Menu
Marina Gazzoni
Escolha da CEO
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2021-02-27T10:08:51-03:00
Escolha da CEO

Petrobras: uns choram, outros vendem lenços

O tapa na cara que o investidor levou do governo Bolsonaro foi o assunto da semana passada

27 de fevereiro de 2021
10:03 - atualizado às 10:08
Selo Escolha da CEO
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O tapa na cara que o investidor levou na semana passada do governo Bolsonaro doeu.

Veja só: Quem tinha a ação da Petrobras (PETR4) perdeu 18,6% na semana;  O Ibovespa recuou 7% e voltou ao patamar de 110 mil pontos; O dólar subiu 4% e foi a R$ 5,60; Saiba tudo sobre o fechamento dos mercados neste link. E a novela da intervenção do governo no comando da Petrobras deu muito mais o que falar...

A teleconferência de divulgação de resultados financeiros da empresa, na quinta-feira, foi marcada por um tom de despedida do presidente da estatal, Roberto Castello Branco.

O discurso ressaltou conquistas como a redução de 33% do custo de extração de petróleo, de 38% das despesas gerais e de quase US$ 16 bilhões na dívida líquida da companhia.

E Castello Branco também fez questão de lembrar que a Petrobras perdeu US$ 40 bilhões em gestões anteriores ao não repassar o aumento do preço do petróleo no combustível.

A Petrobras divulgou na quarta-feira um lucro líquido de quase R$ 60 bilhões no quarto trimestre.



É bem verdade que esse número foi “inflado” com uma reversão de baixa contábil, mas mesmo assim foi um resultado impressionante (veja os detalhes aqui). 

Ao acionista, Castello Branco deixou um “consolo”: o anúncio do pagamento de R$ 10 bilhões em dividendos. 

O mercado financeiro tem dessas coisas: enquanto uns choram, outros vendem lenços.

Mesmo com a tragédia (anunciada?) da Petrobras, teve quem ganhou dinheiro com a ação na semana. 

A minha primeira recomendação de leitura para o seu sabadão é justamente os bastidores do trade que entregou retorno de quatro dígitos com a petroleira.

Uma pausa antes de seguir: se você está um pouco perdido sobre o que aconteceu com a Petrobras, recomendo a leitura desta reportagem: 5 perguntas e respostas sobre a intervenção na Petrobras e a política de preços dos combustíveis.

1 - Lucro de 1.250% com Petrobras

Não, isso não foi um erro de digitação. O trade do meu amigo Ruy Hungria com a Petrobras rendeu mesmo 1.250% na segunda-feira, dia em que as ações caíram cerca de 20%. 

Como assim? 

É que o Ruy é especialista em investimentos em opções. Nesse mercado você pode, por exemplo, comprar o “direito” de vender determinado papel a determinado preço. Foi o que fez o Ruy com o papel da Petrobras. 

Quando a ação desabou, o valor desse “direito”, que nada mais é do que uma opção de venda, foi às alturas. Se quiser saber mais sobre o assunto, recomendo que você leia dois textos:  a entrevista que eu fiz com o Ruy sobre os bastidores do trade; o texto da coluna do Ruy no Seu Dinheiro no qual ele explica sua estratégia de investimentos.

2 - Unicórnios existem!

Em 2020, ano de recessão e pandemia, a startup brasileira Creditas virou “unicórnio”. É como são chamadas as startups que conseguem alcançar a marca de US$ 1 bilhão de valor de mercado.

Sergio Furio, CEO da Creditas, disse em entrevista exclusiva ao repórter Ivan Ryngelblum que a empresa pretende dobrar de tamanho a cada ano. E o IPO, quando vem?

Infelizmente, você não poderá comprar ações da Creditas tão cedo. Furio quer crescer sem a pressão dos investidores. Conheça os detalhes sobre os resultados e planos da empresa nesta reportagem.

3 - As próximas “bilionárias” da bolsa

A ação da Creditas pode não estar na B3, mas o analista Max Bohm entende que a bolsa também pode entregar seus “unicórnios”. Ele selecionou uma lista de ações de empresas que têm potencial de chegar mais rápido ao valor de US$ 1 bilhão.

São empresas pequenas, com negócios tecnológicos e escaláveis e com potencial de multiplicação de capital de até 25 vezes. A repórter Helena Aymee traz aqui mais informações sobre os “unicórnios” da bolsa.

4 - Portas abertas para o décimo andar

Se você não quer saber de unicórnios e prefere tijolos, venha para o Décimo Andar. O Seu Dinheiro estreou nesta semana a coluna do Caio Araujo, especialista em fundos imobiliários da Empiricus.

No seu primeiro texto, ele traz uma análise sobre o mercado de lajes corporativas pós-pandemia e indica a compra do fundo do RBRP11. Leia a coluna completa aqui.

5 - O Rei Leão 2021

Na semana que vem está marcada a estreia do espetáculo “O Rei Leão 2021”. Não estou falando do filme da Disney, mas da temporada de declaração do Imposto de Renda. 

O programa da Receita Federal já está disponível para download e o prazo para entrega começa na segunda-feira, 1º de março. 

A versão 2021 tem regras novas para declarar criptomoedas e a possibilidade de receber a restituição em contas de pagamento. A Julia Wiltgen conta o que mudou neste ano e quem precisa declarar

Um grande abraço e ótimo sábado!

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: impasse dos precatórios deve pressionar bolsa hoje antes dos dados do varejo nos EUA

Além disso, no radar ficam o risco fiscal antes da eleição de 2022 e os dados da economia dos Estados Unidos, com destaque para os pedidos de auxílio-desemprego

NA B3

Ações do setor de saúde foram as que menos sofreram em agosto

Levantamento da Teva Índices mostra que os papéis do comércio e da construção foram os mais castigados no mês passado

NÃO AGRADOU

IBP critica mudanças regulatórias na venda de combustíveis

Representante das grandes distribuidoras de combustíveis defende manutenção do modelo de exclusividade no mercado de revenda de derivados de petróleo

Tempo de entrega menor

Randon terá linha férrea própria no interior de SP

Linha férrea partirá de dentro da fábrica e percorrerá 1,5 km transportando vagões, reboques e semirreboques a um ramal principal na mesma cidade; expectativa é de que a obra fique pronta em 2023

Entrevista exclusiva

Após vender Hortifruti para Americanas, Partners Group quer investir US$ 300 milhões e lançar fundo para o varejo no Brasil

Com um total de US$ 120 bilhões sob gestão, responsável pela gestora suíça no Brasil e América Latina fala ao Seu Dinheiro sobre potenciais alvos de aquisição e “concorrência” com IPOs na B3

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies