelas performances mais recentes.

Naturalmente, os retornos obtidos também estarão, infalivelmente, em completa desafinação com os objetivos e as expectativas do investidor.

Os investimentos, assim como a música, têm um alicerce, um arcabouço teórico profundo que alimenta a prática. Destaco sete notas de cabeceira para qualquer investidor de fundos de investimento globais:

  • #Alocação global não deve ser a nota dissonante do portfólio. Ao contrário, tenha uma alocação estrutural e diversificada no exterior e carregue-a.
  • #Benchmark deve ser definido pela estratégia, e não pela geografia, assim como o tom não muda se a melodia principal for tocada em uma oitava diferente.
  • #Composição e regência andam juntas. Alocação estratégica e tática também.
  • #Dólar é a sensível (sétimo grau), quando o mercado estiver pessimista ou em tom menor, ele será ainda mais relevante, e não menos.
  • #Espelhos são como escalas menores, nas regras de aporte não há surpresa (subida), mas na saída (volta) entenda os possíveis obstáculos como a inexistência da portabilidade.
  • #Fundos no exterior cobram taxas que se somam às dos veículos locais. Entenda se esses custos já foram considerados na taxa total divulgada pela sua corretora. Assim você previne contratempos.
  • #G anhos das estratégias irrestritas — Cayman e 555 — não serão os mesmos de suas versões UCITS e de previdência, estratégias com maiores restrições. Além das diferenças regulatórias, é preciso analisar a aderência das estratégias. Fundos (e tons) homônimos são tocados de formas diferentes.

Para nós aqui da série Os Melhores Fundos de Investimento, a profundidade da análise é a tônica para qualquer recomendação de alocação. Se você quer conhecer melhor o nosso processo de composição de carteiras e ficar sempre bem-informado sobre o tom dos mercados, junte-se a nós.

Informação, conhecimento técnico e, consequentemente, retornos expressivos: isso é música para os nossos ouvidos.

Um abraço,
Laís

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Mais uma na lista

Corretora de criptomoedas Huobi Global, uma das maiores do mundo, restringe negociações na China

A plataforma também informou que retirará gradualmente as contas existentes no gigante asiático até o fim de 2021

Uma nova gigante tech

Infracommerce (IFCM3) dispara 10% com “aquisição transformacional”; outras techs sentem o baque e caem

A Infracommerce (IFCM3) acertou a compra da Synapcom, ganhando escala no B2B — e pagando um preço relativamente baixo pela rival

NOVO SUSTO

Em crise de liquidez, concorrente da Evergrande esboça pedido de apoio a governo de cidade chinesa

Notícia provocou queda acentuada nas ações da Sunac, que fecharam hoje no nível mais baixo em 4 anos

Crédito disponível

Com juros salgados, Caixa libera empréstimo de até R$ 1.000 no aplicativo Caixa Tem; veja condições

O crédito ficará disponível para assalariados, autônomos, beneficiários de programas sociais e de políticas públicas de distribuição de renda

Bolsa hoje

Destaques do Ibovespa: frigoríficos e empresas ligadas a commodities lideram altas em dia de recuperação; Locaweb (LWSA3) é maior queda

Confira os destaques do pregão desta segunda-feira (27) e não deixe de acompanhar as principais notícias do dia na nossa cobertura de mercados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies