Menu
2020-01-23T07:39:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
fim de semana fora

Bolsonaro vai à Índia, em viagem que inclui ao menos 10 acordos bilaterais

Na sexta, presidente cumpre agenda com protocolo de visita de Estado, que inclui reuniões com autoridades locais para assinatura de acordos

23 de janeiro de 2020
7:39
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro - Imagem: Alan Santos/Presidência da República

O presidente Jair Bolsonaro embarca nesta quinta-feira (23), para a Índia, onde é convidado especial para as celebrações do Dia da República, no próximo domingo (26).

CONVITE ESPECIAL. Você não precisa esperar décadas de trabalho para se aposentar. Veja como desfrutar da sua liberdade financeira ainda jovem. Saiba mais.

A viagem deve incluir a assinatura de pelo menos dez acordos bilaterais, em áreas como segurança cibernética, bioenergia e saúde. A previsão é que o avião presidencial chegue a Nova Delhi por volta das 16h desta sexta-feira (24), horário local, sem compromissos oficiais previstos.

No dia seguinte (25), o presidente brasileiro cumpre agenda com protocolo de visita de Estado, que inclui reuniões com o presidente indiano, Ram Nath Kovind, e o primeiro-ministro e chefe de governo do país Narendra Modi, para assinatura de acordos entre os dois países, além de uma declaração à imprensa.

Também está programada, no mesmo dia, uma visita ao Memorial em homenagem ao pacifista indiano Mahatma Gandhi. No domingo (26), Bolsonaro participará das comemorações do Dia da República da Índia.

Com empresários

No dia 27, também em Nova Delhi, Bolsonaro participa de café da manhã com empresários indianos para apresentar oportunidades de negócios no Brasil, com foco em investimentos no setor de infraestrutura. Depois, haverá um seminário entre empresários dos dois países.

Na sequência, a comitiva brasileira embarca para Agra, cidade que abriga o famoso mausoléu Taj Mahal, um dos principais monumentos da Índia. Será o último compromisso oficial de Bolsonaro no país asiático. Depois disso, ele embarca de volta ao Brasil, onde deve chegar na terça-feira (28), ainda sem previsão de horário. .

Vistos

Apesar de o governo trabalhar nesse sentido, Bolsonaro não deve anunciar durante a viagem a isenção de visto de entrada para turistas indianos. Isso porque ainda estão em andamento estudos que permitam viabilizar a medida, segundo o governo.

No ano passado, o Brasil isentou de visto de entrada os turistas provenientes de Japão, da Austrália, do Canadá e dos Estados Unidos. A medida foi tomada sem que houvesse reciprocidade desses países em relação aos turistas brasileiros.

*Com Agência Brasil

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Receita de volatilidade

Dólar tem forte alta com depoimento do presidente do Fed; volatilidade limita o Ibovespa

Moeda norte-americana registrou alta acentuada no início de uma série de depoimentos de Jerome Powell perante o Congresso dos EUA

recuperação econômica

Só teremos um ano cheio no turismo novamente em 2023, diz presidente da CVC

O presidente da CVC, Leonel Andrade, disse nesta terça-feira, 22, que o setor de turismo só deve voltar ao movimento pré-pandemia em 2023

discurso do presidente

Na ONU, Bolsonaro diz que incêndios são usados em campanha internacional

Ele afirmou que o apoio de instituições internacionais a esta suposta campanha é explicado pela riqueza dos biomas brasileiros

fatia de 37,5%

Data para follow on da BR Distribuidora ainda não foi definida, diz Petrobras

Venda das ações foi aprovada pelo Conselho de Administração da Petrobras em 26 de agosto. Efetivação depende de diversos fatores, inclusive as condições de mercado

reajuste

Petrobras aumenta preço da gasolina em 4%

Os preços do óleo diesel para consumo automotivo e marítimo foram mantidos. O reajuste passa a valer amanhã

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements