';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-09-14T12:18:19-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Tomou a pílula vermelha

Ações da Nasdaq ‘entram na Matrix’ e serão negociadas como criptomoedas; entenda

A Nasdaq vai “clonar” seus papéis para serem representados por tokens em uma “bolsa de criptomoedas”

10 de setembro de 2021
11:27 - atualizado às 12:18
Neo ao lado de dois bitcoins, seus parceiros dentro da matrix
O que o Neo e a Nasdaq tem em comum? Ambos saíram do mundo real e foram para uma máquina criptográfica - Imagem: Montagem / Shutterstock

Você conhece as ações como uma representação do capital de uma empresa. E se os papéis, que hoje são negociados nas bolsas de valores, pudessem ser replicados dentro de um ambiente tecnológico paralelo como se fossem criptomoedas?

Seguindo a onda do novo filme Matrix, a bolsa norte-americana de Nasdaq passará a oferecer produtos focados em ações tokenizadas. Em outras palavras, será possível criar uma “bolsa em criptografia”, de acordo com a empresa. 

Dentro da Matrix

O Nasdaq Market Data Feeds, em parceria com a Finnhub e a Tiingo, ambas empresas de tecnologia em mercado financeiro, pretendem ampliar o alcance dos serviços da DeFiChain, uma blockchain focada em negociações de DeFis, as finanças descentralizadas. 

A DeFiChain irá oferecer, dentro de sua plataforma, uma “cópia” das ações listadas na Nasdaq, como Apple, Tesla, Amazon e GameStop, em forma de tokens correspondentes, lastreados em criptomoedas.

Desta forma, o investidor poderá investir diretamente na blockchain sem a necessidade de um home broker (o aplicativo de negociação das corretoras), de acordo com a empresa. 

Entrando na Matrix, ou, melhor dizendo, na blockchain da DeFiChain, as ações passam a ser representadas na forma de tokens. 

Assim como as criptomoedas, essas ações tokenizadas poderão ser compradas de maneira fracionada. Os pagamentos serão processados com a moeda digital nativa da blockchain do DeFiChain, a chamada DFI. Entretanto, os desenvolvedores não descartam a possibilidade de utilizar outras criptos com a expansão das atividades. 

Vantagens para o investidor

Além de replicar o preço e o valor de mercado de uma ação, esses tokens podem ser negociados durante as 24h de todos os dias, ao contrário do que acontece nas bolsas, que têm horários de abertura e fechamento e não funcionam nos finais de semana e feriados.

“Isso abrirá a porta para muitas pessoas que estão frustradas com os mercados tradicionais”, disse Julian Hosp, cofundador da DeFiChain, em uma entrevista na quinta-feira (09). “Como comunidade, estamos entusiasmados com isso”.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

DIAS 28 E 29

Lula tem fim de semana com folga na agenda, #TBT e Kid Bengala no site do PT

29 de janeiro de 2023 - 15:09

Única perturbação ao fim de semana de Lula parece ter sido a invasão do site do PT por hackers, na madrugada de domingo

JÁ É RECORDE NA AUSTRÁLIA

Quase bilionário, Djokovic iguala recorde de Rafa Nadal em Grand Slams

29 de janeiro de 2023 - 11:18

Djokovic dá a volta por cima, vence mais uma final na Austrália e chega à marca de 22 conquistas de Grand Slam na carreira

FIM DE SEMANA EM CRIPTO

Bitcoin (BTC) firma-se acima dos US$ 23 mil com investidores de olho no Fed

29 de janeiro de 2023 - 9:32

Depois de passar o sábado sem estabelecer uma direção clara, o bitcoin amanheceu no azul hoje, com alta de quase 2% nas últimas 24 horas

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: a primeira super-quarta do ano trará decisões de juros no Brasil e nos EUA; BCE também se reúne

29 de janeiro de 2023 - 8:11

O Copom, o Fed, o Banco Central Europeu (BCE) e o Banco da Inglaterra (BoE) definem suas novas taxas de juros; dados do mercado de trabalho nos EUA também estarão no radar

LOTERIAS

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 115 milhões; Lotofácil tem 3 ganhadores

29 de janeiro de 2023 - 7:49

Enquanto a Lotofácil segue fazendo a alegria dos apostadores, Mega-Sena está acumulada desde o sorteio da virada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies