2021-09-21T16:04:46-03:00
Caio Nascimento
Caio Nascimento
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP) e com passagens pelo Estadão e Jornal da USP.
Mercado cripto

Criptomoedas podem se destruir entre si com aumento da concorrência no longo prazo – até que ponto isso faz sentido?

Disputa acirrada entre projetos do mercado cripto que não param de pipocar obriga investidor a ser cada vez mais seleto; ‘Seu Dinheiro’ apresenta seleção de criptomoedas promissoras do médio ao longo prazo apuradas com analistas – confira

21 de setembro de 2021
16:04
Bitcoin, Ethereum e... Doge? Dogecoin virou moeda séria agora? - Imagem: Shutterstock

Se você não ficar rico com criptomoedas nos próximos 10 anos, a culpa é sua”. Essa foi a fala do americano Erik Finman, de 21 anos, sobre o futuro dos investidores diante da escalada das criptomoedas. Ele investiu US$ 1 mil em bitcoin quando tinha 12 anos e hoje tem US$ 4,5 milhões, após uma alta de 450.000%.

A afirmação do jovem milionário pode fazer sentido no longo prazo, visto que é natural do criptomercado valorizações expressivas. Só a cripto de jogos Axie Infinity (AXS), por exemplo, subiu mais de 10.000% neste ano. Já a Cocos-BCX, também voltada para o mercado de games, é o destaque do ano, com mais de 200.000% no mesmo período.

Com tantos projetos cripto pipocando no mercado, é natural pensar que as chances de outras valorizações como essas voltarem a acontecer. Mas existe uma dúvida que ronda a cabeça de alguns investidores, incluindo o bitcoin: com o aumento cada vez maior de criptoativos - alguns com as mesmas finalidades -, não existe o risco de eles se pulverizarem e gerarem uma “canibalização” do mercado?

A resposta é sim...

… mas calma. Bernardo Teixeira, CFO da exchange (corretora de criptoativos) Ripio, explica em entrevista exclusiva ao Seu Dinheiro no nosso programa Papo Cripto no YouTube (acesse aqui) que essa canibalização foi ficando mais evidente desde 2017, quando ocorreram vários forks do bitcoin, responsáveis por gerar criptos como o Litecoin e o Bitcoin Cash.

“Hoje existe um cenário parecido, com tecnologias como a Solana e a Polkadot, ganhando mercado. A diferença é que essas novas criptos estão criando aplicações novas, coisas que não existiam em 2017, como contratos de DeFi [finanças descentralizadas], NFTs e mundos virtuais que não existiam antes”, completa.

VEJA TAMBÉM: CRIPTO AXS VALE A PENA? Como ganhar dinheiro com a AXIE INFINITY? Token subiu 12.000% em 2021

Assim, pode ser que uma competição acirrada valorize algumas criptos em detrimento de outras. Bernardo, inclusive, explica no programa Papo Cripto como fica o bitcoin nesse cenário.

Você pode conferir logo abaixo. Mas antes convido você a assistir os motivos pelos quais o bitcoin pode voltar a subir. Confira no vídeo a seguir e aproveite para ver outros conteúdos sobre criptomoedas, análises de ações e educação financeira no nosso YouTube (basta clicar aqui):

Bitcoin pode ser superado na competição das criptos?

Bernardo Teixeira avalia que o bitcoin joga numa liga diferente. “Ele não disputa para ser mais eficiente, barato e rápido. O desafio do bitcoin está um nível acima: ser resiliente, escasso e cada vez mais descentralizado”, diz.

“Nesses três quesitos, o bitcoin é infinitamente melhor do que o Ethereum, Solana e Polkadot. Ele tem muito mais nós descentralizados. Ele realmente provou a escassez dele de 21 milhões ao longo do tempo... e é praticamente impossível alterar o cronograma de emissão de bitcoins”, destaca. 

ASSISTA À 2ª EDIÇÃO DO ‘PAPO CRIPTO’, ONDE NOSSOS REPÓRTERES CONVERSAM COM OS MAIORES NOMES DO MERCADO DE CRIPTOMOEDAS NO BRASIL. BASTA CLICAR AQUI

Já na “segunda divisão”, Bernardo Teixeira enxerga uma acirrada disputa entre os contratos inteligentes e NFTs. Dito isso, é importante você ficar de olho em criptos promissoras, com grande potencial de se saírem vencedoras desse processo e entregar ganhos exponenciais. 

O Seu Dinheiro aconselha você a ver o vídeo que o analista de criptoativos André Franco gravou para o nosso canal no YouTube sobre a AXS, uma cripto de jogos que representa uma revolução da indústria de games.

Ela representa o jogo Axie Infinity, no qual os usuários, diferente dos jogos tradicionais, são pagos para jogar. A inovação fez o game ficar famoso em países com salários mínimos miseráveis, como a Filipinas e Venezuela, onde a população o joga para complementar renda. Sua inovação o fez subir mais de 10.000% até agora em 2021… o mesmo que transformar R$ 100 em mais de R$ 10 mil. Confira a análise abaixo

6 criptos para ficar de olho

É importante destacar que o mercado de criptomoedas é correlacionado. Ou seja, quando o bitcoin - moeda mais capitalizada do mercado - sobe, a tendência é que muitas outras criptomoedas (incluindo aquelas fora do radar) se valorizem. Em alguns casos, até 10x, 20x, 30x mais que o bitcoin, como foi o caso do AXS, Cocos BCX, AAVE, SNX e outras.

Assim, o Seu Dinheiro conversou com analistas relevantes do criptomercado e listou neste vídeo as 6 criptos mais promissoras do mercado, além do bitcoin, com projetos, atualizações e iniciativas que podem valorizá-las de forma expressiva do médio ao longo prazo. Quem seguiu nossa apuração de recomendações de analistas já ganhou dinheiro

E, embora lucro passado jamais seja garantia de retorno futuro, ainda é possível captar valorizações diante do atual estresse do mercado cripto, provocado pelo atual estresse de curto prazo dos mercados globais. Afinal, muitas criptos ficaram descontadas sem perder os fundamentos. Confira abaixo: 

ACESSE AQUI O CANAL DO SEU DINHEIRO NO YOUTUBE, COM ANÁLISES DE MERCADO, OPORTUNIDADES DA BOLSA, NOTÍCIAS IMPORTANTES PARA O SEU PATRIMÔNIO E MUITO MAIS

Educação financeira nunca é demais

Vale ressaltar que é importante diversificar seu patrimônio. Assim, no canal do Seu Dinheiro você encontra insights também de investimentos em ações, fundos imobiliários, renda fixa e muito mais. Confira alguns exemplos abaixo:

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

NOVATA NA FINAL

Não estranhe: patrocinadora da final entre Palmeiras e Flamengo é a nova corretora de criptomoedas do Brasil; conheça Crypto.bom

A exchange resolveu investir no segmento de esportes e patrocina Fórmula 1, NBA e até o campeonato europeu

Raio-X

Análise: Por que a alta da inflação pode ameaçar o pacote de infraestrutura de Joe Biden?

O presidente americano tem ambiciosos planos pela frente, mas a alta da inflação e gargalos estruturais da economia podem alterar o rumo

A SEMANA EM GRÁFICOS

Covid-19 pressiona aéreas, turismo, Ibovespa e bitcoin, mas inflação avança no mundo: entenda a última semana com estes gráficos

As companhias aéreas sofreram perdas significativas na bolsa esta semana e nem o bitcoin (BTC) conseguiu se salvar

O MELHOR DA SEMANA

Piora da covid no mundo e criptomoedas além do bitcoin (BTC): 5 assuntos mais lidos no Seu Dinheiro esta semana

O mercado já trabalhava amplamente com a visão do verdadeiro normal. Mas os mercados globais voltaram a entrar em pânico com a covid-19

PAPO CRIPTO #007

Tecnologia que criou o bitcoin (BTC) pode reduzir custo de captação de recursos em quase 70%, diz chefe de ativos digitais do BTG

“Empresas pequenas e médias têm menor possibilidade de acesso ao mercado de capitais, muito por causa dos custos envolvidos”, comenta