O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-12-01T11:07:25-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Índice em expansão

Casa cheia: Porto Seguro (PSSA3) e Positivo (POSI3) entram na primeira prévia do novo Ibovespa

As units da GetNet (GETT11) foram excluídas da carteira nessa primeira prévia; com isso, o Ibovespa começaria 2022 com 93 ativos

1 de dezembro de 2021
10:59 - atualizado às 11:07
Logos da Positivo (POSI3) e Porto Seguro (PSSA3), lado a lado
Logos da Positivo e Porto Seguro lado a lado - Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Não é segredo para ninguém que o Ibovespa está em expansão: o principal índice da bolsa brasileira, que hoje tem 92 ações de empresas de diversos setores da economia, era bem mais concentrado num passado não tão distante — em janeiro de 2018 eram 'apenas' 64 ativos. E esse processo de crescimento tende a continuar, com Porto Seguro ON (PSSA3) e Positivo ON (POSI3) despontando como prováveis novas integrantes do portfólio.

Há pouco, a B3 divulgou a primeira prévia do novo Ibovespa; os principais índices acionários da bolsa são revisados a cada quatro meses. Além da inclusão das duas novatas, a versão preliminar também traz a exclusão das units da GetNet (GETT11) — elas constavam na carteira por terem sido cindidas do Santander (SANB11) em outubro.

Vale lembrar que o martelo ainda não está batido: ao longo de dezembro, a B3 ainda divulgará duas outras prévias, sendo que a terceira é a definitiva. O novo portfólio do Ibovespa — que, ao menos por ora, terá 93 ações — começará a valer em janeiro.

A inclusão de Porto Seguro e Positivo, aliás, não chega a surpreender: o BTG Pactual já apostava na entrada das duas empresas no novo Ibovespa. Em relatório divulgado em novembro, o banco também previu a inserção de CSN Mineração (CMIN3), Cesp (CESP6) e 3R Petroleum (RRRP3); a exclusão da GetNet já era esperada.

Tabela mostrando as entradas e saídas da carteira do Ibovespa desde janeiro de 2018

Ibovespa: mais diversificado, mas mais concentrado

Apesar do crescimento do Ibovespa em número de ações, o principal índice da bolsa brasileira está cada vez mais concentrado em termos de participação relativa. As blue chips — empresas de grande porte cujos papéis possuem liquidez elevada — continuam com um peso muito grande no portfólio, em especial a Vale (VALE3).

A mineradora, que hoje responde por 12,1% do Ibovespa, aumentou ainda mais a sua presença: de acordo com a primeira prévia do índice, ela terá um peso de 14,829% a partir de janeiro. Veja o top 5 da versão preliminar para o começo de 2022:

  • Vale ON (VALE3): 14,829%;
  • Petrobras PN (PETR4): 6,742%;
  • Itaú Unibanco PN (ITUB4): 5,363%;
  • Bradesco PN (BBDC4): 4,686%; e
  • Petrobras ON (PETR3): 4,059%.

Ou seja: esses cinco papéis, somados, terão uma participação relativa de mais de 35% no portfólio do Ibovespa, caso essas proporções sejam mantidas. Um sinal de que as novas entrantes ainda têm um longo caminho a percorrer para, de fato, terem influência nos rumos do índice.

Porto Seguro (PSSA3) e Positivo (POSI3): as novatas

As duas companhias que foram incluídas na primeira prévia do índice comprovam a tese: Porto Seguro ON (PSSA3) tem uma participação de meros 0,203% na composição da carteira; Positivo ON (POSI3) é ainda menor, com apenas 0,035%.

A entrada ou saída de uma ação do Ibovespa e dos demais índices da B3 obedece a uma série de critérios previamente estabelecidos pela bolsa; questões como a liquidez dos papéis e o status das companhias — empresas em recuperação judicial, por exemplo, não são elegíveis — são levadas em conta.

Quanto ao desempenho das duas novatas, destaque para POSI3: do começo do ano para cá, as ações da Positivo praticamente dobraram de valor, destoando da forte instabilidade que atinge o setor de tecnologia. PSSA3 acumula perda de 3% em 2021, mostrando perdas relativamente tímidas em meio à turbulência da bolsa no segundo semestre.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

BYE BYE GOVERNO!

Privatização vem aí: conselho do PPI altera regras da capitalização da Eletrobras (ELET3); saiba por que mudou

O TCU aprovou na sessão de quarta-feira (18) o processo de privatização da companhia — a proposta do relator venceu por 7 votos a favor e 1 contra

NOVO SHAPE

Da academia pra carteira: Smart Fit (SMFT3) tem potencial de alta de 34%, diz Itaú BBA — saiba se é hora de comprar

Depois do confinamento provocado pela covid-19, a indústria fitness enfrenta agora um cenário desafiador, com inflação alta, segundo o banco de investimentos

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

VAI TER DISNEY?

Dólar acumula desvalorização de 12,59% frente ao real no ano — veja o que mexe com o mercado de câmbio

A moeda norte-americana teve o pior desempenho semanal em quase dois meses, quando levou um tombo de mais de 5%

SOBE E DESCE

IRB (IRBR3) lidera pelotão de altas do Ibovespa e Méliuz (CASH3) vai na direção oposta — veja o que foi destaque na bolsa na semana

Lá fora, as negociações da semana foram marcadas pela entrada do S&P 500 no chamado bear market, ou território de queda; por aqui, o principal índice da B3 acumulou ganhou de 1,46%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies