Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-08-03T11:49:27-03:00
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
Na mira da lei

O que bitcoin e carro tem em comum? Para o novo diretor da CVM americana, ambos precisam de limites

O novo chefe da SEC, a CVM americana, é um entusiasta de criptomoedas e deve trazer um time de peso para sua equipe

3 de agosto de 2021
11:47 - atualizado às 11:49
bitcoin, carro, car, criptomoeda
Imagem: Shutterstock

Desde a fabricação do primeiro carro até as primeiras leis para regulamentar o uso do automóvel, o trânsito do mundo viu um momento caótico. Desde a escolha da mão inglesa até o limite de velocidade, a lei precisou aparecer até mesmo para deixar o uso do carro mais seguro e popular. 

É assim que pensa o novo diretor da SEC, a CVM americana sobre o bitcoin. Em entrevista à Bloomberg, Gary Gensler afirmou que vê a regulamentação de criptomoedas como um caminho positivo e necessário, tendo em vista que o mundo de criptoativos tem crescido e se diversificado nos últimos anos.

Como uma analogia, ele diz que a indústria automobilística não decolou totalmente até os governos estabelecerem regras de direção. Limites de velocidade e semáforos forneciam segurança pública, ao mesmo tempo que davam espaço para os carros entrarem na vida das pessoas.

Entusiasta do bitcoin

Gensler é um entusiasta das criptomoedas e analisa que a regulamentação não precisa ser uma “mão de ferro” para conter a especulação. Inclusive, o novo chefe da SEC afirmou que “se alguém quiser especular, essa é sua escolha, mas temos o papel de proteger esses investidores contra fraudes”. 

As discussões envolvendo a legislação para criptomoedas como investimentos avançaram nos últimos anos. O próprio Gensler enviou ao Congresso uma lei que permite a SEC monitorar a atividade das exchanges nos Estados Unidos, apesar de os órgãos reguladores já terem muitos poderes em cima desse segmento. 

Enquanto o debate envolvendo o bitcoin fica amarrado a questões como “é uma boa reserva de valor?” ou “está mais para uma commodity, como o ouro, ou uma moeda como o dólar?”, Gensler vê o mercado de maneira diferente. Focar no bitcoin é desprezar milhares de outros projetos, com características que fogem à própria legislação americana. 

E quando sai?

Na agenda do novo diretor da SEC, o bitcoin entra como destaque, mas depois de outros 49 itens que estão com prioridade e não estão relacionados à criptoativos. Gensler cita, por exemplo, o caso da GameStop e o boom das meme-stocks, as ações que disparam por uma piada na internet no mercado americano. 

Além disso, o próprio presidente americano, Joe Biden, quer regras mais rígidas para que empresas se adequem às questões ambientais, como a redução de emissão de carbono. 

Mas a equipe de Gary Gensler deve contar com sete especialistas, focados nas áreas de oferta inicial de moedas (ICO, na sigla em inglês), plataformas de negociação e empréstimos, finanças descentralizadas, stablecoins, ETFs e fundos em cripto.

Mercado hoje

Apesar do tom moderado do novo chefe da SEC, os investidores em criptomoeda seguem com a cautela em alta, de olho nos próximos movimentos regulatórios dos Estados Unidos. Do outro lado do mundo, a China segue pressionando o setor de tecnologia, que também afeta o bom humor do mercado. 

Por volta das 11h20, o bitcoin recuava 2,94%, aos US$ 38.485,95. Mesmo assim, nos últimos sete dias, a principal criptomoeda do mercado acumula alta de 1,63%.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

IPO adiado

Bluefit: nem desconto de 20% garante estreia da rede de academias na bolsa

Inicialmente estimado em R$ 600 milhões, IPO da rede de academias de baixo custo agora deverá ter o valor reduzido e envolver apenas investidores institucionais, como fundos e fundações

Tensão EUA-China

Executiva da Huawei detida no Canadá em 2018 volta à China após acordo com os EUA

Confinada à cidade de Vancouver há quase três anos, onde havia sido presa sob acusação de fraude, CFO da Huawei, Meng Wangzhou, protagonizou incidente diplomático entre Canadá, EUA e China

o melhor do seu dinheiro

Mercados na semana: O destino da Evergrande, uma análise da Vale e seis ações indicadas por analistas

A semana que termina nos mercados foi marcada pela incerteza quanto ao futuro da incorporadora chinesa Evergrande e seus desdobramentos sobre a economia global. A crise na empresa, que tem um passivo oscilando à beira da insolvência, é consequência do aperto monetário e regulatório sobre o setor promovido pelo governo chinês desde o final do […]

Estimativas

Carrefour (CRFB3) divulga projeção para Atacadão e estima R$ 100 bi em vendas em 2024

A projeção de vendas brutas da rede no exercício social que se encerrará em 31 de dezembro de 2021 é de R$ 60 bilhões

PODCAST MESA PRA QUATRO

Da Conga até o Tik Tok: Gretchen conta de sua carreira artística e como administra seu dinheiro

Aos 60 anos, Gretchen relata sobre sua independência financeira e histórias de família e de carreira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies