Menu
2020-11-16T14:07:43-03:00
Estadão Conteúdo
EFEITOS DA PANDEMIA

Anac aprova revisão extraordinária dos contratos de concessão de quatro aeroportos

Objetivo é recompor equilíbrio-financeiro dos contratos, prejudicado pela crise da covid-19

16 de novembro de 2020
14:07
Aeroporto
Imagem: Shutterstock

A diretoria da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) aprovou revisão extraordinária do contrato de concessão de quatro aeroportos em razão dos prejuízos causados pela pandemia da covid-19. As decisões estão publicadas na edição desta segunda-feira (16) do Diário Oficial da União.

A primeira decisão refere-se ao Aeroporto Internacional de Porto Alegre (RS) e tem como objetivo recompor o equilíbrio econômico-financeiro do aeroporto em razão dos prejuízos causados pela pandemia. Segundo o despacho, o valor referente ao desequilíbrio verificado em 2020 corresponde a R$ 119,442 milhões.

Segundo a decisão, a recomposição do equilíbrio econômico-financeiro do contrato será realizada por meio da: revisão das contribuições fixa e variável devidas pela Concessionária a partir de 2020, após a anuência do Ministério da Infraestrutura; e majoração temporária de 15% (quinze por cento) das Tarifas previstas no Anexo 04 do Contrato de Concessão.

Em outra decisão, a diretoria da Anac aprova revisão extraordinária do contrato de concessão do Aeroporto Internacional de Fortaleza (CE).
Segundo o texto, o valor referente ao desequilíbrio verificado em 2020 corresponde a R$ 94,326 milhões. A recomposição do equilíbrio econômico-financeiro do contrato será realizada, após a anuência do Ministério da Infraestrutura, por meio da revisão das contribuições fixa e variável devidas pela Concessionária.

Também teve aprovada a revisão do contrato de concessão o Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão, com o objetivo de recompor seu equilíbrio econômico-financeiro. O valor referente ao desequilíbrio verificado em 2020 corresponde a R$ 365,660 milhões.

"A recomposição do equilíbrio econômico-financeiro do contrato será realizada, após a anuência do Ministério da Infraestrutura, por meio da revisão das contribuições fixa, variável e mensal devidas pela Concessionária", diz o texto da decisão.

Por fim, também foi aprovada revisão do contrato de concessão do Aeroporto Internacional de Florianópolis (SC). O valor referente ao desequilíbrio verificado em 2020 corresponde a R$ 37,193 milhões.

No caso do aeroporto de Florianópolis, a recomposição do equilíbrio econômico-financeiro do contrato será realizada por meio da revisão da contribuição variável devida pela Concessionária a partir de 2020, após a anuência do Ministério da Infraestrutura; e majoração temporária de 15% (quinze por cento) das Tarifas de Embarque, Conexão, Pouso e Permanência.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

novo sistema operacional

Microsoft apresenta o Windows 11 — aqui estão 7 novidades que você precisa conhecer

Nova versão do sistema operacional para computadores tem aplicativos de Android, novo design e Microsoft Teams melhorado; confira

Quem não arrisca...

Jive Investments aposta em agentes autônomos e educação para atingir varejo após aporte da XP

Sócio da gestora de investimentos alternativos, Guilherme Ferreira revela os motivos da preferência por operação privada ao invés de abrir capital

Aperto nas contas

Gastos extras vão reduzir ‘folga’ do teto de gastos em 2022, prevê governo

O avanço nas despesas obrigatórias, estimado em R$ 105,2 bilhões, é o que limita o “espaço livre” do governo para novos gastos no próximo ano

Inflação no horizonte

Choque de preços tem causa temporária, mas persistência maior, diz Campos Neto

Em coletiva do RTI, o presidente do BC, Roberto Campos Neto, disse que os efeitos dos choques de preços têm durado mais que o previsto

De São Roque para o mundo

Aeroporto da JHSF recebe autorização para operar voos internacionais

Com aval das autoridades, São Paulo Catarina se tornará o primeiro aeroporto internacional exclusivamente dedicado à aviação executiva no país

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies